De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Roteiros 12 horas por Treviso

Explorando cidades do nascer do sol ao fim da noite.

SP24hrs

Porque para amar São Paulo não é preciso firulas.

Por que não uma visita no Solar da Marquesa de Santos?

Quem escreveu

Alecsandra Matias

Data

13 de June, 2016

Share

Sabia que existe uma São Paulo colonial até os dias atuais? Isto mesmo! E fica num lugar que muitos passam rapidamente, mas poucos escolhem como lugar para passeio: o Pátio do Colégio. Acreditem, esse pedaço da cidade está muito bem cuidado, seguro e divertido. E por que ele está tão legal? Porque, hoje, estão ali o Museu Anchieta, a Casa no. 1 (atual, Casa da Imagem), o Beco do Pinto e o Solar da Marquesa de Santos – espaços que guardam memórias que valem a pena serem descobertas e redescobertas.
YOLANDA PENTEADO 2
Cá entre nós, lá no Solar da Marquesa de Santos, está acontecendo a Exposição: Yolanda Penteado, a dama das artes de São Paulo que aborda a trajetória de Yolanda Penteado, sobrinha de Olívia Guedes Penteado, baronesa do café e patronesse das artes de São Paulo na década de 1920. Junto com Francisco Matarazzo Sobrinho, o Ciccillo, e Assis Chateaubriand, Yolanda transformou o cenário cultural brasileiro.
Casada com Ciccillo, ela teve importante papel na criação do Museu de Arte Moderna de São Paulo MAM SP (1948) e na organização das Bienais de São Paulo, tendo participado diretamente da organização das duas primeiras mostras (1951 e 1953). Yolanda foi responsável pela vinda da tela Guernica (1937), de Pablo Picasso. Ela participou também de ações no Teatro Brasileiro de Comédia (TBC) e na Companhia Cinematográfica Vera Cruz.
YOLANDA PENTEADO 12
YOLANDA PENTEADO 9
Nos anos 1960, Yolanda intensificou sua colaboração com Assis Chateaubriand no Museu de Arte de São Paulo e na implantação dos Museus Regionais (Olinda, Campina Grande e Feira de Santana). Ainda no mesmo período e já separada de Ciccillo, doou sua coleção de obras de arte particular e recursos ao Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo (MAC USP).
Que tal conhecer as ações de Yolanda Penteado, através de fotos, textos, documentos e depoimentos? Na exposição, dá para entender como a cidade de São Paulo se tornou o atual centro artístico internacional. De quebra, tem o café do Pátio Colégio, no Museu Anchieta que é uma delícia e tem a melhor empanada de berinjela da região.
YOLANDA PENTEADO 5
Serviço: 
Exposição: Yolanda Penteado, a dama das artes de São Paulo
Até 10 de dezembro de 2018
Solar da Marquesa – Rua Roberto Simonsen, 136
Horário de funcionamento: De terça a domingo, das 9h às 17h
ENTRADA GRATUITA
Como chegar: Estação Sé do Metrô
Estacionamentos particulares na região.
* Todas as fotos por  Agatha da Hora

Quem escreveu

Alecsandra Matias

Data

13 de June, 2016

Share

Alecsandra Matias

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.