De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Roteiros 12 horas por Treviso

Explorando cidades do nascer do sol ao fim da noite.

SP24hrs

Porque para amar São Paulo não é preciso firulas.

Um chá da tarde para cidade toda

Quem escreveu

Jo Machado

Data

19 de July, 2016

Share

Quando uma marca tem a atitude de ocupar a cidade com atividades que convidam a população a ir pra rua, viver o que a cidade tem para oferecer, ela deve ser exaltada. Foi no último domingo, quando o sol estava brilhando lindamente no céu, que a Fusão de Chá com Limão fez do Vale do Anhangabaú um espaço de – e para – a comunidade aproveitar o lindo dia com a família e os amigos, em meio a diversas atrações musicais e artísticas. Tudo regado com o novo amigo da turminha Fuze, o Chá Verde com Limão. Quentinho para os friorentos e gelado para os mais energéticos.

20160717_115801
Me parece que São Pedro gosta de chá com limão.

No meio dos belos prédios do centro da cidade, e tendo como cartão postal o Viaduto do Chá, quem passou por lá certamente se jogou em alguma das oficinas ou se embalou com algumas das atrações musicais.
Captura de Tela 2016-07-18 às 19.06.34
Para quem tem horta em casa, ou quer se arriscar a cultivar seu próprio alimento, soluções e produtos inovadores da turma do NooCity estavam lá para serem vistos e manipulados. O pessoal da empresa também deu ótimas dicas para quem anda cuidando mal das plantinhas. Aqui em casa elas não morrem mais!
20160717_125227
A turma entusiasta da arte urbana tinha um cantinho cativo, com ninguém menos que o mestre-criador da Choque Cultural, Baixo Ribeiro, colocando a mão na massa e ensinando vários truques da arte do lambe-lambe. Da escolha do papel ao corte, deu para entender todo o processo de criação e execução dessa forma tão bacana de espalhar arte pelas ruas da cidade. Dava até para colar com as próprias mãos, trincha e cola o seu cartaz em uma parede ali do lado. E ninguém saiu de lá de mão abanando, viu? Dava para escolher e levar para casa vários lambe-lambes feitos especialmente para o evento.
Captura de Tela 2016-07-18 às 19.06.45
IMG_9297
Não dá para esquecer que rolou uma feirinha, com artesanato, discos e antiguidades.

Se em meio a tudo isso a fome batesse, era só dar um pulo na área dos food trucks e se deliciar com alguma das delícias que a Urbanóide escolheu para encher a barriguinha do pessoal. Teve as comidinhas orgânicas do Lox Deli, ótimas opções peruanas com o pessoal do Sabor Peruano, fish and chips, burgers, comida grega, argentina, e até um crème brûlée queimadinho na hora para adoçar o bico. Opções boas para matar a fome não faltaram.
IMG_9253
Mas e teve música boa?! Opa, se teve! Pra começar, e esquentar os motores assim que o sol apareceu no Vale, um jazz gostosinho da banda Pedro Pastoriz & Os Sheiks. Na sequência, um show a parte,  pra lá de animado da excêntrica banda Kick Buckett e suas bateria reciclada. A banda coloca um sax no lugar dos vocais, e a percussão é toda feita com baldes de plástico usados. No repertório, eles revisitaram clássicos que iam desde Nirvana até Daft Punk e Lulu Santos. Música boa e com consciência ambiental.
IMG_9245
Pedro Pastoriz & Os Sheiks

IMG_9278
Kick Buckett: O show dos caras é sensacional!

No meio da tarde, a galera embalou ao som do poeta, compositor, dramaturgo, cantor, criativo e diretor Rodrigo Pitta. Depois veio o darling-rockstar Thiago Pethit para um pocket show lindo. E para incendiar de vez o entardecer no centro da cidade, os dois dividiram o palco, que culminou em um super show com todo mundo dançando. Teve até um cover delicioso e divertido (com eles acompanhando a letra em um papel) de ‘Realce’, do mestre Gil, para fechar com chave de ouro o evento.
IMG-20160718-WA0002 IMG-20160718-WA0009
Ações como essa, que fazem você sair de casa com vontade de ser feliz é que a cidade mais precisa. Valeu Fuze, esperamos uma nova edição!

Quem escreveu

Jo Machado

Data

19 de July, 2016

Share

Jo Machado

O Jo é do tipo que separa pelo menos 30% do tempo das viagens para fazer o turista japonês, com câmera no pescoço e monumentos lotados. Fascinado pelas diferenças culturais, fotografa tudo que vê pela frente, e leva quem estiver junto nas suas experiências. Suas maiores memórias dos lugares são através da culinária, em especial a comidinha despretensiosa de rua. Seu lema de viagem? Leve bons sapatos, para agüentar longas caminhadas e faça uma boa mixtape para ouvir enquanto desbrava novos lugares. Nada é melhor do que associar lindas memórias à boas canções.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.