Guia para curtir Berlim além do muro – vol. 2

Data

02 de October, 2017

Share

Apesar da má impressão generalizada da comida alemã, Berlim oferece uma gama extensa e diversificada de restaurantes e cafés. E, acredite, aqui não é tão simples achar chucrutes e schnitzels, comidas típicas da Bavária, no sul da Alemanha. A culinária de Berlim é mais cosmopolita, então tem de tudo um pouco. Mas duas coisas ninguém consegue escapar de experimentar: o currywurst, salsicha grelhada servida com uma camada generosa do tempero indiano, vendido em barraquinhas por toda a cidade; e o döner, também conhecido como kebab, que nada mais é que primo comestível do nosso churrasquinho grego. Pode confiar, porque é bom demais. Só tome cuidado se te oferecerem o molho de pimenta, porque até os mais acostumados vão lacrimejar um pouco com a ardência. A cozinha vietnamita também é uma das mais populares e baratas na cidade. É outra difícil de escapar.

Berlim tem aberto portas de novos restaurantes quase que semanalmente, especialmente na região do Mitte. Sugerimos conferir antes de ir se uma das nossas sugestões estão abertas ou funcionando nos mesmos horários indicados.

Mogg & Melzer. Foto: Divulgação

Mogg & Melzer – dos donos do Pauly Sall, estrelado Michelin, fica no mesmo prédio, uma antiga escola de meninas judias. O lugar é pequeno com uma atmosfera de delicatessen nova yorquina dos anos 1930, resultando num ambiente clean e descolado. O menu é composto por sanduíches bem servidos, sopas, saladas e pratos mais elaborados. O lugar é pequeno e concorrido, o atendimento soa um pouco apressado. Os preços são um pouco acima da média dos preços em Berlim (o de pastrami tradicional, o mais caro do menu, custa 14,50 euros). Se você ama sanduíche de pastrami, o lugar é parada obrigatória. Endereço: Auguststraße 11-13, 10117, Mitte. Horários: segunda a sexta, das 11 às 22h; sábado e domingo, das 10 às 22h.

chagall
Café Chagall

Café Chagall – Umas das melhores pedidas quando o quesito é uma boa cerveja, um bom brunch e atendimento extremamente diferenciado. Localizado na saída da estação Senefelderplatz do metrô, o Café Chagall é paixão certa já na chegada. A carta de cervejas é vasta, bem como o menu de refeições de influência russa, que inclui brunch, servido até às 13h e cheio de delícias. Tudo isso oferecido a preços justos e com uma equipe de atendentes que esbanjam simpatia e cordialidade. Endereço:Georgenstraße 4, 10117, Mitte. Horários: diariamente a partir das 10h até o último cliente. 

Daluma. Foto: divulgação – In Search Of.

Daluma – Para os apreciadores de raw food (comida crua), o Daluma é uma das melhores pedidas de Berlim. Fica encravado no coração do Mitte. O menu é 100% orgânico, tem saladas, sopa e pratos mais elaborados, em que é possível ainda complementar com sashimi, avocado e outras opções. Tem também um ótimo cardápio de smoothies, sucos e até a badalada kombucha. O lugar também é aconchegante e tem decoração minimalista. O Daluma é capitaneado pelo Marian, um apaixonado pelo Brasil. Endereço: Weinbergsweg 3, 10119, Mitte. Horários: segunda a sexta, das 8 às 21h; sábado e domingo, das 10 às 20h.

Qua Phe.

Qua Phe – O Qua Phe é considerado por muitos um dos melhores vietnamitas de Berlim. Fica numa charmosa pracinha próxima à Rosa-Luxemburg-Platz. O lugar é super aconchegante, bem decorado, com uma grande mesa comunitária e outras individuais. No menu especialidades vietnamitas com wraps, saladas, sopas e pães (tem um recheado com porco que é de comer de joelho), tudo servido em folha de bananeira num prato de bambu. Ah, não vende bebida alcóolica, mas os sucos e chás substituem muito bem. O pedido é feito no balcão e só aceita dinheiro. Até o Ai Wei Wei quando vai à Berlim, não resiste em dar uma passadinha por lá. Quem quiser algo mais rápido para comer enquanto se locomove de um lugar para outro, ao lado tem o Bahn Mi Stable, dos mesmos donos, que serve o típico sanduíche “bahn mi” numa baguete fresquinha. Endereço: Max-Beer-Straße 37, 10119, Mitte. Horários: domingo a quinta, das 9 às 21h; sexta e sábado, até às 22h.

Shiso Burger. Foto: divulgação

Shiso Burger – Hambúrguer com aquele twist asiático? O Shiso tem. A carne do hambúrguer é feita com angus beef mal passada, o vegetariano com tofu com beringela. O pão é caseiro e os temperos tem um toque bem especial. São nove tipos diferentes de hambúrguer e seis tipos de acompanhamentos, incluindo fritas maravilhosamente crocantes. Os preços são ótimos, o sanduíche mais caro custa 6,90 euros. Ótimo do jeito que é, o Shiso está sempre cheio e é bem concorrido. Endereço: Auguststraße 29 c, 10119, Mitte. Horários: diariamente, das 12 à 0h.

YamYam –  Localizado no Mitte, próxima a estação Rosa-Luxemburg-Platz, o restaurante é pequeno, mas com uma comida coreana maravilhosa a preços justos. Os pratos custam por volta de oito euros e a comida é apimentada como a cozinha coreana deve ser. Endereço: Alte Schönhauser Str. 6, 10119, Mitte. Horários: segunda a quinta, das 12 às 23h; sexta e sábado, das 12 à 0h; domingo, das 13 às 23h.

Transit – Outro restaurante sensacional presente na região do Mitte e em Friedrichshain. Baseado na culinária tailandesa e indonesia, o Transit tem um ambiente muito gostoso quando a intenção é jantar em pouca companhia. Com mesas pequenas e um clima aconchegante, o lugar oferece diferentes pratos à base de peixe, frutos do mar e carne. Os nomes dos pratos são divertidos, como almost nude e duck in pyjamas, e os preços são mais felizes ainda. Os pratos variam entre 3,50 euros por porção e são servidos em pequenos bowls que alimentam uma pessoa de forma bem razoável e 8,50 euros para porções maiores. Endereços: Rosenthaler Str. 68, 10119, MitteSonntagstraße 28, 10245, Friedrichshain. Horários: Mitte – segunda a quinta, das 11 à 0h; sexta e sábado, das 11 à 1h; Friedrichshain – diariamente das 12 à 0h.

KaffeeMitte – No meio do buxixo do Mitte fica esse café descolado com aquele perfil que sempre dá certo: garçons jovens e bonitos, bons drinks, comidinhas simples mas saborosas e mesas na calçada para ficar muito tempo vendo a gente linda da região passar. Os paninis são bem gostosos e as sobremesas, além de saborosas, enchem os olhos já na fila para pedir. Endereço: Weinmeisterstraße 9A, 10178, Mitte. Horários: segunda a sexta, das 8 às 20h; sábado, das 9 às 20h; e domingo das 9 às 19h.

The Standard Pizza – tem uma das melhores pizzas de Berlim. Por lá o assunto é realmente levado a sério. O restaurante tem ares escandinavo, com decoração minimalista e balcão de concreto. As pizzas são feitas com massa grossa e, como em qualquer outra pizzaria em Berlim, é individual (mas são tão bem servidas, que se a fome não for muita, dá para dividir em duas pessoas numa boa). O menu é bem diversificado com algumas combinações bem curiosas, como pizza com batatas. Não é a opção mais barata, com pizzas custando a partir de 8,50 euros, mas se estiver clamando por uma boa pizza, a Standard pode resolver o problema. Endereço: Templiner Str. 7, 10119, Prenzlauer Berg. Horários: terça a sexta, das 18 à 0h; sábado e domingo, das 13 à 0h.

I Due Forni é uma das pizzarias mais tradicionais de Berlim. Fica do lado do Café Chagall em Mitte. As pizzas são individuais (bem servidas) e as sobremesas italianas, principalmente o tiramissu, são ótimos. A decoração do lugar é excelente: pôsteres de bandas punks e grafite enfeitam todo o local. As massas também são bem preparadas. Endereço: Schönhauser Allee 12, 10119, Mitte. Horário: diariamente das 12 à 0h.

Schnitzel de vitela do Lutter & Wegner. Foto: Lalai Persson

Lutter & Wegner Gendarmenmarkt – Restaurante típico alemão, funciona desde 1811 num salão grande de pé direito alto, janelões num ambiente bem familiar. É turístico, um pouco chique e caro, mas oferece um dos melhores schnitzel de vitela (o clássico) que já experimentamos. A porção é bem servida, mesmo a pequena, e vem acompanhada com a típica salada de batata com pepino. A grande custa 24,50 euros e a pequena, 19,50 euros. Caro, mas valeu cada centavinho. O restaurante conta também com uma excelente carta de vinho. Caso a  a intenção seja ter uma série experiência com schnitzel, pode colocá-lo na lista. Endereço: Charlottenstraße 56, Mitte. Horários: diariamente, das 11 à oh. 

Dada Falafel – Ótima parada no meio do Mitte para experimentar um verdadeiro e saboroso falafel ou shawarma. O homus também é delicioso e o ambiente bem agradável. Só aceitam dinheiro. Endereço: Linienstraße 132, Mitte. Horários: domingo a quarta, das 10 à 1h; quinta a sábado, até às 2h.

Dudu – Restaurante vietnamita com toque japonês no cardápio, mas mais por conta das opções de sashimi do que por qualquer outra coisa. O clima é descolado com mesas comunitárias e o lugar é badalado. Por lá, o bom mesmo são os coquetéis, mas caso a fome bata, as opções são boas também, inclusive as vegetarianas. A estrela da casa é o roastbeef noodle, mas apimentado. Os preços são um pouco acima da média de Berlim, mas enfim, você está em Mitte. Endereço: Torstraße 134, Mitte. Horários: segunda a sábado, das 12 à 0h; domingo, a partir das 13h.

Café Pförtner – divulgação.

Café Pförtner – Fica em Wedding, bairro improvável de quem está a passeio em Berlim vá, mas caso esteja pelas mediações, vale a pena a visita. O café já chama atenção pelo logo P, que nos remete ao Portishead. O lugar é descontraído e inusitado: tem dois salões pequenos, um maior, um outro dentro de um ônibus antigos acoplado num dos salões, um belo jardim. Menu só em alemão e, como a maioria, pagamento só em dinheiro. A trilha sonora é ótima e a comida super saborosa. Nos finais de semana costuma ter DJs alegrando a área. O cardápio muda diariamente de acordo com o que tem fresco no mercado e eles informam o do dia no facebook. Serve café da manhã também. Valores entre 5 e 10 euros. Endereço: Uferstraße 8-11, 13357, Wedding. Horários: segunda a sábado, das 9 às 23h. 

Kanaan – foto: divulgação

Kanaan Express – Restaurante de cozinha árabe vegetariana e vegana, comandada por um israelense e um palestino. O homus que eles fazem é um dos melhores que já experimentamos. Eles tem pratos especiais do dia, tábuas com diversas pastinhas árabes e pães, todos bem servidos para duas pessoas. No cardápio tem também saladas, sopas, pizza, entre outras opções. Caso esteja em Prenzlauer Berg, não deixe de visitá-los. É possível reservar mesa online e só aceitam pagamento em dinheiro. Endereço: Kopenhagener Str. 17, Prenzlauer Berg. Horários: terça a domingo, das 12 às 22h.

The Bird é a opção certa se sua fome for de um bom hambúrguer junkie. Embora não seja nada gourmet, o restaurante serve um dos melhores hambúrgueres de Berlim. Com variações que vão do hambúrguer com guacamole à deliciosas versões vegetarianas da iguaria. Sem falar das opções de cervejas que fazem companhia aos pratos. Não é a opção mais barata, mas vale cada centavinho. Endereço: Am Falkpl. 5, 10437, Prenzlauer Berg. Horários: de segunda a quinta, das 18 à 0h; sexta, das 16 à 0h; sábado e domingo, das 12 à 0h.

Il Ritrovo.

Il Ritrovo – Pizzaria super concorrida em Friedrichshain, tem um estilo mais punk do que uma tradicional pizzaria italiana. O atendimento não é lá uma maravilha, mas a pizza vale a pena. O cardápio, inteiro em italiano, conta com pizzas individuais (mas gigante!) dos mais diversos sabores e, pelo jeito, a pimenta está presente na maioria deles. O preço é ótimo e só aceitam pagamento em dinheiro. Endereço: Gabriel-Max-Straße 2, Friedrichshain. Horários: diariamente, das 12 à 0h.

Mariona. Foto: anzeigen

Mariona – Restaurante espanhol de tapas super charmoso com um menu surpreendente. As tapas são bem servidas e todas bem saborosas. Gaspacho, polvo, camarões, coelho confit, língua de vitela, anchova, queijo de cabra com chocolate, são ingredientes presentes no cardápio, que conta também com três opções de pratos principal, mas a boa lá é juntar os amigos e experimentar tudo. A carta de vinho é ótima e o atendimento super amigável. Não é uma das opções mais baratas do bairro, com as tapas custando uma média de 8 euros, mas vale muito a pena. Também só aceita pagamento em dinheiro. Endereço: Skalitzer Str. 94B, Kreuzberg. Horário: diariamente, a partir das 17h.

Miss Saigon – Um dos melhores vietnamitas que experimentamos na cidade, fica ao lado do metrô Görlitzer. O lugar é pequeno, mas em dias quentes, conta com uma ótima (e concorrida) área aberta. O menu conta com pratos do sul do Vietnã, são super bem preparados com alimentos frescos, são bem apresentados e, o melhor, são baratos custando em média 6,50 euros. Há boas opções veganas e vegetarianas. A sopa de entrada feita à base de ervas é tão saborosa, que você já percebe nela a boa refeição que vem pela frente. É possível reservar mesa e só aceita dinheiro. Endereço: Skalitzer Strasse 38, Kreuzberg. Horário: Diariamente, das 12 à 0h.

Bethanien, o prédio onde fica o restaurante 3 Schwestern

3 Schwestern – O restaurante alemão 3 Schwestern já vale a pena a visita só pelo edifício onde fica, construído em 1846. No passado foi um hospital e convento no meio da Mariennenplatz, contando com um belo jardins aos fundos, que durante o verão vira um biergarten e um cinema a céu aberto. A cozinha é alemã contemporânea com influências mediterrânea. Tem uma ótima carta de coquetéis, cervejas e vinhos. Tudo muito gostoso e bem preparado. É um pouco mais caro que a média de Berlim e só aceita dinheiro. Endereço: Mariannenpl. 2, Kreuzberg. Horários: aberto diariamente a partir das 12h; sábado e domingo, a partir das 11h.

Cocolo – Dedicado à comida japonesa, esse restaurante despretensioso em Kreuzberg possibilita assistir a produção do seu prato enquanto ele é preparado caso opte em sentar no balcão. Com opções variadas de lámen e demais pratos típicos do Japão, oferece versões diversas de pratos da culinária típica oriental. Endereço: Paul-Lincke-Ufer 39-40, 10999, Kreuzberg. Horário: segunda a sábado, das 12 às 23h; domingo, das 18 às 23h. Aceita apenas dinheiro. 

Louis – se quiser comer um típico Schnitzel, prepare a fome, e muita! O Louis é um restaurante austríaco que leva a cultura dos Alpes bem à risca, então se você não mora no meio das montanhas nevadas, provavelmente vai se chocar com o tamanho do carro chefe deles. O Wiener Schnitzel tradicional é um bife de vitela empanado e frito, servido sobre uma cama de rodelas de batatas assadas. Você tem duas opções de tamanho para pedir. O pequeno já uma porção estúpida para uma pessoa normal. O grande tem o tamanho do antebraço de um homem de 1,80m, ou seja, não é para os fracos. Todos eles tem algumas opções de molhos, mas o comum é ele sem nada. Fica em Neukölln, em uma praça fofa, no meio de um bairro bem residencial. Pode ser uma boa pedida no dia em que for passear no Tempelhofer ParkEndereço: Richardpl. 5, 12055, Neukölln. Horários: diariamente, das 11 às 23h.

Data

02 de October, 2017

Share

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter