Lifestyle

Giving Tuesday: o dia de doar

Quem escreveu

Vanessa Mathias

Data

27 de November, 2017

Share

O brasileiro já caiu de boca (e de bolso) na Black Friday, e hoje acordou enfurecido para aproveitar o Cyber Monday. Mas vivemos tempos em que consumo consciente é uma tendência que já passou da hora de surfarmos. Um dos nossos principais desafios como humanidade não é baratear ou ter acesso a mais, e sim reverter o colapso dos recursos naturais, combater a desigualdade e promover o bem-estar da sociedade. (Se quiserem saber mais sobre o assunto, dei uma palestra completa sobre marketing e consumo consciente aqui).

Comprar o que não precisa é consumir mais água, energia, e outros recursos que estamos “roubando” das gerações futuras. É incentivar que mais mão de obra não seja propriamente remunerada. E mais: acumular espaço e energia dentro da nossa própria casa. Mas se você se jogou na Black Friday, agora você tem a oportunidade de melhorar seu karma cósmico.

Importamos os dois “feriados comerciais” dos EUA mas quase ninguém ouviu falar da Giving Tuesday. Aqui no Brasil a Giving Tuesday é conhecida como Dia de Doar –  que acontece amanhã, dia 28 de novembro.  O Dia de Doar é um movimento de mobilização global que visa impulsionar a cultura de doação, a cultura de retorno à sociedade. A Giving Tuesday foi criada nos Estados Unidos em 2012, e tem apoio de parceiros como Skype, Mashable e Cisco, entre outros, justamente como uma resposta ao consumismo exacerbado do pós-Ações de Graças.

Mais do que simplesmente se livrar do que não quer mais, o movimento estimula uma cultura de doação.  É hora sim de abrir o armário, de ver o que não usa há mais de 6 meses, de movimentar o seu condomínio para retirada, mas também de visitar instituições que você se identifica e pensar em doações financeiras e recorrentes. Os websites da campanha ajudam a achar esses lugares.

Hoje já são mais de 35 países onde a Giving Tuesday acontece, em todos os continentes. O movimento no Brasil passou a fazer parte da rede global de engajamento em 2014. O Dia de Doar não tem dono, pertence a todos que seguem seus princípios. A marca #diadedoar pode ser usada livremente desde que com propósitos alinhados ao da campanha.

Considerando o quanto a cultura de doar no Brasil ainda é fraca, o Dia de Doar tem um potencial gigantesco para gerar uma mudança de atitude. O World Giving Index, o Índice de Solidariedade Mundial, mede o engajamento social de uma população levando em consideração três quesitos: ajuda a um estranho, doação de dinheiro a uma ONG e o voluntariado para uma causa social. O Brasil está em 75º lugar no ranking de solidariedade de países, atrás do Equador, da República Dominicana, do Haiti, da Nigéria e do Sudão do Sul, entre outros. O ranking mede o engajamento levando em consideração o percentual da população que doa e não a quantidade doada, para que não hajam distorções por conta de maior ou menor população. O 75º lugar do Brasil claramente ilustra o tanto de trabalho que tem a ser feito para que seja disseminado o senso de responsabilidade pelo desenvolvimento coletivo e a noção de que cada um pode contribuir para a mudança e o desenvolvimento do país. O Dia de Doar se apresenta nesse contexto como uma excelente ferramenta nessa direção.

O website da Giving Tuesday original é um banquete para o engajamento, com diversos pacotes, diretrizes e histórias de sucesso. Doador e receptor tem acesso a uma variedade de informações que ajudam na busca por recursos ou pela causa onde se deseja deposita-los.  A coleção de casos é verdadeiramente uma inspiração. Entre eles está o caso de uma empresa de catering em San Antonio, Texas, que oferece churrasco aos empregados de um posto de saúde local na Giving Tuesday, além de fazer uma doação em dinheiro ao posto, mostrando como um pequeno negócio pode se envolver e fazer a diferença no dia. Grandes empresas se oferecem para dobrar as doações feitas por seus empregados no dia. São várias as iniciativas, mostrando a força que o dia vem ganhando. Através do #mygivingstory, pessoas podem contar suas ações e motivações por trás da Giving Tuesday, concorrendo por votação popular a vários prêmios em dinheiro que serão doados para a organização sem fins lucrativos de sua escolha.

A Giving Tuesday tem sido um sucesso crescente, que deve ganhar ainda mais força à medida que mais pessoas passam a saber da existência desse dia. O que você pode fazer para participar?

–  Primeiro de tudo, promover o evento. Que tal compartilhar esse post com seus amigos para começar?

– Organizar uma doação no dia seguinte na sua empresa, no seu condomínio ou com aquele grupo de WhatsApp super engajado que você participa.

– Visitar o site e achar uma campanha para doar.

 

Texto escrito em conjunto com a Sissi Rossito, uma dessas almas caridosas que o mundo tem por aí. Aliás, por falar em doar, ela tem um projeto incrível com bebês que sofrem de uma rara doença: se quiser inspiração para uma ótima causa, é só entrar no site.

Quem escreveu

Vanessa Mathias

Data

27 de November, 2017

Share

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter