Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital por Treviso

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

Roteiro de vinhos no Vale de Carmel

Quem escreveu

Fernanda Secco

Data

14 de September, 2016

Share

Os vinhos da California são provavelmente os mais gostosos dos Estados Unidos. A produção por lá é tão grande, que eles fazem 90% do vinho do país. Por isso, se California fosse um país, seria o 4º maior produtor do mundo.

A história dos vinhos no estado começa no século XVIII, quando ainda haviam as Missões Hispânicas. Hoje o estado tem diversos vinícolas espalhadas de norte a sul. As região mais famosa para a produção de vinho na California é sem dúvida Napa Valley e Sonoma, também conhecidos como Wine Country. Mas existem outros polos produtores pelo estado que valem a visita, principalmente se você não está disposto a gastar uma fortuna com hotéis.

Divulgação: Joullian Vineyards
Divulgação: Joullian Vineyards

A região de Carmel Valley, no condado de Monterey, oferece uma seleção de vinhos impressionantes. Por seu clima quente e seco a qualidade é altíssima, principalmente para tintos. O mais legal de visitar esta região é que você pode caminhar de um tasting room ao outro — o que já não é possível em Napa.

Heller Estate

Esta foi minha primeira parada no percurso degustativo. Peguei um Uber do Carmel Valley Ranch, hotel que estava ficando, e cheguei em menos de cinco minutos. Heller é uma vinícola 100% orgânica que opera na região há muitos anos. A sala de degustações é pequena e tem apenas duas funcionárias trabalhando, mas a casa é linda e eles tem um jardim perfeito para fazer um picnic. Eles oferecem dois tipos de degustação: clássica por $12/pessoa e premium $15/pessoa. Provamos diversos vinhos e o meu preferido foi o 2011 Dancers Meritage, até trouxe uma garrafa pra casa!  Endereço: 69 W Carmel Valley Rd – Carmel Valley, CA Segunda a domingo 11h às 17h.

 

Foto por: Heller Estate
Foto por: Heller Estate

Joullian Vineyards

A sala de degustação da Joullian é bem interessante, parece que você está entrando numa igreja e o clima é mesmo este. Originalmente, esta é uma marca de outro estado americano que chegou a California nos anos 80 e focou a produção nos Bordeaux. Foram muito pioneiros e produziram o primeiro Zinfandel da região e hoje oferecem muitas variações deste estilo. As degustações são grátis se você fizer uma compra. Endereço: 2 Village Drive – Carmel Valley, CA Horários: Segunda a domingo 11h às 17h.

Foto via Yelp por Fernanda S.
Foto via Yelp por Fernanda S.

Joyce Vineyards

Provavelmente a vinícola mais descolada da região. Você já percebe que eles são moderninhos pelos rótulos, e quando descobre as fusões e blends especiais, fica ainda mais animado. A sala de degustação é linda, a trilha sonora é moderna, os funcionários são simpáticos. Não houve absolutamente nada que não gostei deste lugar. Acabei comprando uma garrafa de Submarine Canyon Pinot Noir que ainda não abri, mas supreendentemente adorei o rosé que eles fazem. O lugar e a vibe da marca são muito bacanas e não vão decepcionar. Endereço: 19 E Carmel Valley Rd – Carmel Valley, CA Horários: Segunda a domingo 12h às 17h.

Foto via Yelp por Trev W.
Foto via Yelp por Trev W.

Algumas dicas valiosíssima para sua viagem a Carmel Valley:

  • Pergunte ao concièrge do hotel se eles tem vale-degustação disponível.
  • Não deixe de comer no Cafe Rustica.
  • Anote o telefone de um taxi local, no caso do Uber não estar funcionando.
  • Alugue um carro para descer até Carmel-By-The-Sea um dia.

Quem escreveu

Fernanda Secco

Data

14 de September, 2016

Share

Fernanda Secco

De longas viagens de carro no México a aulas de cozinha no Vietnã, para mim o que importa conhecer são as pessoas. Não há nada melhor para conhecer um país do que aprender com experiências autênticas (e às vezes malucas).

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.