As boas do fim de semana por Jack Apple

Os melhores eventos para curtir em casa ao lado de Jack Apple.

Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

SXSW

Cobertura pré e pós do SXSW 2020 com as melhores dicas: quais são as palestras, ativações, shows e festas imperdíveis no festival.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

As boas do fim de semana em casa_Vol.5

Quem escreveu

Lalai Persson

Data

08 de April, 2021

Share

Apresentado por

Mais um fim de semana em casa e a programação online continua maravilhosa para trazer um alento enquanto a gente não pode ir para a rua. 

Tem o festival “Afromusic” celebrando a música produzida por artistas negras. Também é destaque o show “Ritaualístika” ao vivo cheio de tambores xamânicos de Lila May. Quem quiser ficar mesmo é de boas no sofá, o grande destaque da semana é o festival de documentários “Tudo é Verdade”, que traz vários destaques na agenda. Já quem quer mesmo arrasar na pista improvisada em casa, o “Festival POC” continua sua programação neste finde, mas deixamos também como opção uma live deliciosa para o fim de tarde da Giorgia Angiuli. 

A programação traz ainda uma bela seleção de peças teatrais, performance, videoarte e o espetáculo de dança “Belle”, da Cia. Deborah Colker. Nesta categoria destacamos também a estreia da peça “Terra em Trânsito” (2006), de Gerald Thomas, que ganhou uma edição revisitada reformulada para os tempos atuais.

O “Festival Pop Plus”, também destaque deste fim de semana, apresenta uma extensa programação com oficinas, shows, DJ sets, além, claro, da oportunidade de renovar o guarda-roupa.

Deixamos também uma lista de bares para você garantir deliciosos beliscos e o drink Jack Apple & Tonic para alegrar seu dia ou sua noite.

Vamos lá?

Música ao vivo

Fest Aformusic – Show Renato Gama. Foto: Sérgio Fernandes

Afromusic #2
Dias 09, 10 e 11 de Abril de 2021, sempre a partir das 19h, no Youtube
O Afromusic celebra a música preta produzida por artistas que transitam entre gêneros da música tradicional, contemporânea e futurista. O line-up está lindo de morrer com shows de Jup do Bairro, Izzy Gordon, Mental Abstrato e Bloco Ilu Inã. Além da música, há também bate-papos sobre a construção do DNA musical afro-brasileiro, com a multiartista Salloma Salomão, a pesquisadora Danielle Almeida, os cantores e compositores Marina Afares e Aloysio Letra. A Deputada Erica Malunguinho abre o festival discorrendo sobre o tema que orientou a construção desta edição: “Música tem Cor”.

Festival Batida das Pretas
De 10 a 11 de abril, a partir das 15h no Youtube
Festival para celebrar a mulher negra na música contando as artistas Márcia Short, Veronas e Amanda Rosa, no dia 10; e Iane Gonzaga, Panteras Negras e Viviane Pitaya, no dia 11. Do axé ao MPB numa mistura inusitada ao rock e ijexá, além do afoxé, samba-reggae e som instrumental.

Ritualístika
Até 25 de abril, sábado, às 20h; domingo, às 18h, no Zoom. Ingresso gratuito
ou com contribuição consciente via Sympla.
O espetáculo musical e multimídia “Ritualístika”, de Lila May, apresenta um passeio sonoro criativo calcado na diversidade de raízes sonoras e culturais do povo latino. Letras marcantes e provocativas, cantadas em português e espanhol, estão nos mantras vocais que são acompanhados de tambores xamânicos e pitadas de pop-folk e rock. Ficou curiosa(o)? Por aqui ficamos. 

Pietro Leal apresenta: show Estereótica
On demand no Youtube
Já rolou, mas vale muito a pena assistir o show do cantor baiano Pietro Leal (Baile da Massa Real) de seu primeiro álbum solo, Estereótica. Gravado ao vivo em Salvador, a apresentação traz 12 faixas para o público, entre inéditas, regravações e uma releitura surpresa dos Novos Baianos. Show para matar um pouco as saudades da Bahia.

Rafa Castro: Teletransportar
On demand no Youtube
Esse show intimista do compositor e pianista Rafa Castro é de uma beleza única. Ele foi transmitido ao vivo na semana passada para lançar seu último álbum “Teletransportar”, que tem como elemento central a água e foi inspirado pelas viagens do artista em meios aos sertões brasileiros. O show é perfeito para assistir naquele momento em que estamos precisando dar uma trégua ao nosso coração ansioso.

Hania Rani live from Studio S2
On demand no Youtube
Belíssimo esse show da compositora, cantora e pianista polaca Hania Rani, uma prodígio do piano. Sua música é quase um pop melancólico, sua voz é angelical e esse show é perfeito para fechar os olhos e quase levitar com a sua música.

L’Imperatrice @ Grand Palais
On demand no Youtube
Esse show dos franceses L’Imperatrice em meio ao emblemático Grand Palais, em Paris, é um convite para preparar seu Jack Apple & Tonic e curtir o fim de tarde dançando gostoso no meio da sala de casa.

Para armar a pista na sala de casa

Rakta: Destaque do Festival POC. Arte por André Penteado, Karlla Girotto & Rakta.

Festival POC by Bicuda
Dias 10 e 17 de março, a partir das 15h Semana 2
O festival POC  – Projetos Organizacionais Culturais – produzido pelo coletivo Bicuda, começou na semana passada com uma programação que inclui oficinas, mesas de conversa, shows e DJ sets. Neste sábado a música ficará por conta de White Prata, Azulllllll e Rakta a partir das 22h30. Não precisamos dar a dica de que o show do Rakta é sempre imperdível, né?

Garage Disco
Dia 10 de abril, das 18 às 22h no Twitch
Festinha perfeita para animar o comecinho da noite com os DJs Benjamin Ferreira, Lucato, Mr. Aquino e Gui Ishikawa. 

Giorgia Angiuli
On demand no Youtube
A compositora e produtora italiana Giorgia Angiuli promove uma festinha ótima nessa live gravada numa torre em Florença. Perfeita para abrir a noite com um Jack Apple & Tonic nas mãos.

Mostras de filmes

A última floresta, destaque do Festival de Documentários Tudo é Verdade

É Tudo Verdade
Até 18 de abril nas plataformas Looke, Sesc Digital e SPCine Play. Para assistir, basta se cadastrar aqui e após receber o SMS no celular para concluir o cadastro, é só acessar o site do festival, clicar em Programação e escolher o filme que quer assistir.
O Festival Internacional de Documentários É Tudo Verdade 2021 acontece totalmente online, gratuito, apresentando 69 títulos de 23 países. Entres os destaques têm “A última floresta”, de Luiz Bolognesi, documentário que acompanha uma tribo Yanomami da Amazônia tentando manter seus costumes; “Alvorada”, de Anna Muylaert e Lô Politi, sobre a Dilma Rousseff; e “MLK/FBI”, de Sam Pollard. Um dos programas especiais deste ano é uma seleção de documentários que traçam a vida e carreira de Caetano Veloso. Todas as atividades da conferência serão transmitidas no site do Itaú Cultural.

Cores de Almodóvar
Disponíveis on demand nas plataformas NOW, Vivo Play, iTunes / Apple TV, Google Play e YouTube Filmes individualmente para compra e aluguel.
Fãs de Almodóvar, uni-vos! A coleção “Cores de Almodóvar” reúne dez filmes do diretor para se deleitar jogado no sofá. Na seleção há os filmes “Má Educação”, “Maus Hábitos”, “De Salto Alto”, “Kika”, “A Lei do Desejo”, “Carne Trêmula”, “Fale com Ela”, “A Flor do meu Segredo”, “O Que Fiz Eu para Merecer Isso?” e “Mulheres à Beira de um Ataque de Nervos”. 

Festival Brasileiro de Cinema Cômico
Até 11 de abril no Youtube
O Festival Brasileiro de Cinema Cômico reúne 32 curta-metragens de comédia feita no Brasil com seus subgêneros, sátira, comédia romântica, de costumes, paródia e pastelão. Entram no programa também quatro longas da cineasta Betse de Paula, incluindo os cinco episódios da sua nova série “O Síndico”. 

Mostra Cinema Direitos Humanos 21 – Olho no Olho
Até 11 de abril no site do festival
O festival conta com 78 filmes entre curtas, animações, médias e longas-metragens de temáticas variadas com o objetivo de retratar um pouco a enorme diversidade de temas que refletem as humanidades e suas escolhas, revelando potencialidades pessoais e coletivas no enfrentamento de ataques aos princípios que regem a carta de Declaração Universal dos Direitos Humanos. Os filmes estão divididos por grupos: Tempo Suspenso, Ocupa, Diversidade e Luta, Contemporaneidades, Políticas Extremas, Infâncias, Juventudes, Africanidades e Janelas.

Dança, teatro e performance

Belle – Cia de Dança Deborah Colker – foto Flavio Colker

Belle com a Cia. de Dança Deborah Colker
Dia 10 de abril, às 20h, no Youtube do Sesc em Minas e da Pólobh
Belle é livremente inspirado no romance Belle de Jour (1928), de Joseph Kessel e transformado em um clássico do cinema surrealista nas mãos do diretor Luis Buñuel. O espetáculo conta a história de Séverine, uma burguesa bem-casada que, para suprir o profundo vazio existencial que a consome, se vê inapelavelmente compelida a transgredir as fronteiras de seu mundo de conto-de-fadas e ir passar as tardes em um randevu, atendendo pelo codinome Belle. 

Terra em Trânsito – Gerald Thomas
Dias 10, 11, 17, 18, 24 e 25 de abril, sábados e domingos, 20 horas; a partir de 1º de maio, a peça estará disponível 24h por dia até 31 de maio. No Youtube.
A situação chave de “Terra em Trânsito” na nova versão se mantém a mesma de 15 anos atrás: uma atriz (Fabiana Gugli) enclausurada no camarim com seus delírios, momentos antes de entrar em cena para cantar Liebestod, sua ária em Tristão a Isolda, conversando o tempo todo com um cisne judeu*.Mas para a experiência com a “nova linguagem” teatro-cinema, o autor e diretor Gerald Thomas reformulou a dramaturgia para o novo contexto político, econômico e cultural, realidades diferentes da montagem original.

A última cena (Epitáfios)
Até dia 11 de abril, às quintas, sextas e sábados, às 20h30, no Zoom (ID da reunião: 895 0658 4723)
Espetáculo que tem a morte como tema central. Unidos por um tabuleiro virtual, 4 cavaleiros vividos por atores e não-atores com idade entre 30 e 80 anos, embarcam num jogo com a morte mergulhando em seus medos e fantasias sobre o morrer e, com humor e sensibilidade, fazem um questionamento sobre os abismos que os separam e aquilo que os une: a vulnerabilidade. São 4 roteiros diferentes dando destaque a cada dia de apresentação para um dos personagens retratados. 

Durante, – Festival de Performance
De 8 a 12 de abril, no site do festival. Programação completa aqui.
Como o artista se relaciona com o próprio corpo e quais são as associações políticas existentes nesta conexão eram os motes do happening “Do corpo à terra”, evento que aconteceu na Semana de Vanguarda de 1970 e agora é o homenageado na 11ª edição do festival “Durante,”. Além das performances, fazem parte da programação do “Durante,” uma extensa programação para discutir sobre a presença da performance nos dias de hoje. O festival foi criado em Belo Horizonte em 2016.

Verônica, uma peça-filme
De 9 a 18 de abril, às sextas e sábados, às 21h; domingo, às 19h, no Youtube
A peça-filme “Verônica” remonta às memórias de uma mulher presa e torturada pelo regime repressor de seu país à procura de seu filho desaparecido. Interpretado por Luciana Ramin, a peça parte do texto “Todo sacrifício feito em teu nome”, de Rudinei Borges dos Santos, explorando elementos do teatro e do cinema numa estética e poética para narrar essa história. 

Vestida para morrer três vezes
Dias 10 e 11 de abril, às 20h, no Zoom com ingresso gratuito via Sympla
Projeto de videoarte idealizado pela performer Allegra Ceccarelli apresenta trabalhos de artistas de diferentes regiões brasileiras. Violência contra a mulher, hegemonia patriarcal e destruição do meio ambiente conduzem a discussão em plataformas digitais. Nos dias 10 e 11 será apresentada a mostra “3 Sangues: da terra, do útero e do pulso”, com as videoartes produzidas pelas artistas Allegra Ceccarelli, Bruna Brignol, Kali Saxa, Gael Jardim e Zahy Guajajara. Após a exibição haverá um bate-papo com as artistas.

Do Improvável com a Cia. Fragmento de Dança
Até 11 de abril, quintas, às 21h; sextas e sábados, às 22h; domingos, às 19h; segunda, terça e quarta, às 20h, no Youtube. 
Espetáculo inspirado por sonhos sonhados no solo e na vigília tem como mote o universo onírico. A Concepção, coreografia e direção é de Vanessa Macedo

Para inspirar

Imagem Tour Unas+ / Oi Futuro

Unas+ – Oi Futuro
A exposição UnaS+ reúne cerca de 80 obras de 15 artistas mulheres da Argentina e Brasil, com curadoria de Maria Arlete Gonçalves e com o objetivo de reforçar a força feminina na arte contemporânea. Com tecnologia de fotografia digital 360º, o tour virtual permite um passeio completo pela mostra coletiva, como se o visitante estivesse caminhando pelas várias galerias do centro cultural, sem sair de casa, e com acesso à informações sobre as obras, às instalações artísticas, aos vídeos e aos registros de performances da mostra.

Festival Pixel Show Summer
Até 19 de abril, sempre às 16h no Youtube.
Rolando desde meados de março, o Pixel Show conta com palestras sobre criatividade e live art. No canal no Youtube é possível assistir o que já rolou. Neste finde rolam dois live art com Marcos MOS (09.04) e com Fernando Nas (10.04). No dia 12 acontece uma mesa sobre “Criatividade e empreendedorismo na visão das startups”. 

Para pedir petiscos & drinks

Foto Banqueta Bar

Banqueta Bar
Durante a pandemia, o conceituado bar de coquetelaria de Moema criou uma carta especial para delivery, que cai muito bem em qualquer happy hour em casa. Os drinks vêm em garrafinhas de 100 ou 200ml, e você ainda pode pedir os cubos de gelo para um preparo refinado. A carta tem desde clássicos como o Old Fashioned, até receitas autorais como o Tataúna, que leva Jack Daniel’s Fire e shrub de morango, e o Jack Apple & Tonic, claro. Para acompanhar, eles ainda servem cubos de frango empanado, burgers e baos que funcionam como ótimos petiscos. 

Cão Véio
Bar do prestigiado chef Henrique Fogaça, proprietário do Sal Gastronomia, tem agora o Jack Apple &  Tonic disponível para delivery. Além disso, o cardápio conta com os deliciosos sanduíches, a batata rústica temperada com alho e alecrim e as saborosas tulipas crocantes de frango.

Jordão Bar
A varanda concorrida do Jordão está fechada há um ano, mas o extenso cardápio deles está disponível para você aproveitar em casa. Os burgers e os pratos estão todos lá, mas é o menu de petiscos que brilha aos olhos. Bolinhos, pastéis, coxinhas, dadinhos, cortes de carne fatiados com ou sem molho, tudo que você precisa para um belo happy hour eles levam até você. E junto você ainda pode pedir alguns drinks e cervejas geladas. 

Martin Bar
Outra estrela do Tatuapé também se adaptou aos tempos de pandemia com uma ótima seleção de comidinhas para você aproveitar em casa. Aqui, o aperitivo ganha uma aura latina, com influência das tapas espanholas e da parilla argentina. Aposte nas croquetas de cupim na cerveja preta, na chapa mista com vários cortes de carne, e se a fome estiver grande vá direto para o sanduíche de pastrami.

Para comprar (e “otras cositas más”)

Festival Pop Plus em Casa
De 9 a 11 de abril, programação completa nessa thread
O Festival Pop Plus Em Casa tem sua próxima edição online com shows, DJs, debates, oficinas e uma vitrine com marcas plus size que vocês já amam e algumas estreias de fazer os olhos brilharem! Além das comprinhas, rolam shows sempre às 19h30 com Rap Plus Size (09.04), Preta Rara (10.04) e Marvin (11.04). A pistinha abre todos os dias às 21h.

*Foto destaque: Belle, Cia Deborah Colker, por Flavio Colker

Quem escreveu

Lalai Persson

Data

08 de April, 2021

Share

Apresentado por

Lalai Persson

Lalai prometeu aos 15 anos que aos 40 faria sua sonhada viagem à Europa. Aos 24 conseguiu adiantar tal sonho em 16 anos. Desde então pisou 33 vezes em Paris e não pára de contar. Não é uma exímia planejadora de viagens. Gosta mesmo é de anotar o que é imperdível, a partir daí, prefere se perder nas ruas por onde passa e tirar dicas de locais. Hoje coleciona boas histórias, perrengues e cotonetes.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.