Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital por Treviso

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

Toronto - uma cidade para ficar

Quem escreveu

Gaby

Data

28 de July, 2016

Share

Muita gente, logo que conhece Toronto, não curte a cidade. Eu mesma, apesar de morar há 6 anos, nunca havia pensado em morar aqui. Depois que pude explorar melhor e conhecer o que seria meu novo lar, eu digo que não conseguiria ser tão feliz em outro lugar do mundo. Toronto é uma cidade tão viva, verde e multicultural, que não dá para citar apenas uma vantagem de morar aqui: é preciso fazer uma lista dos porquês o centro financeiro do Canadá é tão fascinante.

Cidade grande, mas com ar de interior

Foto Flickr: Cityoftoronto
Foto Flickr: Cityoftoronto

Certamente este é o principal motivo de alguém querer viver por aqui. Isso porque em Toronto você encontra todas as vantagens de morar em uma cidade grande – lojas, empregos, arte, fácil acesso a diversas atividades – mas não vive “pressionado” ou “aprisionado”. Bem perto do centro da cidade você encontra bairros residenciais pacatos – como o High Park, Rosedale e Swansea – e até uma fazenda (Riverdale Farm). Tirando o centrão financeiro, a cidade possui um ar de interior, com todas as vantagens que a paz e tranquilidade oferecem.

Um dos melhores lugares para viver: e não sou eu quem diz

21254907461_9ed924de55_b
Foto Flickr: Cityoftoronto

A principal característica que chama atenção de várias pessoas que escolhem o Canadá para morar é a qualidade de vida. Isso porque as cidades Canadenses estão entre as melhores cidades para se viver no mundo. Por exemplo, os 2015 Quality of Living rankings divulgados pela Mercer colocou Vancouver no quinto lugar, e Toronto, Ottawa, Montreal e Calgary no top 35 das melhores cidades do mundo. A cidade também ganhou essa classificação em outra pesquisa lançada no início de 2015 pela The Economist. Por que? Custo de vida, qualidade na alimentação, ambiente de negócios e outros fatores que combinados refletem na vida dos moradores.

Repleta de pessoas brilhantes: a Universidade de Toronto

10056495833_b477a18073_k
Foto Flickr: Cityoftoronto

Toronto possui uma das melhores universidades do mundo: a University of Toronto. A influência de uma boa instituição de ensino vai muito além dos “seus muros”.  As descobertas científicas atraíram pessoas incríveis para cidade, público jovem, além da chance de fazer cursos de ponta. Além disso as pesquisas permitem mais saúde para cidade!

O mundo inteiro em uma cidade só: a multiculturalidade

Foto Flickr: Cityoftoronto
Foto Flickr: Cityoftoronto

Toronto é uma das cidades mais multiculturais do mundo. Um censo realizado em 2011 observou que quase metade dos 5.6 milhões de habitantes da região de Toronto nasceram em outro país. Enquanto imigrantes indianos e chineses são a maioria, a população de Toronto é extremamente diversificada, com mais de 230 grupos étnicos. Em todos os cantos da cidade há pessoas falando diferentes línguas nos transportes públicos, restaurantes de diversas nacionalidades, e bairros étnicos como Little Italy, Little Portugal, Chinatown, Koreatown. Para imigrantes como eu, isso é uma grande vantagem, pois os residentes já estão acostumados com pessoas de outras nacionalidades e te tratam com mais respeito e atenção.

Ah… a comida

Foto Flickr: Cityoftoronto
Foto Flickr: Cityoftoronto

A gastronomia de Toronto é fascinante pois você encontra restaurantes do mundo todo. Essa característica é um reflexo da multiculturalidade da cidade, como citei anteriormente. Vale comentar aqui que comer bem em Toronto não é sinônimo de gastar muito, e você encontra ótimos restaurantes com preços acessíveis. Entre os melhores restaurantes estão o italiano Terroni, o francês Aubergue du Pommier , o italiano Buca e o canadense Bannock. Em destaque estão também os festivais de comidas – como o Summerlicious, Winterlicious – que trazem menus fixos e acessíveis para experimentar os melhores restaurantes da cidade. Já o Taste of Danforth, Taste of Toronto e Taste of Little Italy celebram a diversidade da culinária internacional – ótimo para nossos estômagos curiosos.

A cidade dentro de um parque

Foto Flickr: Cityoftoronto
Foto Flickr: Cityoftoronto

Este apelido da cidade faz até sentido: Toronto possui mais de 1600 parques, 3 milhões de árvores, 839 campos desportivos e cerca de 670 outras instalações recreativas relacionadas a estas áreas verdes, como piscinas, campos de golfe, parquinhos, ferries, e estufas. Entre meus parques favoritos estão o gigantesco High Park , o fotogênico Toronto Music Garden , a vista incrível do skyline vista do Riverdale Park East,  e o pet-friendly Sunnybrooke Park .

Respirando e exalando arte e cultura…

10731909825_b3261d79e4_k

Toronto possui diversos museus, bibliotecas incríveis, teatros e muita arte de rua. Há sempre algo incrível acontecendo na cidade ou um lugar novo a ser descoberto. Entre os museus, destaco o Royal Ontario Museum e o Art Gallery of Ontario – o museu de artes da província que possui uma enorme coleção de artes do Grupo dos 7, um grupo de artistas locais que pintou várias paisagens do Canadá nos anos 20. Entre as bibliotecas, há a impressionante Thomas Fisher Rare Library, biblioteca da Universidade de Toronto, que tem a maior coleção de livros raros e manuscritos disponíveis para o público no Canadá. Lá você pode achar raridades extremamente curiosas – quer exemplos? Uma extensa coleção de primeiras edições de Lewis Carrollautor de Alice no País das Maravilhas, junto com seu material biográfico e fotográficouma coleção de rótulos vintage de cervejas Canadenses, manuscritos da Era Medieval (o manuscrito mais antigo da biblioteca data de 1789 a.C, entre outras. Entre os teatros, a dica é visitar os teatros Elgin e Winter Garden, que formam um dos últimos teatros do tipo stacked (empilhados) do mundo. O Winter Garden fica localizado 7 andares acima do teatro Elgin. Eles foram originalmente construídos em 1913 e reformados recentemente. Por fim, se você procura arte de rua a dica é passear pela Graffiti Alley, um beco que fica paralela a Queen Street West, que possui 1 km de extensão e traz expressões icônicas dos artistas de rua locais.

* Foto de capa: Paul Bica

Quem escreveu

Gaby

Data

28 de July, 2016

Share

Gaby

Gaby é brasileira e mora em Toronto desde 2010. Trabalha como pesquisadora em um hospital da cidade e é blogueira nas horas vagas. Seu blog - www.gabynocanada.com - traz seu olhar pessoal e humano sobre tudo que merece amor e atenção em Toronto.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.