Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

SXSW

Cobertura pré e pós do SXSW 2020 com as melhores dicas: quais são as palestras, ativações, shows e festas imperdíveis no festival.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

As boas do final de semana em SP: 30.1

Quem escreveu

Lalai Persson

Data

29 de January, 2015

Share

Quem passou o último final de semana na cidade, já percebeu que 2015 começou com tudo e a rua está tomada. Vários movimentos incríveis rolando em São Paulo para que a gente tenha mais áreas verdes, avenidas fechadas no final de semana para passear com amigos ou família, praças, parques. Movimentos que nos estimulem a tirar a bunda do sofá e ir pra rua. Movimentos não faltam e precisam da ajuda de cada um de nós. É surpreendentemente incrível a quantidade de pessoas que engajadas para transformar São Paulo numa cidade mais agradável, segura e com melhor qualidade de vida. Fácil? Não é nem um pouco. Teremos muitas conquistas, algumas já rolaram, mas também dissabores. Entrar no Parque Augusta, por exemplo, e ver pessoas que largaram o conforto de seus lares e lá estão acampados na luta para que a gente conquiste mais um parque é de brilhar os olhos. Qualquer ajuda é bem-vinda e todos usufruirão do sucesso desses movimentos. Corre aqui, aqui e ali, pois boas causas não faltam e elas não param de crescer. É isso, São Paulo está ficando cada vez mais incrível, mesmo no momento delicado em que estamos quando abrir a torneira sem culpa é uma realidade distante.

Tem dicas para dar pra gente? Escreve pra gente, pois todas as dicas são bem-vindas, mesmo que nem todas caibam no nosso guia.

PARA DANÇAR

RED STUDIOS PARTY

REDPARTYfacebook.crop_1654x495_0,51.resize_1170x

O RED Studios comemora 2015 apresentando os trabalhos em processo dos novos artistas residentes Kristian Kragelund e Ayla Hibri, além de muita música, drinks em uma tarde entre amigos. O line-up está caprichadíssimo com Selvagem, Rafael Paixão, Ricardo Giudice, Rubens Torati, Fábio Varga, Andreah Bebeh, Dani Caveura e Rafael Onid. Mas corra para comprar ingresso, porque o espaço é limitado.

Red Studios Party
Sábado – 31.1 – 14 às 22h
Rua Professor Nova Gomes, Vila Madalena
Entrada R$ 20,00

GOP TUN COM YOUNG MARCO

Gop Tun retorna das suas férias para a primeira festa do ano com toda pompa estreando o novíssimo PanAm, localizado no topo do Maksoud Plaza e dono de uma das vistas mais estonteantes da cidade. A festa começa cedo e vale abrir a pista, pois o por do sol do heliponto é de tirar o fôlego, promovendo uma vista 360º da cidade. Para essa edição mais do que especial, o convidado é o holandês Young Marco, residente da Trouw e artista dos selos Rush Hour / ESP Institute responsável por alguns dos melhores sets de 2014. Gop Tun DJs completam o line-up desta festa que promete beijar o céu. Ficou com vontade de ir? A gente também, mas como os ingressos estão esgotados, fica aqui uma dica quase secreta: na sexta-feira rola uma festinha para apenas 120 pessoas no ORB com o Young Marco, com ingressos à venda aqui.

Gop Tun com Young Marco 
Sábado – 31.1 –  das 16h até o último sair da pista
Terraço do Maksoud Plaza
Al. Campinas, 150

Ingresso antecipados esgotados. Avisaremos se rolar na porta

CAPSLOCK 4 ANOS

Uma das festas mais divertidas de São Paulo comemora seu 4º ano de vida com uma festona. O line-up tá um capricho só: live do alemão Isolee, Paulo Tessuto, Gaturamo Live, Davis, Marcio Vermelho, Ohnishi, Fractal Mood, Jjoao Paes e Miguel Sá. Essa edição ainda se estica com um after.

Capslock 4 anos de Nonsense com Isolee
Sábado – 31.1 – a partir das 23h sem hora para acabar
Fabrica – Rua do Bucolismo, 81 – Brás
Ingressos: R$ 45,00

MEIA-FINA

O Coelho - foto: Rafael Torres
O Coelho – foto: Rafael Torres

Só o nome da festa já desperta curiosidade. A festa é para quem é meia-fina, mas não fina por inteiro. Para quem curte um som chique (mas se entrega a um som bagaceiro de vez em quando), que sabe se portar em público (mas de vez em quando pisa na jaca). A festa rola no novo lugar queridinho do Jardim Europa, O Coelho, com bons drinks, cerveja gelada e comidinha num clima “festa na casa de amigos”. Para quem gosta de festa diurna num belo jardim, anota aí e cola lá.

Meia-fina
Domingo – 1.2 – a partir das 15h
O Coelho – Rua Groelândia, 808
Entrada: R$ 40 consumíveis – senha meiafina

NEU PRA RUA

esparrela

No domingo rola um pré-carnaval com a festa Esparrela, que leva a NEU pra rua. A casa abrirá as portas para o público curtir um som na rua. Não haverá cobrança de entrada. No som rolam soul, funk, jazz, hip hop, rock, reggae e dub. Quer mais ecletismo que isso? Vai rolar comidinha também.

NEU pra rua
Domingo – 1.2 – 16 às 22h.
Rua Dona Germaine Burchard, 421 – Água Branca
Gratuito

BLOCO 77 FEST

Foto: Eduardo Lupianhez
Foto: Eduardo Lupianhez

Até se anima com o carnaval, mas não gosta muito do ritmo de samba das marchinhas? O Bloco 77 – Os Originais do Punk vai na contramão representando quem gosta mesmo é de punk rock. Agora nem desculpa tem mais para não tirar o figurino sonhado da gaveta e entrar num bloco de carnaval. Rolam shows das bandas Não há mais volta, Faca Preta e Hardcore por Ódio. A festa se completa com discotecagem por Andrea Lovesteady só tocando o melhor da musica jamaicana e lançamento da camiseta do bloco. :)

Bloco 77 Fest
Domingo – 1.2 – das 16 às 23h
Centro Cultural Zapata
Rua Riachuelo, 328 – Centro
Ingresso r$10

PARA CAIR NA FOLIA

É surpreendente a quantidade de blocos carnavalescos que surgiram nos últimos tempos em São Paulo. Para os foliões, boas opções não faltam nesse final de semana, ó:

AFRODRAG –  HOMENAGEM A VERA VERÃO

afrodrag

Nessa sexta-feira rola o Especial Bloco de Carnaval homenageando a Vera Verão. A chamada é para tirar o salto do armário, a purpurina do potinho e ir sem vergonha na cara. Todos serão bem-vindos. A concentração começa às 20h na Nossa Casa e às 21h, o bloco sai pelas ruas da Vila. A festa promete ir até o sol raiar com shows de Shanawaara, Ruiva Piscante e os DJs Felipe Caetano e Jonatha Cruz. Quem quiser entrar no clima, vai ter um camarim para se produzir, é só chegar com o figurino na sacola. Quem for a caráter carnavalesco, ganha um drink.

Especial Bloco de Carnaval Afrodrag
Sexta-feira – 30.01 – a partir das 20h
Nossacasa Confraria de Ideais
Rua Belmiro Braga, 202 – Vila Madalena
Ensaio aberto gratuito das 20 às 22h
Entrada para festa R$ 15, a partir das 22h

ACADÊMICOS DO BAIXO AUGUSTA

academicos

Hoje, sexta-feira, acontece o ensaio geral do bloco Acadêmicos do Baixo Augusta, bloco fundado em 2009 para celebrar a diversidade e revitalização da região. A turma fundadora reúne amigos, moradores da região e entusiastas do Baixo Augusta. Mas se não for da região, pode ir também. Direção Wilson Simoninha – DJ Tatá Aeroplano. Cola lá. 

Ensaio Geral Acadêmicos do Baixo Augusta
Sexta-feira – 30.01 – a partir das 22
Sede do bloco – Rua Augusta, 765
Entrada: R$ 20 (confirmando no evento do Facebook) ou R$40 na porta

BLOCO UNIDOS DA RESSACA DO DIABO

unidospelaressaca

Quem nunca teve uma ressaca do diabo? Foi assim que nasceu o nome do bloco, a partir de uma mensagem “Tá louco, essa ressaca é do diabo”. O grupo no celular bombou com todo mundo mandando sua cara de ressaca. Foi aí que surgiu a ideia de juntar todas as pessoas que estavam estraquinadas e na ressaca do diabo infinita, para que todos compartilhem suas dores e alegrias se divertindo como se não houvesse amanhã. A chamada para esse sábado é “Ressacudos e diabentas, aguardamos vocês com muito ziriguidum, malemolência e uma pitada de carimbó!!”. Se identificou? Tira a fantasia do armário e cai por lá.

1º Bloco Unidos da Ressaca do Diabo
Sábado – 31.1 – a partir das 12h
Concentração Rua Major Maragliano, 421, Vila Mariana (esquina com a ESPM e Belas Artes)
Gratuito, mas quem quiser rola kit com 3 cervejas + camiseta do bloco + caneca + capa de chuva

Passaram a mão na Pompéia

pompeia

A partir das 13h rola a concentração do bloco Passaram a Mão na Pompéia. Esse é o 9º ano consecutivo de desfile carnavalesco do bloco, que aproveita a ocasião para arrecadar produtos de higiene (sabonetes, creme dental, shampoo, condicionador) que serão doados para o projeto social da CIP. Quem quiser entrar no clima do bloco, pode também adquirir a camiseta no próprio dia. Parte do dinheiro arrecadado será doado às projetos de atendimento à terceira idade.

Desfile bloco Passaram a mão na Pompéia
Sábado – 31.1 – a partir das 13h
Centro Cultural Pompéia
Concentração na Rua Ministro Ferreira Alves, 305 – Pompéia

Bloco Ritaleena

ritaleena2

O Bloco Ritaleena surgiu da vontade da musicista Alessa Camarinha e da figurinista Yumi Sakate de homenagear não só a cidade de São Paulo, cujo carnaval renasce e cresce a cada ano, mas a artista e mulher que é Rita Lee. O convite é para ir com muita água na boca, vestindo fantasia, tirando a roupa que pra todos vocês dizemos sim e prometemos não debochar de sua timidez… leve sua peruca vermelha.
Bloco Ritaleena
Sábado – 31.1 – concentração às 15 / saída às 16h
Rua Pinheiros com Cônego 
Gratuito, mas há um projeto no Catarse para ajudar o projeto a rolar a partir de R$ 20,00

Bloco Me Viu Mentiu

blocomeviu

No sábado o Bloco Me Viu Mentiu faz seu pré-carnaval com saída da frente da Casa 92. O percurso será nas mediações aberto a quem quiser entrar na folia. Além do tradicional trio-elétrico, o bloco conta com uma bateria composta por mulheres, puxadas pelo mestre de bateria Paulinho Saviani. Quem quiser esticar depois do ensaio, a festa continua na Casa 92 com djs tocando seus hits e marchinhas.

Bloco Me Viu Mentiu
Sábado – 31.1 – o bloco sai às 15h
Casa 92 – Rua Cristóvão Gonçalves, 92 – Pinheiros
O pré-carnaval será gratuito
R$ 80 a 120,00 para quem quiser esticar a festa depois. Mais infos aqui.

Bloco Casa Comigo

casacomigo2

Separe o véu e a grinalda, porque domingo será dia de bailar com o bloco Casa Comigo. Vai rolar o matrimônio oficial entre a folia e o amor, então capricha. O casamento oficial só depois do carnaval, porque antes é melhor não arriscar.

Bloco Casa Comigo
Domingo – 1.2 –  a partir do meio-dia
Rua Beatriz, Vila Beatriz
Gratuito

Desfile de Carnaval do Chega Mais

chegamais

No domingo, o Bloco Chega Mais, um dos mais tradicionais de São Paulo, faz seu 2º desfile no pré-carnaval que está rolando na cidade. Em seu repertório, o Chega Mais traz o melhor dos anos 80. Para arrasar no figurino, tire as polainas do armário, leve o bigode, abuse de cores fortes e incorpore seus personagens favoritos.

 Bloco Chega Mais
Domingo – 01.02 – a partir das 10h
Concentração na Rua Mourato Coelho x Rua Inácio Pereira da Rocha
Leve seu isopor com sua cerveja e um saco plástico para juntar o lixo no final

BLOCO PILANTRAGI


Carnaval da Pilantragi by Pilantragi on Mixcloud

Pilantragi já está com tudo pronto para o ziriguidum e telecoteco nesse domingão. O que eles querem mesmo é o famoso Te Cutuco, Não Cutuco. A saída no dia 1.2  é uma homenagem à Iemanjá. Cola lá, porque Pilantragi é sempre diversão garantida

Bloco Pilantragi
Domingo – 1.2 – 13 às 22h
Concentração Bebo Sim
Avenida Professor Alfonso Bovero, 1107 – Perdizes

 

PARA INSPIRAR

CIRCUS INDOOR

Captura de Tela 2015-01-26 às 22.34.57

O Estúdio Lâmina + Circo Off convidam para a reabertura de suas atividades do ano com uma programação bem intensa com o lançamento do livro “Queria ter ficado Mais”, da editora Lote 42, show da banda Suite, apresentações circenses e shos das bancdas Cabaret Três Vintens e Picanha de Chernobill. A exposição “Todas as Sombras”, de Marina Bitten continua em cartaz. Vale a ida só pelo espaço do estúdio, que é bem bacana e fica no centro da cidade.

Circus Indoor
Sábado – 31.1 – das 14h à 0h
Estúdio Lâmina – Av. São João, 108 – Centro
Gratuito

CONEXÃO CULTURAL SP 2015

Captura de Tela 2015-01-27 às 09.55.41

O MIS recebe nesse sábado a sétima edição do Conexão Cultural São Paulo. O tema é “Transforma SP” e traz para dentro do evento um pouco de tudo que anda rolando na cidade: mesas ping-pong espalhadas em espaços públicos, karaokês nas praças, intervenções urbanas, coletivos de música, feira gastronômica de bicicleta e foodtrucks, entre outros. O dia começa com o PingPoint, projeto que promove o uso e a transformação do espaço público por meio da instalação de mesas de pingue-pongue gratuitas. Vai terKaraokê na Praça e shows com Jazz na Kombi, @Charlie e Charlie & Os Marretas e Memórias De Um Caramujo. Durante o dia todo acontece também a instalação Portas da RUA, composta por portas espalhadas pelo museu, cada uma contendo um pequeno universo de São Paulo, com elementos que remetem a vida na cidade. Lugares que podem ser considerados “pequenas São Paulo”, que acolhem a cada dia mais pessoas para continuar transformando a cidade. A exposição ficará disponível para visitação do público até o dia 8 de fevereiro, no térreo do Museu. Comidinhas confirmadas: Bike Café, Le Sacolé, Bike Burguer, Brownie Affair, Pudim a Gosto e Los Mendozitos.

Conexão Cultural São Paulo | Transforma SP
Sábado – 31.1 – 12 às 22h
MIS _ Museu da Imagem e do Som
Av. Europa, 158 – jardim Europa
Gratuito com exceção do show do Charlie & Charlie (R$3 a 6,00)

SHN VENDE TUDO

shn

O Coletivo SHN inaugura exposição “SHN Vende Tudo”, em São Paulo na Casa SINLOGO, apresentando um panorama histórico com formatação de obra variada, a venda e acessível ao publico. A exposição propõe mostrar as diferentes produções e realizações do coletivo em vários suportes, formatos e soluções. Séries de gravuras, posters e adesivos, colagens, sticker machine, camisetas, vídeos, objetos, e instalação estarão presentes na mostra. “SHN Vende Tudo” coincide com a mudança do estúdio do SHN para a rua Augusta em São Paulo, na antiga sede da SINLOGO, depois de 15 anos baseado em Americana, interior do estado.

Vernissage Inauguração “SHN Vende Tudo”
Sábado – 31.1 – das 14 as 21h
Até 21.2 – ter. a sex. das 11h às 19h, sáb. das 12h às 17h
Entrada Gratuita

CIDADES INVISÍVEIS

Nair Benedicto, "Minhocão" (1991)

Para quem gosta de fotografia e estiver passando pelo MASP, vale a parada para visitar a exposição “Cidades Invisíveis”, com trabalhos de Thomas Farkas, Cristiano Mascaro, Bob Wolfenson, Miguel Rio Branco, entre outros. Nas palavras do curador Teixeira Coelho: “Imagina-se uma cidade mais do que se conhece uma cidade. Mesmo a própria. Esse é o ponto de partida para esta mostra, com apoio adicional no livro (mais poético que outra coisa) de Italo Calvino sob o mesmo título: Cidades invisíveis.” A exposição intercala trechos do livro com 70 fotografias de 50 dos principais fotógrafos brasileiros nos últimos 80 anos, promovendo uma reflexão sobre a vida nas metrópoles.

Cidades Invisíveis @ Masp
Sem previsão de término
Terça a domingo 10 às 18h | Quinta – 10 às 20h
Av. Paulista, 1578 – Bela Vista
Entrada: R$15

DE DENTRO PARA FORA

timthumb

A galeria Choque Cultural está com sua segunda edição da mostra coletiva De Dentro para Fora. A primeira edição, também promovida pela Choque, aconteceu em 2011, no Masp. O objetivo da exposição é promover um diálogo entre a cidade e o espaço interno da galeria, através de fotografias, vídeos, instalações e cartografias. A curadoria é do Baixo Ribeiro, com participação dos artistas Bijari, Daniel Melim, Tec, Matias Picon, entre outros.

De Dentro Para Fora
Até 7.3 – Terça à sábado, das 11 às 18h
Rua Medeiros de Albuquerque 250, Vila Madalena
Tel: 11 3061-4051

MUSEU DANÇANTE

5_ Ferrari, Leon_Caminos 1, 1982_foto Romulo Fialdini

Foram selecionadas obras do acervo que contêm elementos de composição compartilhados pela dança: gravidade, desequilíbrio e flutuação. Além de esculturas, foram também selecionados desenhos, performances, instalações, fotografia e filmes que motivem o público a se mexer. A disposição das peças na Grande Sala permite ao coreógrafo propor movimentos aos bailarinos no mesmo espaço habitado pelo público do museu. A São Paulo Companhia de Dança foi convidada a ocupar a sala Paulo Figueiredo para uma experiência de criação de coreografias no museu. Durante alguns dias da semana, o público poderá acompanhar ao vivo o processo de trabalho de coreógrafos com os bailarinos. Nesse final de semana acontecem 2 ensaios abertos com Clébio Oliveira e a SPCD.

Museu Dançante @ MAM
Ensaio aberto: 31.1 – das 10 às 14h | 01.2 – das 11 às 15h
Terça a domingo – 10 às 18h até 20.3
Parque Ibirapuera, portão 3 
Ingresso R$ 6,00 – gratuito no domingo

PARA ASSISTIR

Rocky Horror Picture Show

rocky_horror_image_3

O Cinesthesia apresentará Rocky Horror Picture Show e promete fazer uma homenagem digna a este clássico cult, com intervenções audiovisuais e cênicas, em uma noite que será esticada para muito além da exibição do filme com uma festa. A noite promete!

Cinesthesia
Sexta-feira – 30.1 – 22h (exibição do filme às 23h)
Cine Jóia – Praça Carlos Gomes, 82
Ingresso: R$ 40,00 (com pipoca + 1 cerveja)

CINEMATOGRAPHO

4

Com o objetivo de resgatar a atmosfera das primeiras sessões de cinema, o MIS promove o Cinematographo, que conta com projeção de filmes mudos sonorizados por músicos ao vivo. Na edição de fevereiro, o filme “Onde os Fracos Não Têm Vez” (dir.Joel Coen e Ethan Coen, EUA, 122 min, 2007) ganha trilha sonora ao vivo executada pelo músico e produtor musical Guilherme Chiappetta. Compôs e gravou trilhas sonoras para filmes, pecas de teatro, espetáculos de dança e videodanças. Integra o grupo de jazz contemporâneo África la em Casa desde 2006 e também ministra oficinas de produção musical e de trilha sonora.

Cinematographo
Domingo – 01.2 – às 16h
MIS – Museu da Imagem e do Som
Av. Europa, 158
Ingressos R$ 3 a 6,00

BARBARA EUGÊNIA + GAROTAS SUECAS

Garotas Suecas - foto divulgação
Garotas Suecas – foto divulgação

Nessa sexta,à 0h Bárbara Eugênia e banda reúnem composições dos celebrados discos “É O Que Temos” e “Journal De BAD”, que flertam com a MPB romântica e o new folk. E à 1h, o Garotas Suecas mostra o groove dos mundialmente elogiados LPs “Escaldante Banda” e “Feras Míticas”, influenciados por funk e soul dos anos 70, e psicodelia pop.

Bárbara Eugênia & Garotas Suecas
Sexta-feira – 30.1 – a partir das 22h
Serralheria – Rua Guaicurus, 857 – Lapa
Ingressos:  R$ 20 a 30,00 na porta

SHOW ASSOPRO

Para quem quer mesmo é fugir dos foliões e marcinhas carnavalescas, a boa pedida é sempre ir dar uma relaxada e ouvir boa música na intimista Casa do Mancha. A banda de rock instrumental Assopro, vem de Botucatu pra cá soprar os bons ventos do interior para a pauliceia desvairada. Assopro lançou o disco homônimo no ano passado que pode ser baixado aqui.

Assopro @ Casa do Mancha
Sábado – 31.1 – às 21h
Rua Filipe de Alcaçova, s/n – Vila Madalena
Entrada R$ 20 – dinheiro ou débito

PARA COMPRAR 

LIQUIDA VERÃO MISCÊ

misce

Para comemorar o sucesso a Coleção#1, a Miscê, marca de acessórios que abusa nas estampas, faz uma liquidação com descontos de até 50%. Vai ser bazar com participação das marcas parceiras CLAM, com peças femininas e masculinas customizadas, a JAZZ Niggaz, que tem peças vintage customizadas e a marca de acessórios femininos e masculinos, VIS Design. Comidinha com a  EAT Chocolates Artesanais, chopp e caipirinha.

LiquidaVerão MiscêTrampolim
Sábado – 31.1 – 16 às 22h
R. Ministro Godói, nº 471 (Pertinho do Parque Água Branca)
Pagamentos: Expositores e comidinhas – Dinheiro, crédito e débito / Drinks – Somente dinheiro 

BAZAR VINAGRE

vinagre

A primeira edição do ano do Bazar Vinagre, rola nesse sábado, no bar Mandíbula. Prometeram que as peças estarão com preços bem camaradas. Quem participa também do bazar é a linda fotógrafa Renata Chebel, que reunirá peças do seu acervo especialmente para essa edição, além dos acessórios da estilista Beatriz M Losso. Para quem não conhece, a Vinagre é comandada pela Mari, a bonita aí da foto, que faz uma seleção incrível e de muito bom gosto de peças vintage mundo afora. Cola lá para comprinhas e uma cerveja bem gelada.

Bazar Vinagre
Sábado – 31.1 – 15 às 19h
Mandíbula – Praça Dom José Gaspar, 106 – 2º andar
Gratuito

PARA TOMAR BONS DRINKS

BREAD’N BEAR

sensorial

 

No sábado a Sensorial Discos recebe os deliciosos pães e doces da Beth Bakery no evento Bread ‘n Bear acompanhados de boa música e, claro, uma vasta carta de boas cervejas. Uma parceria que tem tudo para dar certo.

Bread ‘n Bear
Sábado – 31.1 – das 12h as 16h
Sensorial Discos  – Rua Augusta, 2389  
Entrada gratuita

CASA GRIM “MÚSICA NA CALÇADA”

Foto: http://baixopinheiros.com.br
Foto: http://baixopinheiros.com.br

Nesse sábado rola o “Música na Calçada” na Casa Grim com pocket show de Ana Deriggi & Hugo Carvalhaes Hori (Funk Como le Gusta). A proposta é interessante: a Casa Grim é na verdade um ateliê de restauração e transformação de móveis. No final de semana, a vitrine do ateliê se transforma num palco onde a banda toca virado para a rua. Ainda rola uma exposição dos artistas plásticos Suzanna Carlota Schlemm, Olavo Tenorio e Daniel Leitão. Além da cerveja gelada e boa música, ainda rola degustação do nhoque do Ella Restaurante. Cola lá, pois o evento é gratuito num formato bem peculiar.

Música na Calçada 
Sábado – 31.1 – 16 às 20h
Rua Costa Carvalho, 109 – Pinheiros

PARA COMER

Foto: http://chefsdecozinha.com.br
Foto: http://chefsdecozinha.com.br

EGGS Confort Food – Como o nome já diz, a EGGS é uma casa dedicada a esse item tão versátil que a natureza nos deu. Como o lugar enfatiza: ” O ovo além de ser uma comida sofisticada é original e despretensioso.” Preços são bem justos, a comida é boa e bem diversificada, embora seja baseada em ovo. Rua dos Pinheiros, 690 – Pinheiros – De segunda a sexta das 12h às 15h e das 17h às 20h

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Guanahaní Bar e Restaurante – Um cantinho recheado de tradições e delícias colombianas escondido em Pinheiros. O melhor da culinária da Colômbia, com destaque para os petiscos, pratos e bebidas típicas. Pupi Lopez, uma das sócias, que chegou ao Brasil há 30 anos, trouxe junto suas memórias gustativas de infância das barracas de rua de Bogotá. Uma delícia! Rua Joaquim Antunes , 391 – Pinheiros – Seg 12-15h / Ter-Sex 12-15h e das 19-0h30 / Sábado 12-16h e das 19- 01h30 / Domingo 12-17h

VÁ ANTES DE ACABE (OU ESQUEÇA)

Thomaz Farkas um dos pioneiros da fotografia moderna brasileira ganhou sua primeira exposição individual. Esta seleção, com curadoria de Sergio Burgi e João Farkas, reúne um panorama especialmente amplo da obra do artista. Com mais de uma centena de trabalhos, a exposição abrange sua produção inicial, filmes e documentos. Luciana Brito Galeria – R. Gomes de Carvalho 842 – Vila Olímpia. Até 14.2 – Terça a sábado – 10 às 19h

Ron Mueck na Pinacoteca, um dos principais artistas contemporâneos conhecido por suas esculturas de representação humana. O detalhe de suas figuras humanas é meticuloso, com mudanças surpreendentes de escala que estão longe do realismo acadêmico, hiper-realismo ou da pop art. Suas obras não descrevem pessoas reais ou situações, mas a obsessão com a verdade falada de um artista que busca a perfeição e é extremamente sensível com a forma e a matéria. Pinacoteca – Praça da Luz, 2 -Até 22.2 – Ter-Dom, das 10-20h. Quinta até às 22h. R$ 3 a 6,00 e gratuito aos sábados.

Exposição “A Invenção da Natureza, de Leonardo da Vinci é imperdível, a mostra reúne mais de 40 peças e 10 instalações interativas que marcaram e representam a trajetória de Da Vinci. Os projetos foram produzidos por pesquisadores e engenheiros, em 1952, para a celebração do quinto centenário de nascimento de Leonardo da Vinci (1452-1519). Centro Cultural Fiesp – Av. Paulista, 1313 – Gratuito. Até 10.5 – Diariamente das 10 às 20h

BANNER2 (1)


*Crédito imagem destaque: 
Olaf Naami | Shutterstock.com

Quem escreveu

Lalai Persson

Data

29 de January, 2015

Share

Lalai Persson

Lalai prometeu aos 15 anos que aos 40 faria sua sonhada viagem à Europa. Aos 24 conseguiu adiantar tal sonho em 16 anos. Desde então pisou 33 vezes em Paris e não pára de contar. Não é uma exímia planejadora de viagens. Gosta mesmo é de anotar o que é imperdível, a partir daí, prefere se perder nas ruas por onde passa e tirar dicas de locais. Hoje coleciona boas histórias, perrengues e cotonetes.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.