Os melhores festivais de música do mundo em 2018

Data

11 de January, 2018

Share

Julho é o mês com mais festival na agenda nos países onde o sol está a pino. Difícil é escolher alguns entre tantos, mas tarefa feita.

Open’er Festival
4 a 7 de julho, 2018
Gdynia, Polônia

Open’er Festival / Silent Disco. Foto: divulgação

O Open’er foi um dos festivais de tamanho médio que fui em 2016 com a melhor organização. Ele acontece num antigo aeroporto militar a 15km do centro da cidade. O festival é frequentado na, maioria, por poloneses. Tem uma ótima área de lazer, além dos palcos, com lojas, bares, food trucks, manicure, barbeiro e até cinema. Alguns nomes confirmados são Gorillaz, Depeche Mode, David Byrne, Fleet Foxes, Bruno Mars, Massive Attack. A dica de ouro é: se hospedar o mais perto possível da estação central, caso não queira acampar.

Link: opener.pl

The Peacock Society Winter Edition – Europa
6 e 7 de julho, 2018
Paris, França

Peacock Society. Foto: Divulgação / @ Jacob Khrist

The Peacock Society é filhote do We Love Green, um dos principais festivais de música eletrônica que rolam em Paris. São duas noites, vinte horas de shows divididas em dois palcos. O festival acontece num armazém no Parc Floral, em Bois de Vincennes, mas ainda não tem lineup divulgado. Em 2017 os headliners foram Nina Kraviz, Dixon, Kaytranada, Marcel Deetmann. Ou seja, o techno é a estrela do fim de semana.

Link: thepeacocksociety.fr

NOS Alive
12 a 14 de julho, 2018
Algés (Lisboa), Portugal

NOS Alive – Palco Coreto. Foto: divulgação

O NOS Alive é um pequeno grande festival que acontece em Algés, próximo ao centro de Lisboa em meio ao alto verão. É fácil chegar (mas pode ser complexo para ir embora), tem uma boa estrutura e áreas para curtir além dos palcos, e sempre um bom lineup. Os destaques 2018 são Pearl Jam, QOTSA, The National, Two Door Cinema Club, Future Islands, Chvrches, Franz Ferdinand, Portugal the Man, entre outros.

Link: nosalive.com

Melt
13 a 15 de julho, 2018
Ferropolis, Alemanha

Melt. Foto: Divulgação

O Melt acontece em Ferropolis, e promove o encontro da música eletrônica com o rock. O lugar onde rola o festival é uma atração a parte, pois é um museu a céu aberto de uma antiga indústria. O lineup traz artistas de música eletrônica em peso, mas também bandas indie e hip-hop. A programação está de virar os olhos: The XX, Fever Ray, Florence + The Machine, Nina Kraviz, Mura Masa, Jon Hopkins, entre outros. É festival para acampar sem perrengues.

Link: meltfestival.de

Splendour in the Grass
21 a 23 de julho, 2018
North Byron Parklands, Nova Gales do Sul, Austrália

Splendour in the Grass. Foto: Savannah Vander Niet

O Splendour in the Grass é considerado um dos melhores e mais concorridos festivais de música da Austrália. Geralmente os ingressos acabam logo que são colocados à venda. Ou seja, para quem ama um festival indie e está louco para ter um bom motivo para ir pra Austrália, saindo do circuito óbvio, já coloca na agenda e corre atrás das passagens. Os australianos são animadíssimos e amigáveis. O lineup está de virar os olhos como sempre: The XX, QOTSA, LCD, Royal Blood, Ham, Sigur Rós, Two Door Cinema Club, só para citar alguns.

Link: splendourinthegrass.com

Panorama Festival
27 a 29 de Julho, 2018
Nova York, EUA

Panorama Festival. Foto: divulgação

Panorama mal segue para sua terceira edição e já se firma com um dos principais festivais de NY. Além da música, o Panorama tem um apelo nas artes com o palco TheLab, uma instalação imersiva 360º com experiências de realidade virtual, criada por artistas novaiorquinos. A programação de 2018 ainda não foi divulgada.

Link: www.panorama.nyc

Fuji Rock
27 a 28 de julho, 2018
Yuzawa-machi, Niigata, Japão

Fuji Rock Festival. Foto: James Hadfield

O Fuji Rock é um dos principais festivais do Japão e acontece sob o calor escaldante do verão asiático numa estação de esqui. Mas não se preocupe, costuma chover um bocado nesta época. São cerca de 125 mil participantes, dez palcos com direito a sessão de cinema à noite. A programação deste ano ainda não foi divulgada, mas ele nunca decepciona, do indie ao pop, do eletrônico ao hip-hop, tem para todos os gostos. O ideal é acampar.

Link: www.fujirockfestival.com

Peraí que tem mais

A música eletrônica experimental entra interior adentro na Suécia com um festival em meio a uma extinta mina de carvão.
Norbergfestival. De 27 a 29 de julho de 2018. 
Norberg, Suécia.

Festival de música eletrônica a la pinacolada com vista para o Mar Adriático.
Polifonic. Primeira quinzena de julho com duração de quatro dias.
Monopoli, Itria Valley, Itália.

Data

11 de January, 2018

Share

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter