Esporte & Aventura

Caminito del Rey: o (ex) caminho mais perigoso do mundo

Quem escreveu

Vanessa Mathias

Data

22 de June, 2016

Share

Gel de carboidrato. Barra de cereal. Tênis. Mochila de escalada. Estava preparada para encarar a trilha considerada mais perigosa do mundo. Desde 1921, há um pequeno caminho que contorna um desfiladeiro na Espanha: útil, e mortal.

u157652 013

Não é figura de linguagem… de fato, várias pessoas morreram entre os anos 1990 e 2000, e, claro, muitos outros se aventuraram com sucesso.

caminito

Cheguei na pequena estação “El Chorro” literalmente de mala e cuia –  não bastasse meu kit “escaladora sensação 2016”, tinha também a mochila gigante de viagem. E foi um pouco de otimismo achar que talvez existisse alguma estrutura para guardar os 15kg de tralha.

A populosa estação El Chorro
A populosa estação El Chorro

E foi num desses ‘azares-sorte’ da vida que, após zanzar uma boa meia hora, acabei batendo na porta do Sr. Joaquín:

– “Oi, você mora aqui? Será que você se importa de guardar minha mala?

-“Guardo sim, Sra. Dona Moça, quer tomar um café?”

E foi com a frase típica da Dona Florinda e Professor Girafales que entrei na sua residência. As fotos na parede reforçavam a história que ele me contava da trilha, que ele disse já ter feito “mais de um milhão de vezes”, incluindo com uma moto! O caminho teve um papel importante e foi usado como transporte entre a usina de Gaitanejo e o precipício hidroelétrico El Chorro, onde vivia a família dele. A moto? Era a única forma de trazê-la para o vilarejo. Três amigos dele morreram no caminho, mas foipor causa do vento”. Mas agora, diz ele, “não é a mesma coisa”.

O caminho reabriu em 2015 apenas, após um investimento de 3,2 milhões de euros. Com isso foi recriado um caminho de madeira, em cima do anterior de cimento, extremamente seguro.

FullSizeRender (16)

É possível ver o caminho acima, e o caminho abaixo. O de cima, novo, super seguro. Deixa eu explicar: não é seguro “até dá para ir”. É seguro mesmo, desses lugares para levar sua avó, ou seu filho de dois anos, sabe?

FullSizeRender (15)

Pensa em uma aspirante a escaladora frustrada.

Mas superada a frustração que eu não ia correr risco de vida (droga!), a paisagem do Desfiladero de los Gaitanes é alucinante. Da estação de trem, você pega um ônibus que te deixa no começo do caminho, e são três quilômetros até chegar à bilheteria.

FullSizeRender (13)

Dos 7,7 quilômetros, a parte mais famosa são os 1,5km ao redor do desfiladeiro. Por mais que você esteja absolutamente protegido, ainda dá vertigem (vulgo frio na barriga).

FullSizeRender (18)

Junto tem o vento que sopra, e você acha que vai cair lá de cima.  A paisagem é deslumbrante e vale o passeio.

IMG_5404

É imprescindível comprar antes pela internet o ingresso, que vem com horário, por 10 euros. Se você não pretende dormir lá (tem algumas pousadas), olhe o horário do trem (de Sevilha ou Málaga) e a hora que chega e sai. Há apenas uma opção de trem para vir, e outra para voltar, e você tem que conseguir o ingresso por volta do meio dia para poder fazer um bate-volta.

O gel de carboidrato? Bom, ficou na mala, e lindamente substituído por uma cervejinha Alhambra lá na estação de trem.

Quem escreveu

Vanessa Mathias

Data

22 de June, 2016

Share

Assine nossa newsletter