De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Roteiros 12 horas por Treviso

Explorando cidades do nascer do sol ao fim da noite.

Como sobreviver no ar

Quem escreveu

Ola Persson

Data

11 de December, 2013

Share

Aviões não atrasam, nunca tem fila pra decolar, a comida ou bebida nunca acaba, nunca há bebê chorando na fileira da frente. Só que não. São problemas “pequenos”, mas se estiver preparado, poderá se salvar do inferno que esses pequenos problemas podem acarretar.

Entretenimento

Mesmo se a viagem for curta, podem ter atrasos te deixando esperando no aeroporto, ou pior, sentado dentro do avião por uma hora esperando para decolar. Os bons pedidos para esse momento são:

  • Um livro ou um Kindle. O livro tem a vantagem de poder ser lido mesmo quando não se pode ligar equipamentos eletrônicos. Mas se optar por um livro, leve algo que seja pequeno suficiente para ser prático.
  • Música, seja no celular, ipad ou ipod. Nem sempre dá tempo ou vontade de assistir um filme, então ter um pouco de música ajuda a passar o tempo.
  • Filmes e seriados. Mesmo com uma boa seleção de entretenimento no avião, a tela e a qualidade de som não chegam nem perto da qualidade de um tablet. Até um iPhone já deixa a tela deles no chinelo. Então encha o seu tablet com o que você quer assistir e não esqueça de carrega-lo antes de viajar. Se for usar o seu celular, não esquece de uma bateria externa pra não chegar no destino com celular morto. Apesar da tela ser ainda maior no seu laptop, a duração da bateria normalmente deixa a desejar. O tablet por ser muito menor facilita na hora de guarda-lo para comer.
  • Jogos, seja no celular, tablet ou num console portátil. Vale a pena ter alguma coisa que pode matar tempo. Duas opções super-populares para deixar no seu smartphone são cut the rope e angry birds.

Bateria extra para USB

Praticamente nunca tem tomada no seu vôo, a não ser que você esteja na Classe Executiva ou Primeira Classe. Uma bateria externa é relativamente barata e permite você continuar a assistir seu seriado ou jogar seu jogo.

Protetores de ouvido

Um avião não é o lugar mais silencioso do mundo. Como não tem uma seção de silêncio, você pode sofrer com um bebê chorando ou um grupo sem noção espalhado pelo avião inteiro, participando da mesma conversa

De vez em quando são distribuídos no kit junto com fone, máscara pra dormir etc. Algumas vezes não tem, então vale a pena se prevenir e levar o seu próprio.

Espuma

O mais básico, expande dentro do ouvido e deixa você com uma sensação de estar surdo, pois corta mais as freqüências altas do que as baixas. Use uma vez e descarte. São super baratos e funcionam, apesar de deixar os ouvidos um pouco doloridos depois de uma noite inteira.

Silicone

Os de silicone pode ser reutilizados algumas vezes. Parece uma massa  de silicone. Como esses acabam não entrando tanto no canal do ouvido, pode ser mais confortável ao longo do tempo. Ainda baratos, dão uma sensação parecido com a de ser surdo. A preferência entre esse tipo em relação ao de espuma é gosto pessoal.

Tipo “Arvore de Natal”

Dependente do nível de preço, pode até deixar as freqüências relativamente balanceadas. Se isso te interessa, procure as versões para músicos ou para serem usados em shows. São reutilizáveis e são um pouco mais caros.

Moldado

Um pequeno luxo, protetores moldados para seus ouvidos é um outro nível de conforto. São principalmente feitos para músicos profissionais e pessoas que precisam trabalhar com volumes altos.

Para fazer um é necessário uma consulta com um otorrino, que fará um molde que será usado para produzir os plugs de silicone, que se encaixarão perfeitamente nos seus ouvidos.

Eles demoram um pouco para ficarem prontos, mas não há outra opção que chegue perto no quesito conforto. Há opção de te-lo com um filtro, que deixará as freqüências mais balanceadas. Esses filtros podem ser trocados para regular a quantidade de isolamento.
Funciona confortavelmente como um fone, já que fica bem encaixado dentro do ouvido. Aumente o volume e esqueça o bebê chorando ao seu lado.

Travesseiros

Os assentos na classe econômica nunca são bons. Um suporte inflável para o pescoço ocupa pouco espaço e pode melhorar muito a qualidade do sono. Ainda deixa o travesseiro do avião livre para ser usado como suporte para a lombar.

Máscara

Se a máscara que você ganha no kit serve para você, parabéns. Para mim sempre fazem pressão nos olhos. A máscara perfeita eu ainda não encontrei. Aceito dicas.

Comida e bebida

Em vôos longos, tem água e comida suficiente, enquanto no vôo curto esse nem sempre é o caso ou pode ser , ainda, que cobram pelo comida.

Carregue sempre uma garrafa vazia e encha depois do controle de segurança, ou compre uma garrafa de água no café.

Algo pequeno para comer também pode te salvar de comida paga e ruim em vôos baratos. Mix de nozes e frutas secas, barra de cereal ou barra de proteína são boas opções. Não precisa ser muita coisa, é só para te salvar se for necessário, depois pega algo no aeroporto mesmo se ainda estiver morrendo de fome.

Medicamentos

Um mini-kit tem:

  • Alguma coisa pra dormir. Se estiver num vôo noturno, toma na hora do jantar, que dá tempo certinho para assistir um filme antes de apagar.
  • Seu medicamento preferido contra alergia. Se sofrer do mal de alergia, claro.
  • Algo contra dores, seja paracetamol, dorflex ou outro. Ficar com dor de cabeça sem ter um à mão, pode deixar a viagem bem mais chata.

*Foto destaque: James Tarbotton

Quem escreveu

Ola Persson

Data

11 de December, 2013

Share

Ola Persson

Viaja sempre com uma mochila com camera, laptop e kindle e uma mala pequena de roupas. Nela leva mais uma mala vazia que vai enchendo ao longo da viagem. Não é fã de pontos turísticos, não gosta de muvuca e foge de filas, mesmo que seja para ver algo considerado imperdível. Por isso nunca subiu na Torre Eiffel, mesmo tendo ido várias vezes à Paris. Acredita que uma boa viagem é sentir a cidade como morador. Tanto que foi pra São Paulo em 2008 e ainda está por lá.

Ver todos os posts

Comentários

  • Para viagens longas eu sempre uso meia de compressao e acho que faz uma mega diferenca pra me sentir mais disposta quando chego ao destino. http://www.boots.com/en/Boots-Pharmaceuticals-Knee-Highs-Flight-Socks-14-17mmHg-Size-6-8-2-Pairs-_1121239/ Tambem compro uma garrafa de agua antes do embarque para ter comigo no aviao. E finalmente, fazer exercicio no dia anterior a viagem (de preferencia uma boa corrida) sempre me ajuda bastante a aguentar um voo longo.
    - Patricia Patitucci
    • eu também uso! ótima lembrança.... as pernas chegam inteiras no destino final!
      - Lalai Persson
  • Um luxo acima do protetor moldado é um fone de ouvido com noise cancelling, em especial o da Bose. Depois de começar a usá-lo, finalmente consegui dormir no avião.
    - Eduardo Shiota Yasuda
    • Eu uso protetor e um HD-25, que não é noise cancelling mas que isola muito bem. Acho que faltou fones no post né? Tinha até separado pra colocar, junto com o adaptador. Vou adicionar depois.
      - Ola Persson

Adicionar comentário

Assine nossa newsletter

Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.