Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital por Treviso

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

As boas do fim de semana no Rio de Janeiro: 08.02

Quem escreveu

Luiza Vilela

Data

07 de February, 2019

Share

Drama na Boca // Tantão e Os Fita // Valesuchi // Otimokarater

Podia estar na seção de shows, porque a banda Tantão e Os Fita faz um live, porém a BOCA é uma pistinha, tem Valesuchi e Otimokarater depois, então fica aqui junto com as festinhas. Pra quem não sabe, Carlos Antonio Mattos, o Tantão, é uma figura quase mítica da Lapa e da cena underground carioca como um todo, e ano passado lançou esse inesperado trabalho, gravado num jam session de uma noite, acompanhado de Cainã Bomilcar e Abel Duarte (no caso os “Fita”). Uma noite pra quem curte novos sons. Quem quiser saber mais e ouvir um pouco do som, tem uma matéria ótima sobre os caras aqui.

Drama na Boca // Tantão e Os Fita // Valesuchi // Otimokarater. Sexta (08.02) às 23h. Colaboração sugerida R$ 20.
BOCA. Praça Tiradentes, 85 – Centro. 

Passeio Lança-Chamas c/ DJ Guerrinha

Celebrando o calor maçarico que acomete o Rio, a Passeio organizou um fervo num posto de gasolina desativado no centro da cidade, pra fazer a temperatura subir ainda um pouco mais.  DJ Guerrinha, cabeça do selo 40% Foda/Maneirissimo, é o convidado que chega junto pra suar. De cueca na discoteca da Querida Intriga (seu coletivo de som / festa carioca), ou de sunga & boné no Festival Xama 2019 (onde tocou o frescor no réveillon da Bahia), Guerra é um DJ de muita qualidade sonora e simpatia nas performances. Estejam avisados.

Passeio Lança-Chamas c/ DJ Guerrinha. Sábado. 09.02 às 23h50. Ingresso R$ 15, apenas na hora, apenas em dinheiro. Com nome no mural do evento é de graça até 1h.
Rua Sacadura Cabral, 237 – Gamboa. 

Carnageralda apresenta: AXÉ FORTE com Matheus VK

Pra quem gosta de montação e axé, a boa do finde é colar no baile da Carnageralda, que tem dado festas temáticas concorridíssimas aqui na cidade. Com direito a show do Matheus VK, e depois pista a noite toda com os sucessos mais deliciosos que a Bahia já nos proporcionou. Eu diria que já vale uma montação bem carnavalesca.

Carnageralda apresenta: AXÉ FORTE com Matheus VK. Sábado 09.02 às 22h. Ingressos a partir de R$ 40, aqui.
Circo Crescer e Viver. Rua Carmo Neto, 143 – Cidade Nova. 

Peraí, que tem mais

Pra quem é de URSAL and não nega, sexta tem bailinho. Traje vermelho obrigatório, claro. 
Bailarico [Baile de Carnaval da URSAL]. Sexta (08.02) às 23h. Ingressos a partir de R$ 20, aqui.
Centro Cultural Carioca. Rua do Teatro, 37 – Centro.

Pra quem quer só aquele fervinho de graça, na rua, tomando uma gelada no mais querido da cidade. 
Febre Intima no Beco Das Artes. Sábado (09.02) às 22h. Gratuito.
Beco das Artes/Bar do Nanam. Praça Tiradentes – Centro.

Festinha nova no pedaço, mas com DJs consagradíssimos já. Bernardo Campos da RARA tocando de grátis ao ar livre – acho a proposta boa. 
TropiCals _ B/Co. Sábado (09.02) às 23h. Gratuito até às 1h.
B/Co. Rua General Luis Mendes de Moraes, 210 – Santo Cristo. 

Pra quem já está em ritmo de carnaval, tem bloco bom ensaiando no domingo.
Aquecimento Bloco Saymos Do Egyto / @Arco do Teles. Domingo (10.02) às 17h. Gratuito.
Praça XV – Centro. 

Quem escreveu

Luiza Vilela

Data

07 de February, 2019

Share

Luiza Vilela

Luiza S. Vilela é paulistana naturalizada capixaba, mas foi parar no Rio pra cursar letras há 12 anos e nunca mais saiu. Fugiu da vida acadêmica pra escrever, produzir conteúdo e, mais recentemente, casar pessoas. Já coordenou a editoria de FVM e Culinária da Revista Capitolina e contribuiu com Matador, Noo, Rio Etc, Modices e tantas outras. Bate um papo reto sobre literatura, claro, mas também sobre moda, culinária, feminismo e esportes. Site: www.luizaescreve.com

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.