Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital por Treviso

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

As boas do fim de semana em São Paulo: 31.05

Quem escreveu

Tava Passando

Data

30 de May, 2019

Share

New Faces on the Block pra conhecer novos DJs, Batekoo pra dançar, Festival Path pra explodir a cabeça, Poesia Visual Brasileira pra inspirar e vários bares pra brindar com uma Smirnoff Tônica. Junho chegou chegando!

Foto: I Hate Flash
Foto: I Hate Flash

Neste sábado rola a segunda edição da festa gratuita e de rua. Patrocinada por Smirnoff Tônica, um drink que é a cara da festa que tem jeitão de reunir os amigos, tem como objetivo revelar e dar espaço para novos DJs e produtores da cena da música eletrônica, a New Faces on the Block. Criadas pelas minas maravilhosas da Marfa, a festa já estreou fazendo barulho e repete a dose, trazendo agora um lineup com Meraki (do coletivo Sonido Tropico), Marina Luiza Pinto e o groove recheado de brasilidades da DJ Carlota. Além da trilha sonora impecável, tem performance da Tha Ys e os visuais a cargo de nossos queridos Caio Fazolin e Tatiane Gonzalez, criando o clima perfeito para um final de tarde descontraído. Vem suave, os 60 primeiros ganham um Smirnoff Tônica de boas – vindas e dance gostoso!
New Faces on the Block. Sábado (01.06) a partir das 16h. Gratuito.
Praça Cornélia, Lapa

Você já ouviu falar de house orgânico? Neste sábado você terá a chance de conhecer essa mistura de instrumentos reais com beats “housefônicos” através de um dos maiores representantes deste gênero musical, o Goldfish. Nascida na África do Sul, a dupla foi incubada nos círculos musicais do jazz mas logo passou a incorporar elementos eletrônicos em seu trabalho, criando uma nova sonoridade em que o baixo acústico, a flauta e o saxofone são a cobertura para batidas 4 por 4 típicas da house music. Essa guinada sonora alavancou o Goldfish das pistas underground direto para estádios, festivais e festas enormes no mundo todo, como é o caso desta edição do Music Motion Festival. Além da dupla africana, ainda vai rolar a Orquestra Voadora e os DJs Pontifexx, Dre Guazzelli, Salk Music e Sarah Stenzel e mais inúmeras experiências para o público, que vão de tarô e cartomante até alimentação funcional e músicos instrumentais, para você passar a tarde inteira curtindo a vibe.
Music Motion Festival. Sábado (01.06) a partir das 14h. Ingressos: De R$ 125 a R$ 255.
Aeroporto de São Paulo Campo de Marte. Avenida Santos Dumont, 1979, Santana

Dá gosto de ver o sucesso da Batekoo! Nascida em Salvador, a festa rapidamente abriu seus tentáculos no Rio e em São Paulo, sempre apostando na força e representatividade negra – seja na estética ou na sonoridade – atraindo assim milhares de fãs que lotam todas as suas edições. E o coletivo não parou por aí, certamente hoje é um dos mais importantes do Brasil, com edições em dezenas de outras cidades, convites para grandes festivais – incluindo o incrível Afropunk deste ano – e até um selo musical focado em artistas negros e independentes. Mas além de tudo isso, o mais importante precisa ser dito: a festa é boa demais!
BATEKOO. Domingo (02.06) a partir das 16h. Ingressos: De R$ 10 a R$ 20.
Bar Cork. Rua Líbero Badaró, 633, Centro

Programação intensa de papos, palestras, oficinas e workshops sobre tecnologia, inovação, informação, comportamento, sociedade, educação etc. O Path é o “SXSW brasileiro”, e só faz crescer, agora ocupando vários espaços da Avenida Paulista em dois dias inteiros de explodir a cabeça, para aprender, descobrir, fazer networking e muito mais.
Festival Path 2019. Sábado (01.06) e domingo (02.06) das 8h às 22h. Ingressos: R$ 249.
Vários lugares da Avenida Paulista

Um recorte panorâmico da rica e diversificada produção da poesia de vanguarda brasileira,  com obras em diversas linguagens e suportes tecnológicos, a partir do acervo do artista Paulo Bruscky, passando por movimentos como modernismo e concretismo.
História da Poesia Visual Brasileira. A partir de quinta (30.05) às 19h. Até 08.09. Gratuito.
Sesc Bom Retiro. Alameda Nothmann, 185, Bom Retiro

Pra petiscar uma linguiça acompanhada de uma Smirnoff Tônica, encontrar os amigos, pedir um galeto e ver o movimento do bairro até o comecinho da noite. Um dia perfeito na Vila Madalena!
Galinheiro Grill.
Rua Inácio Pereira Da Rocha, 231, Vila Madalena

Para gente bonita, clima de paquera, happy hour, Smirnoff Tônica e várias fotos no Instagram, a opção é o Santo Cupido. O bar do Itaim tem dois ambientes: um cheio de sofás e com pista para festinhas, e um rooftop para quem quer curtir ao ar livre.
Santo Cupido.
Rua Prof. Atílio Innocenti, 101, Itaim Bibi

 

Aprecie com moderação. Não compartilhe com menores de 18 anos.

Quem escreveu

Tava Passando

Data

30 de May, 2019

Share

Tava Passando

Tavapassando e cliquei. Danilo Cabral e Flavia Lacerda registram seu dia a dia e todos os lugares por onde estão passando, em um mini-guia de shows, restaurantes, ruas e pixos no Instagram.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.