Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

SXSW

Cobertura pré e pós do SXSW 2020 com as melhores dicas: quais são as palestras, ativações, shows e festas imperdíveis no festival.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

Uber vs Cabify: primeiro round

Quem escreveu

Jo Machado

Data

06 de July, 2016

Share

Depois de toda a polêmica envolvendo o Uber, depois do app lançar sua versão nos ares, um novo e interessante aplicativo de transporte pessoal chega ao Brasil para concorrer com ele: o Cabify.

A startup de origem espanhola começou seus serviços no país inicialmente por São Paulo com preços competitivos, já que sua forma de calcular as corridas é feita de uma forma diferente do Uber.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Para começar, somente a modalidade Cabify Light, semelhante ao UberX, está em funcionamento. Em outras países, a startup também conta outras modalidades de carros: Cabify Executivo, mais luxuoso e caro, para rivalizar com o Uber Black, e o Corporate que, como o nome já diz, é voltado para empresas.

Diferentemente do Uber, que calcula a tarifa por tempo e quilometragem, no Cabify, usuários pagarão somente por quilômetro rodado, excluindo da conta o tempo gasto na corrido. Para quem vive em São Paulo, isso é um ponto super positivo, já que ao pegar congestionamentos, o usuário não pagará por aquele tempo parado na Marginal Pinheiros. O serviço também é diferente do Uber porque não conta com aquela tarifa dinâmica, que aumenta os preços da corridas quando a procura por veículos está alta.

Seu José Antônio largou o Uber e agora trabalha com o Cabify
Seu José Antônio largou o Uber e agora trabalha com o Cabify

No Cabify o valor varia de acordo com a corrida, ou seja você já sai do destino sabendo quanto a corrida vai custar. O serviço cobra uma taxa base de R$ 0,50 do cliente e R$ 2,50 a cada quilômetro em percursos de 0 km a 10 km; o preço cai para R$ 2 em viagens de 10 km a 25 km e sobe para R$ 3 em rotas acima de 25 km. No UberX, a cobrança de uma tarifa base começa em R$ 3, com cobrança de 35 centavos por minuto e preço por quilômetro de R$ 1,43. Colocando na ponta do lápis, o Cabify vence a batalha da tarifa se comparado ao UberX. Já se levarmos em consideração o compartilhamento de corridas do UberPool, devolve-se a coroa de menor tarifa ao Uber.

Falando de conforto, o Uber X já tem mostrado sinais de uma perda de qualidade, isso é fato. Por experiência própria, como um usuário assíduo do aplicativo, tenho reparado que a cada dia aumenta a oferta de carros, mas a qualidade dos motoristas e do veículo em si vem caindo. Já no Cabify, por ser um serviço novo, isso não acontece. Ainda! As experiências que tive foram todas excelentes: carros mais novos, limpos e motoristas mais atenciosos e compenetrados na direção.

smt-cabify-tabela

Vale lembrar que o Cabify também aceita os taxis pretos, o 99Top da 99Táxis. E assim como em qualquer modalidade do Uber e no 99Top, não cobra aquela taxa faraônica de 50% do valor da corrida pela mudança de município, o que o torna mais interessante, por exemplo, para quem vai ao aeroporto de Guarulhos.

Bom, para quem ainda tem dúvida ou curiosidade, e ainda não tem o aplicativo, o Cabify oferece algumas viagens gratuitas para novos usuários. Baixe o aplicativo aqui se você usa iPhone e aqui se você usa Android, cadastre o código MEUCABIFY e boa viagem. O voucher dá direito a R$20 de desconto nas duas primeiras corridas.

No mais, a opinião final sobre quem vence essa lutinha é do usuário; você!

Quem escreveu

Jo Machado

Data

06 de July, 2016

Share

Jo Machado

O Jo é do tipo que separa pelo menos 30% do tempo das viagens para fazer o turista japonês, com câmera no pescoço e monumentos lotados. Fascinado pelas diferenças culturais, fotografa tudo que vê pela frente, e leva quem estiver junto nas suas experiências. Suas maiores memórias dos lugares são através da culinária, em especial a comidinha despretensiosa de rua. Seu lema de viagem? Leve bons sapatos, para agüentar longas caminhadas e faça uma boa mixtape para ouvir enquanto desbrava novos lugares. Nada é melhor do que associar lindas memórias à boas canções.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.