De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Roteiros 12 horas por Treviso

Explorando cidades do nascer do sol ao fim da noite.

SP24hrs

Porque para amar São Paulo não é preciso firulas.

TooLatergram: o que vai sobrar para o turista quando o mundo acabar?

Quem escreveu

Renato Salles

Data

09 de April, 2018

Share

9 influencers postaram fotos maravilhosas, de lugares idílicos, em seus Instagrams. Seus milhares de seguidores aplaudiram, se deslumbraram, e desejaram um dia conhecer esses cantos fantásticos e intocados do mundo. Só que nem eles nem ninguém vai poder fazer isso. As fotos eram todas montagens digitais, de lugares que foram completamente destruídos pela ação do homem. A ação, criada pela WWF – World Wide Fund for Nature na França, é um grande alerta sobre o pouco que temos feito para conservar a natureza.

Un endroit que j’aurais tant aimé découvrir… ?
Malheureusement, aujourd’hui cet endroit ne ressemble plus à ça… ? (glisse la photo) #TooLatergram #AvantApres • Saviez vous que la grande barrière de corail australienne est l’une des sept merveilles naturelles du monde mais qu’en 30 ans, elle a perdu la moitié de sa surface ? ? • Ce n’est pas tout : la pollution a tué en masse les étoiles de mer et le réchauffement climatique a provoqué des épisodes de blanchissement de coraux à grande échelle.
Aujourd’hui, c’est avec #WWF que j’ai décidé d’agir en vous informant de cela à travers cette petite publication instagram, ce n’est pas grand chose mais c’était important pour moi de vous en parler. Alors, mobilisons-nous tous ensemble pour protéger les endroits qui peuvent encore l’être : https://www.wwf.fr/toolatergram (lien dans la bio) • N’hésitez pas à partager vos endroits que vous voudriez protéger avec le #TooLatergram ! #greatbarrierreef

A post shared by Guillaume Ruchon ?? Traveler ? (@guiruch) on

A campanha recebeu como nome uma hashtag: #TooLatergram. A mensagem é bem direta e forte, já é tarde demais. A grande barreira de corais na Austrália, por exemplo, é hoje tomada em boa parte por uma massa submersa de corais mortos. Montanhas viraram valas de extração mineral, florestas viraram pastos, praias viraram lixões a céus aberto. Enquanto isso estamos todos de braços cruzados, dando likes em fotos falsas de pessoas que não conhecemos.

Ok, o problema tem proporções globais, e abarca as maiores e mais poluentes empresas do mundo, presidentes que chamam o aquecimento global de intriga da oposição, congressos que entregam florestas inteiras para a exploração agropecuária, e o drama da nutrição de mais de 6 bilhões de pessoas. Você sozinho não vai conseguir fazer muito aí do seu sofá. Mas tem um monte de pequenas ações que se cada um colaborar um pouco, a gente pode começar a caminhar para o lugar certo. Usar menos plástico, diminuir o consumo de carne, cobrar atitudes ecológicas dos governantes, viajar de forma responsável….

A gente sempre sonha com os grandes cartões postais do mundo, e muitas vezes estar lá e ver a situação verdadeira do lugar pode ser uma experiência bem decepcionante. E as redes sociais são um agente bem crítico dessa situação. Só vemos, cada dia mais, o melhor ângulo, na melhor situação, com a melhor luz dos lugares. Mas com esse nível de destruição que estamos praticando, logo logo não vai ter filtro que consiga deixar os destinos bonitos. Bora tentar salvar o restou?

Quem escreveu

Renato Salles

Data

09 de April, 2018

Share

Renato Salles

Para o Renato, em qualquer boa viagem você tem que escolher bem as companhias e os mapas. Excelente arrumador de malas, ele vira um halterofilista na volta de todas as suas viagens, pois acha sempre cabe mais algum souvenir. Gosta de guardar como lembrança de cada lugar vídeos, coisas para pendurar nas paredes e histórias de perrengues. Em situações de estresse, sua recomendação é sempre tomar uma cerveja antes de tomar uma decisão importante. Afinal, nada melhor que um bom bar para conhecer a cultura de um lugar.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.