Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

Guia para curtir Carnaval de rua 2020 em São Paulo

Quem escreveu

Paulo Borgia

Data

12 de February, 2020

Share

É oficial: o Carnaval de rua de São Paulo se tornou o maior do Brasil, este ano com 865 blocos inscritos e a expectativa de cerca de 15 milhões de pessoas festejando pelas ruas da cidade. Por isso mesmo, pensando no seu bem-estar, fizemos uma seleção dos blocos imperdíveis em 2020. Tem os óbvios de todos os anos (Tarado Ni Você, Bastardo), os queridinhos (Charanga do França, Agora Vai), e boas novidades, como o cortejo que vai homenagear Tom Zé (Abacaxi de Irará) e também enaltecer a URSAL. Chora cavaco!

*Imagem de destaque: Cortejo Siga Bem Caminhoneira, no Carnaval de rua de São Paulo de 2019, por Nina Moreira

Quem escreveu

Paulo Borgia

Data

12 de February, 2020

Share

Paulo Borgia

Formado em jornalismo em 2004, trabalhou entre tantos lugares na Editora Símbolo, Band e, recentemente, no jornal Metro, como repórter e editor de cultura. Ah, também é fotógrafo e arrisca umas fotos de shows e artistas há uns 20 anos (e contando).

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.