De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital por Treviso

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

As boas do fim de semana no Rio de Janeiro: 20.07

Quem escreveu

Luiza Vilela

Data

19 de July, 2018

Share

Orquestra Petrobrás Sinfônica recebe Neil Thompson

O maestro britânico Neil Thompson, atual Diretor Artístico e Regente da Orquestra Filarmônica de Goiás, será o próximo convidado da série de concertos Portinari da Petrobrás Sinfônica. O programa começa com a abertura de “Der Freischütz, op.77 / J.277 – (O Franco-atirador)”, a primeira ópera romântica alemã, e traz ainda a “Sinfonia n° 1 em dó menor, op.11” de Felix Mendelssohn e “Variações Enigma, op. 36”, de Edward Elgar. Phyno, curto muito.

Orquestra Petrobrás Sinfônica recebe Neil Thompson. Sábado (21.07) às 16h. Ingressos a partir de R$ 20 (galeria), no local ou no ingressorapido.com.br.
Teatro Municipal. Cinelândia – Centro. 

Mostra Cavídeo 21 Anos

Talvez você seja muito jovem para conhecer a Cavídeo, esta que já foi a meca dos cinéfilos cults do Rio. Eu no caso não sou, e inclusive foi por causa da Cavídeo que eu cheguei, a trancos e barrancos, pela primeira vez na Cobal do Humaitá dirigindo meu próprio carrinho, com a carteira recém tirada, assim que cheguei do interior aqui na cidade grande. Pois é. A locadora virou produtora e agora, além de alugar, também faz filmes, e eis então o resultado dessa linda história. Uma mostra de cinema. No Estação. Muitas coisas incríveis. Estou particularmente ansiosa para sessão de sexta, dia 20, estreia do “Cidade Invisível”, dos querido sTerêncio Porto e Adriana Nolasco, sobre o Rio.

Mostra Cavídeo 21 Anos. De 19 a 26 de julho, horários variados. Ingressos na bilheteria a R$ 24 (12 a meia).
Ver programação. Estação NET Botafogo. Rua Voluntários da Pátria, 88 – Botafogo. 

Cineclube Delas – 2 anos!

O cineclube mais empoderado do Rio está fazendo dois anos e a comemoração vai ser dentro da programação da Mostra Cavídeo, yay. Serão exibidos o curta “Outono” de Anna Azevedo e a pré-estreia de SALTO NO VAZIO, primeiro longa-metragem dirigido por Patrícia Niedermeier em parceria com Cavi Borges. Após a exibição dos filmes haverá debate com as realizadoras mediado pela curadora e crítica de cinema Samantha Brasil.

Cineclube delas – 2 anos. Sábado (21.07) às 21h. Ingressos a R$ 24 (12 a meia).
Estação NET Botafogo. Rua Voluntários da Pátria, 88 – Botafogo. 

As Mil e Uma Noites

Segue em cartaz essa maravilha e eu sigo recomendando que vocês não percam. A montagem se divide em 33 sessões únicas onde, a cada noite, Sherazade narra uma história do livro original entrelaçada com depoimentos atuais de refugiados árabes. Apenas o prólogo se repete e faz um elo entre as apresentações: a trajetória da princesa para adiar a sua morte e enganar o rei.

As Mil e Uma Noites. De sexta a domingo às 20h. Ingressos a partir de R$ 15, aqui.
Oi Futuro Flamengo. Rua Dois de Dezembro, 63 – Flamengo. 

Quem escreveu

Luiza Vilela

Data

19 de July, 2018

Share

Luiza Vilela

Luiza S. Vilela é paulistana naturalizada capixaba, mas foi parar no Rio pra cursar letras há 12 anos e nunca mais saiu. Fugiu da vida acadêmica pra escrever, produzir conteúdo e, mais recentemente, casar pessoas. Já coordenou a editoria de FVM e Culinária da Revista Capitolina e contribuiu com Matador, Noo, Rio Etc, Modices e tantas outras. Bate um papo reto sobre literatura, claro, mas também sobre moda, culinária, feminismo e esportes. Site: www.luizaescreve.com

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.