De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Roteiros 12 horas por Treviso

Explorando cidades do nascer do sol ao fim da noite.

SP24hrs

Porque para amar São Paulo não é preciso firulas.

O retorno do Z Carniceria

Quem escreveu

Jo Machado

Data

09 de December, 2015

Share

Sim, ele está de volta. E seu retorno já virou um burburinho na cidade.
Na última sexta-feira, 4 de dezembro o novo Z Carniceria, o mais amado bar de rock da cidade, reabriu suas portas ao público em um novo endereço no Largo da Batata, a menina dos olhos de Pinheiros,  onde antes funcionava o antigo Aeroanta.
12322386_10154366438584622_1803861878535922569_o
A repaginada do Z não se ateve apenas ao endereço e ao visual da casa. Um cardápio novinho e muito bem executado é assinado pela chef Mariana Gilberton, com delícias do antigo Z repaginadas e ótimas novidades. A casa agora abre também para almoço e jantar. Entre os destaque deste menu,  Z Burguer, um hambúrguer de 180g de fraldinha, com cheddar inglês, maiô de abóbora e rabanete e agrião. Além dos clássicos do Z, como a Coxinha de Rabada e o Bolinho Carniceiro.
11053575_10154366442804622_4158248725991338951_o
Para acompanhar essas delícias, drinques muito bem executados assinados pela nova estrela da coquetelaria Kennedy Nascimento, eleito o melhor bartender da América Latina pelo World Class. A carta de drinques não é extensa, mas os sabores são deveras marcantes. Meio impossível beber um só. Destaque para o refrescante GG Mule, uma mistura de Gim Beefeater, limão taiti, syrup, hortelã e ginger ale, e o saboroso e marcante Eyes Open feito com Campari, fernet branca, limão taiti e xarope de agave.
12307343_10154366443749622_471410662423475205_o
Quanto às cervejas, não poderia ser diferente. Sempre bem geladas, o cardápio privilegia cervejas artesanais como Goose Island, Hoegaarden e Leffe, além das cevejinhas nacionais.
O que não dá para esquecer é que o Z continua sendo um lugar para celebração da música. A programação musical tem curadoria de Roberta Youssef e privilegia as bandas independentes brasileiras. As quintas são de jazz e blues com a noite CBGBj, enquanto às sextas-feiras tem RIFF, com novas bandas que mostrarão seu repertório, passando do rock à música experimental e brasileira.
Aos sábados na COMBO, artistas e bandas convidados interpretam projetos especiais, que podem incluir a performance de um álbum inteiro de um artista que influenciou suas carreiras. Já aos domingos, inicialmente uma vez ao mês, o Z oferece seu palco para que novos artistas mostrem seu trabalho, como nas tradicionais noites de OPEN MIC das casas de shows norte-americanas.
f27c7cdc-41e7-4e65-8629-952692d053d3
Para finalizar, veja a programação musical desta semana.
Quinta-feira 10/12 – Fernando Catatau e o Instrumental @ CBGBj
2​2h – R$30​
Sexta-feira 11/12 – Rock Rocket @ RIFF
22h – R$30​
Sábado 12/12 – Aldo, The Band @ COMBO
23h – R$25
Z Carniceria
Av. Brigadeiro Faria Lima, 724 – Pinheiros
Almoço – terça a sexta: 12h às 15h / sábado e domingo: 13h ás 17h
Jantar – terça a quinta: 19h à 00h / sexta a sábado: 19h às 2h / domingo: 19h à 00h
Abertura do bar: 21h
Segunda: fechado
 

Quem escreveu

Jo Machado

Data

09 de December, 2015

Share

Jo Machado

O Jo é do tipo que separa pelo menos 30% do tempo das viagens para fazer o turista japonês, com câmera no pescoço e monumentos lotados. Fascinado pelas diferenças culturais, fotografa tudo que vê pela frente, e leva quem estiver junto nas suas experiências. Suas maiores memórias dos lugares são através da culinária, em especial a comidinha despretensiosa de rua. Seu lema de viagem? Leve bons sapatos, para agüentar longas caminhadas e faça uma boa mixtape para ouvir enquanto desbrava novos lugares. Nada é melhor do que associar lindas memórias à boas canções.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.