De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital por Treviso

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

E se São Pedro falasse quando vai ter enchente para São Paulo?

Quem escreveu

Vanessa Mathias

Data

14 de May, 2019

Share

Apresentado por

Todo verão é a mesma coisa: o céu escurece, o tempo fecha e lá vem a chuva. E junto a ela muitas perdas e transtornos para cidade. Se formos depender só do poder público, centenas de famílias vão perder suas casas esses próximos meses, como tanto acontece na nossa cidade.

Parte dessas perdas se dá ao fato de a previsão do tempo no Brasil ser imprecisa, por falta de volume de dados meteorológicos de qualidade, que são coletados na maioria das vezes por estações meteorológicas caras e importadas. Pensando nisso, os 5 amigos Mariana Marcílio, Diogo Tolezano, Pedro Godoy, Hugo Santos e Murilo Souza uniram suas experiências na área de design, tecnologia, engenharia e consultoria e em 2016 fundaram a Pluvi.On, empresa que criou estações meteorológicas mais acessíveis que utilizam tecnologia de ponta e são desenvolvidas e fabricadas 100% no Brasil.


“A ideia é utilizar os dados dos sensores para alimentar o assistente virtual batizado de São Pedro, que emitirá alertas antecipados muito mais precisos de chuvas fortes e riscos de enchente, utilizando uma comunicação mais simples e humanizada.”- diz Mari Marcílio, uma das fundadoras.

Pluvi.on

Desde então o time já passou pelos programas de aceleração da Redbull Basement, Google for Startups, Din4mo e Estação Hack, programa voltado para startups de impacto fruto da parceria do Facebook com a Artemísia.

Pluvi.on

Recentemente os empreendedores foram convidados a integrar a plataforma de cidades inteligentes da ONU, a United Smart Cities, e agora lançam a campanha de financiamento coletivo na plataforma www.benfeitoria.com/pluvion para arrecadar fundos para a instalação de 350 sensores em toda a cidade de São Paulo. “Acreditamos no financiamento coletivo pois é um modelo ganha-ganha. Atingindo a meta, conseguiremos implementar um projeto que beneficiará toda a cidade e os apoiadores receberão recompensas e ajudarão a salvar vidas”, diz Mariana.

Pluvi.on
O sistema avisa as pessoas em áreas de risco

O financiamento coletivo funciona no modelo “tudo ou nada”: o time precisa arrecadar a meta até 23 de maio ou o dinheiro é devolvido aos apoiadores. Tem vários prêmios legais:

Pluvi.on

Pluvi.on

Que tal fazer a sua boa ação do dia?

Foto destaque: iStock

Quem escreveu

Vanessa Mathias

Data

14 de May, 2019

Share

Apresentado por

Vanessa Mathias

Seu exacerbado entusiasmo pela cultura, fauna e flora dos mais diversos locais, renderam no currículo, além de experiências incríveis, MUITAS dicas úteis adquiridas arduamente em visitas a embaixadas, hospitais, delegacias e atendimento em companhias aéreas. Nas horas vagas, estuda e atua com pesquisa de tendências e inovação para instituições e marcas.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.