Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.
As boas do fim de semana no Rio de Janeiro: 26.07

As boas do fim de semana no Rio de Janeiro: 26.07

Data

25 de July, 2019

Share

Black Alien

O cantor Black Alien | Foto: @Td92

O mister Niterói está de volta, e em sua melhor forma. Nesta sexta-feira, Black Alien apresenta — em primeira mão — sua nova pedrada: o álbum “Abaixo de zero: Hello Hell”. Já pode dizer que é um dos melhores discos do ano? Sim, com certeza, sem dúvidas, claro. Lançado no último mês de abril e produzido por Papatinho, o rapper vem mais afiado do que nunca e estrondando no domínio do latim em letras cruas e diretas sobre os seus últimos anos turbulentos. Ainda não ouviu? Então clique aqui, rápido! Os ingressos estão deslocados, mas talvez dê para achar um desistente aqui, ó.

Black Alien. Sexta-feira (26.07), às 22h. Ingressos (esgotados) a partir de R$ 50, aqui.
Circo Voador. Rua dos Arcos, s/nº – Lapa.

5 a Seco

(Foto: Dani Gurgel/Divulgação)

Após uma passagem pelo palco do Circo Voador em novembro do ano passado, a banda 5 a Seco volta ao mesmo lugar para um último show antes de uma pausa por tempo indeterminado. (Pois é, quando a gente menos esperava, o coletivo paulistano anunciou que iria sair numa turnê de despedida…). Nesses dez anos de estrada, Tó Brandileone, Vinicius Calderoni, Pedro Viáfora, Pedro Altério e Léo Bianchini lançaram três discos e fizeram parcerias com nomes como Lenine, Chico César e Maria Gadú. O repertório da apresentação inclui sucessos como “Feliz pra cachorro”, “Pra você dar o nome” e “Deixe estar”, entre tantas outras. Ah, a noite já começa emocionante, em nível hard, com a volta da banda Tuyo à lona.

5 a Seco. Sábado (27.07), às 22h. Ingressos a partir de R$ 50, aqui.
Circo Voador. Rua dos Arcos, s/nº – Lapa.

Ira!

Edgard Scandurra, da banda Ira! | Foto: Marta Ayor

Doze anos após o estrondoso sucesso do “Acústico MTV”, Nasi e Edgard Scandurra voltam aos palcos munidos de violão e voz para o show que denominaram de “ Ira! Folk”. Em formato nunca antes testado pelos roqueiros, as lindas canções compostas desde 1981 ganham versão menos apoteótica com poucos instrumentos ao palco.

Ira!. Sábado (27.07), às 22h. Ingressos a partir de R$ 40, aqui.
Teatro VillageMall. Avenida das Américas, 3900 – Barra.

Peraí, que tem mais

Nelson Sargento não perde o fôlego. Para comemorar seu aniversário de 95 anos, o bamba sobe ao palco, num show em que revisita alguns clássicos do samba, com direção musical de Paulão 7 Cordas.
Nelson Sargento. Quinta-feira (25.07), às 19h30. Ingressos a partir de R$ 50, aqui.
Teatro Rival. Rua Álvaro Alvim, 33/37 – Centro.

Depois de encerrar a turnê de “Amor e Música”, Maria Rita segue na estrada com o projeto paralelo de voz e piano. O show mais intimista reedita canções como “Cara Valente”, “Pagu” e “Num Corpo Só”.
Maria Rita. Quinta-feira (25.07), às 21h. Ingressos a partir de R$ 90, aqui.
Teatro Net. Rua Siqueira Campos, 143 – Copacabana.

O icônico grupo MPB4 apresenta o show “Você corta um verso eu escrevo outro”, histórias e músicas que sofreram censura no Brasil.
MP4. Quinta-feira (25.07), às 19h. Gratuito, com distribuição de senhas 1 hora antes do show.
Espaço Cultural BNDES. Avenida República do Chile, 100 – Centro.

Com o guitarrista Arthur Martau, Simone Mazzer reedita hits consagrados da música pop, trazendo frescor e novas sonoridades a clássicos. A combinação é contagiante.
Simone Mazzer. Sexta-feira (26.07), às 20h. Ingressos a R$ 60.
J Club (Casa Julieta de Serpa). Praia do Flamengo, 340 – Flamengo.

Nina Becker apresenta o show “Minha Dolores – Nina Becker canta Dolores Duran”, em que reverencia a icônica cantora e compositora da década de 1950.
Nina Becker canta Dolores Duran. Sexta-feira (26.07), às 22h. Ingressos a R$ 20.
Centro da Música Carioca Artur da Távola. Rua Conde de Bonfim, 824 – Tijuca.

O cantor Leo Maia homenageia seu pai, Tim Maia, num show que traz releituras de canções eternizadas, como “Gostava Tanto de Você”, “Não Quero Dinheiro” e “Primavera”. Claudio Zoli faz participação especial, com hits como “À Francesa”, “Noite do Prazer” e “Cada um Cada Um – A Namoradeira”. Para encerrar a noite, rola a festa Eu Amo Baile Charme.
Leo Maia + Claudio Zoli + Eu Amo Baile Charme. Sexta-feira (26.07), às 22h. Ingressos a partir de R$ 40, aqui.
Fundição Progresso. Rua dos Arcos, 24 – Lapa.

Domingo é dia de ouvir o El Miraculoso Samba Jazz, às margens da Baía de Guanabara. Programinha bom, hein…
El Miraculoso Samba Jazz. Domingo (28.07), a partir das 16h. Gratuito.
Praia Vermelha, s/nº – Urca.

Data

25 de July, 2019

Share

Filipe Isensee e Gustavo Cunha

Filipe nasceu em Salvador, mudou-se aos 9 anos para Belo Horizonte e, aos vinte e poucos, decidiu encarar o Rio de Janeiro. Há quatro anos conheceu Gustavo, cria da capital fluminense. Jornalistas culturais, gostam de receber amigos em casa e ir ao cinema. Cada vez mais são adeptos de programas ao ar livre - sempre que podem, incluem no passeio Chaplin, esperto vira-lata adotado há um ano.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.