Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital por Treviso

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

Nasce um novo museu em Lisboa

Quem escreveu

Alecsandra Matias

Data

15 de November, 2016

Share

12 horas de festa marcaram a inauguração do mais novo museu de Lisboa. Localizado às margens do Rio Tejo, o Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (MAAT) pertencente à Fundação EDP, e chegou para abalar as estruturas arquitetônicas e artísticas da cidade (e acho que tem boas chances para alcançar seus objetivos, não sei … desconfio seriamente que sim!).

Museu de Arte, Arqueologia e Tecnologia (MAAT). Facebook.
Museu de Arte, Arqueologia e Tecnologia (MAAT). Facebook.

Amanda Levete, premiada arquiteta inglesa e autora da futura extensão do Museu Victoria & Albert Museum, desenhou o edifício do novo museu a convite do presidente executivo da EDP. Em 2011, quando surgiu o convite, o orçamento para o projeto era de 19 milhões de euros. Imagine o valor da construção finalizada?

Na zona de Belém, ao lado da central elétrica feita em tijolos no início do século XX, e incluindo o campus da Fundação EDP com 38.000 m2, o MATT tem formas sinuosas, fluídas e semelhantes a uma concha. O chão se transforma em teto e o teto em chão. Muitos dos materiais empregados na obra reinterpretam os tradicionais de Lisboa, especialmente os azulejos e o lioz da calçada portuguesa.

© Hufton + Crow https://www.maat.pt/pt/campus
© Hufton + Crow
https://www.maat.pt/pt/campus

Existem 14.936 placas de cerâmica que cobrem a fachada, a entrada do museu e parte do restaurante, que arrasa exibindo a forma de um trapézio, com vista para a Ponte 25 de Abril. Todas as placas espelham a luz da cidade que se transforma ao longo do dia.

Escadaria MAAT @maatmuseum
Escadaria MAAT @maatmuseum

O terraço, que recebe visitas 24 horas por dia, é outro espetáculo. De lá de cima não se vê a terra, somente água. A sensação é de estar embarcado em um navio zarpando. A escadaria exterior desce até o Tejo, criando um grande espaço público.

dia2_maat_pac_099_0
Terraço MAAT. http://www.fundacaoedp.pt/

Não bastasse a ostentação nas linhas arquitetônicas, a Fundação EDP também investiu pesado no acervo. Chamou Pedro Gadanho, até então curador no Departamento de Arquitetura do Museu de Arte Moderna de Nova York (MoMA), para assumir a direção do MAAT.

Com a missão de relacionar arte, arquitetura e tecnologia, o Museu quer estabelecer uma programação contemporânea e internacional. E já começou em plena semana de atividades da Trienal de Arquitetura de Lisboa que, com o tema A Forma da Forma, discuti as relações entre a tradições populares e as questões contemporâneas de 05 de outubro a 11 de dezembro de 2016. Pense o quanto o novo museu foi e está sendo alvo dos debates?

Renato Nicolodi, Angiportus I, 2012. Cortesia do artista (Obra integrante da mostra Forma da Forma - de 05 de outubro a 11 de dezembro de 2016). https://www.maat.pt/pt/exposicoes/forma-da-forma
Renato Nicolodi, Angiportus I, 2012. Cortesia do artista (Obra integrante da mostra Forma da Forma – de 05 de outubro a 11 de dezembro de 2016). https://www.maat.pt/pt/exposicoes/forma-da-forma

Polêmicas à parte, o MAAT iniciou com quatro exposições: O Mundo de Charles e Ray Eames mostra produção do ateliê dos dois designers e suas experiências para a fabricação de mobiliário no pós-guerra; Segunda Natureza é uma exposição que trata das representações artísticas, principalmente quando percebemos que não existe Natureza intocada; “Artists´ Film Internacional” é uma mostra coletiva com diversos artistas internacionais em diversas medias, tais como filme, vídeo e animação e, por último, uma individual do fotógrafo português Edgar Martins.

Na galeria Oval, temos ainda o site specific da artista francesa Dominique Gonzalez-Foerster, Pyschon Park – um recinto no qual seres de outro mundo observariam o comportamento humano nas melhores condições possíveis (muito louco, não?).

Dominique Gonzalez-Foerster, Pynchon Park, 2016 (desenho diurno, detalhe).https://www.maat.pt/pt/exposicoes/dominique-gonzalez-foerster-pynchon-park
Dominique Gonzalez-Foerster, Pynchon Park, 2016 (desenho diurno, detalhe).https://www.maat.pt/pt/exposicoes/dominique-gonzalez-foerster-pynchon-park

Por fim, continuou desconfiando seriamente que a diversidade de programação e do espaço podem transformar o MAAT num importante ponto de referência na vida cultural de Lisboa? Quer observar tudo isso de mais perto? Então, anote aí:

Quem escreveu

Alecsandra Matias

Data

15 de November, 2016

Share

Alecsandra Matias

Rata de galerias e museus, não perde a oportunidade de ir procurar aquela tela, escultura ou monumento famosos que todos só conhecem pelos livros.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.