As boas do fim de semana no Rio: 10.11

Quem escreveu

Kamille Viola

Data

05 de November, 2017

Share

Patrocínio

Festival Panorama

‘Looping: Bahia Overdub’, de Felipe de Assis, Leonardo França e Rita Aquino. Foto: Pati Almeida

Último fim de semana da 26ª edição evento, que apresenta performances, espetáculos teatrais e de dança. Entre as atrações, está ‘Looping: Bahia Overdub’, de Felipe de Assis, Leonardo França e Rita Aquino, sábado, no Armazém da Utopia, apresentação em parceria com o Multiplicidade. No domingo, o encerramento será um grande evento no Circo Voador, a Ocupação Corpo em Risco, com espetáculos, debates e shows.

Festival Panorama. Até 12.11. Confira a programação
Diversos locais

25 Anos da Cia Atores de Laura

Comemorando seus 25 anos, a Cia Atores de Laura apresenta nesta quinta e sexta a peça ‘Adultério’, dirigida por Daniel Herz, e no sábado e domingo, ‘O enxoval’, que tem direção de Luiz André Alvim.

25 Anos da Cia Atores de Laura. Quinta e sexta-feira (09 e 10.11), às 20h. Sexta-feira e sábado (11 e 12.11), às 17h. Ingressos: R$ 20 (meia-entrada) e R$ 40
Teatro Cesgranrio. Rua Santa Alexandrina, 1.011 – Rio Comprido

Peraí, que tem mais

Prazer é Poder – Corpo Aberto.  Sexta-feira (10.11), às 23h. Ingressos: grátis (nome na lista até 23h30) e R$ 20
Instituto Cultural Ruínas. Praça Tiradentes, 75 – Centro

Trans-In-Corporados. Sexta-feira e sábado (10 e 11.11), das 10h às 19h. Grátis
Museu de Arte do Rio. Praça Mauá, 5 – Centro

Quem escreveu

Kamille Viola

Data

05 de November, 2017

Share

Patrocínio

Kamille Viola

Kamille Viola é jornalista cultural, apaixonada por música, comida e viagens. Adora mostrar cantos menos conhecidos do Rio para quem vem de fora - e quem é da cidade também. É daquele tipo de gente para quem escrever não é uma escolha: é a única opção.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.