Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital por Treviso

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

Portugal Tantra Festival 2019: biodanza, cacau e conchinha coletiva

Quem escreveu

Carolina Turboli

Data

15 de July, 2019

Share

O Portugal Tantra Festival aconteceu em Monchique entre os dias 3 e 8 de junho de 2019, na Awakeland Community, uma comunidade tântrica e sustentável bem no meio do Algarve. Foram 6 dias de yoga, meditação, biodanza, Tantra, Cerimônia de Cacau, Templo do Amor, gatherings de partilha, alimentação vegetariana, celebração, música e muito amor.

Gatherings de Partilha

Todos os dias, os participantes eram convidados a se reunirem de manhã no Domo do Ar para dançarem juntos e partilharem como estavam com suas famílias. As famílias foram escolhidas no primeiro dia do festival.

Esse era o momento de partilhar expectativas, medos, experiências do dia anterior e ouvir qual seria a programação do dia. Também era uma ocasião propícia para fazer novos amigos e caminhar juntos após o encontro para o local onde um delicioso café da manhã vegetariano era servido. Todos os nossos dias deveriam começar assim, não acham?

Créditos: Divulgação Portugal Tantra Festival

Biodanza para a Alma

Os workshops de biodanza – a “dança da vida”, traduzido do espanhol – fizeram parte de todos os dias do Tantra Festival. A biodanza foi criada pelo chileno Rolando Toro e é um sistema afetivo de desenvolvimento humano baseado em vivências dançantes no aqui e no agora. Os workshops serviram para integrar os participantes, elevar os níveis hormonais de serotonina, endorfina e dopamina e gerar experiências de profunda conexão e intimidade.

Os workshops tinham o objetivo de contribuir para a renovação orgânica e reaprendizagem das funções originárias e instintivas da vida para o desabrochar das suas potencialidades. Foram parte fundamental da programação e muito intensas, acontecendo no meio da tarde entre workshops de Tantra e antes do Love Temple que acontecia todas as noites, sobre os quais falo logo a seguir.

Créditos: Divulgação Portugal Tantra Festival

Nos workshops de biodanza, por mais que o ar condicionado estivesse ligado, as aulas pegavam fogo, e era possível sentir não só o calor e suor dos participantes como também a sensação de pertencer a humanidade. Mesmo para quem já praticava biodanza antes, como eu, foi uma experiência única viver esses momentos com 200 pessoas, no meio da natureza e em um festival de Tantra. Recomendo a todos aqueles que estão vivos!

Workshops de Tantra com Respiração e Toque Consciente

O festival contava com uma equipe muito qualificada de facilitadores tântricos e havia mais de um workshop acontecendo simultaneamente durante o evento. Vou partilhar um pouco da minha experiência nos workshops em que eu estive e o que se pode esperar desse tipo de trabalho.

Um dos workshops mais marcantes para mim foi um Workshop de Confiança, em que fizemos uma dinâmica onde voltamos a ser bebês e éramos acolhidos pela nossa família. O grupo foi dividido de 6 em 6 pessoas e cada família revezava o momento onde um participante ia para o centro, despia-se, fechava os olhos e era recebido por seus familiares com palavras amorosas como “Seja bem vindo”, “Você foi muito esperado”, “Nós te amamos”, “Você é lindo e perfeito”, além de carícias e abraços. No fim, cada participante era abraçado em uma “conchinha coletiva” e dava lugar para outro participante ir para o meio e ser acolhido também. Houve muitas lágrimas, emoções primitivas e certamente foi uma experiência de renascimento pra levar para a vida toda.

Créditos: Divulgação Portugal Tantra Festival

Em um outro workshop conduzido pelo casal Hariprem e Kaulika, fizemos uma respiração cósmica. Cada um escolhia um par para estar a sua frente e estávamos todos em círculos. A Respiração começava com inspirações profundas em que abríamos os braços para receber a energia do céu. Em seguida, as inspirações profundas eram voltadas para receber a energia do Centro da Terra. Na prática, Céu e Terra representavam pai e mãe, masculino e feminino, divino e terreno, e a respiração foi mais profunda do que eu imaginava – uma celebração cósmica como o nome propunha, conduzida com muito amorosidade e generosidade. Ao final das respirações do Céu e da Terra, respirávamos com os nossos pares, recebendo e doando energia, e depois nos derretendo em um abraço igualmente cósmico. Foi uma experiência profunda de intimidade tanto comigo mesma quanto com o meu parceiro, pelo qual serei eternamente grata.

União (e Cura) entre masculino e feminino

Cada dia do festival tinha uma proposta, desde conexão consigo mesma, passando por conexão animal – anjo, até união entre o masculino e feminino. O dia da união entre o feminino e o masculino foi muito forte, pois mulheres e homens fizeram gatherings diferentes para trabalhar suas energias para depois se reunir em um gathering geral. Como eu estava no gathering das mulheres, só posso partilhar aquilo que vivi com as outras mulheres, mas posso garantir que o gathering dos homens foi igualmente transformador.

No gathering das mulheres começamos por dançar e fazer uma vivência no solo, sentindo e empoderando o nosso quadril, dançando no chão e sendo estimuladas a expressar o nosso som. Quando levantamos, fomos caminhando pela sala olhando nos olhos de outras mulheres e, em um determinado momento, as mulheres foram se sentindo confortáveis para se despirem. Foi um momento mágico ter 100 mulheres caminhando nuas pelo salão, celebrando a vida e os seus corpos, celebrando sua condição humana e partilhando através do olhar e do ritmo suas dores e delícias. Tive muitos momentos de muita emoção e alegria, e encontros de alma com algumas mulheres que partilhei danças e abraços.

Depois disso, ainda aprendemos uma técnica de automassagem nos mamilos com óleo de coco. Quem diria que era possível ter orgasmos somente estimulando os mamilos? Isso sim é tântrico e revolucionário! No final do nosso gathering, os homens estavam esperando à porta para se juntar a nós. Eu estava tão feliz que fiquei receosa – o que aconteceria? Não tenho palavras para explicar a cura que foi processada nesse encontro, mas vou tentar descrever brevemente pra vocês.

Quando os homens entraram, cada um se posicionou diante de uma mulher. Eles foram convidados a pedir perdão por todos os homens e reverenciar a mulher diante deles, que representava todas as mulheres de sua vida, desde sua mãe. Eu chorei muito. Eu precisava receber aquele perdão. Da mesma forma, depois nós invertemos e pedimos perdão reverenciando o masculino e todos os homens que passaram diante de nossas vidas. O salão todo estava úmido, quente e emocionado. Todo mundo deveria ter direito a passar por um momento desses e experimentar oferecer e receber perdão e reverência.

Créditos: Divulgação Portugal Tantra Festival

Gathering Masculino e Feminino

Noites no Templo do Amor: como funciona?

Ah, os Templos do Amor! Para alguns, o momento mais esperado do dia. Os Templos do Amor são playing places preparados para viver o afeto, a intimidade e a partilha de forma consciente e respeitosa. Nesses templos, orientados pelo tema de cada dia, antes de iniciar nós tínhamos um momento de música espiritual, de meditação e de orientação. Depois que os trabalhos abriam, podíamos tanto somente dançar e meditar quanto nos aventurar nos espaços temáticos preparados para o dia. Havia a Esquina do Beijo, na qual podíamos convidar alguém para dar um beijo e receber um feedback de um Anjo do Amor; a Esquina Cega, na qual colocávamos uma venda para sermos estimulados com penas, aromas, uvas, chocolates e outros mimos; a Esquina da Intimidade, onde poderíamos explorar os corpos de forma livre mas com consentimento; a Esquina do Cuddling, na qual poderíamos experimentar fazer conchinha com uma ou mais pessoas, e muitas outras esquinas.

Créditos: Divulgação Portugal Tantra Festival

Esses foram momentos de descoberta para mim do que significava pedir e receber consentimento a cada etapa. Também foi importante perceber a minha insegurança, o meu medo de rejeição, o meu medo de expressar desejo e de ser observada e julgada por outras pessoas. A cada noite tive experiências incríveis que eu nunca teria fora de um ambiente seguro, com tanta amorosidade e consciência. Um verdadeiro parque de diversões para o corpo e uma oportunidade de desenvolvimento espiritual e afetivo para a alma.

Uma Possibilidade de Viver Tantricamente

Tantra é um estilo de vida e uma filosofia milenar. Essas seis letras em sânscrito significam teia e a filosofia foi recuperada na New Age como uma maneira de viver o afeto e o corpo de forma consciente para atingir um êxtase transcendental através do corpo, e não negando o corpo.

Como vocês podem ver, o festival foi incrível, e a bem verdade, por mais que seja divertido e intenso como um festival, a programação e a rotina tem muito mais o estilo de um retiro espiritual, até pela alimentação que temos e pela restrição de consumo de álcool e drogas. Esse é o tipo de experiência que prova que não precisamos de nada pra sermos felizes além de conexão, boa comida, amor e Natureza. Saí de lá profundamente renovada e disposta a trazer os aprendizados de consentimento, afetividade e Tantra para a minha vida pessoal.

O Domo do Ar durante o Portugal Tantra Festival, na Awakeland 
O Domo do Ar durante o Portugal Tantra Festival, na Awakeland. Créditos: Divulgação Portugal Tantra Festival

Para quem quiser conhecer a programação da Awakeland, eles oferecem outros tipos de retiro ao longo do ano, além de voluntariado e outras modalidades de visita e hospedagem. Vale a pena conhecer esse local mágico!

Quem escreveu

Carolina Turboli

Data

15 de July, 2019

Share

Carolina Turboli

Ver todos os posts

Comentários

  • Vou te dizer, é muito legal e rejuvenescedor, liberta e desnuda a alma, fiz isso nos anos 80, porém mais intenso, mas para quem olha de fora parece tudo sacanagem e orgia, só que o valor do equilíbrio e da energia para quem participa é que vale o prazer, não é o sexo, mas o crescimento que se tem nestes dias e posteriormente por um longo tempo...
    - Maurice
  • Minha mulher eu não deixo entrar num negócio desses. E tenho certeza que ela também não me deixa.
    - GLAUCO DE ARRUDA BARLEBEM
  • Muito lindo ! Parabéns !
    - Marcos Piragiba Kieling

Adicionar comentário

Assine nossa newsletter

Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.