De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Roteiros 12 horas por Treviso

Explorando cidades do nascer do sol ao fim da noite.

SP24hrs

Porque para amar São Paulo não é preciso firulas.

As boas do fim de semana no Rio de Janeiro: 30.11

Data

29 de November, 2018

Share

Patrocínio

Tá tudo piscando: é dezembro chegando, numa briga entre sol e chuva, felicidade e apreensão. Escrevemos no sol, mas talvez vocês estejam lendo isso na chuva. Tipicuzinho de fim de ano.

Entre o mês que vai e o que vem, shows, peças e opções para dançar, comprar, comer e beber. Este é o fim de semana para curtir Silva, Moska, Rita Beneditto, Zeca Baleiro e Moraes Moreira. O Galpão estreia nova peça por aqui. Viola Davis está presente nas telonas com novo filme. Quer mais?

Nada contra quem ficou com saudade da Árvore da Lagoa… Temos alguns amigos assim. A eles, vale a boa notícia de que a inauguração oficial é sábado, dia primeiro.

Então, o combinado é esse: ninguém apaga o pisca-pisca de ninguém, táoquei?
Vamos brincar de ser feliz enquanto seu lobo não vem.

*Foto da capa: Rio de Janeiro por Raphael Nogueira / Unsplash

Data

29 de November, 2018

Share

Patrocínio

Filipe Isensee e Gustavo Cunha

Filipe nasceu em Salvador, mudou-se aos 9 anos para Belo Horizonte e, aos vinte e poucos, decidiu encarar o Rio de Janeiro. Há quatro anos conheceu Gustavo, cria da capital fluminense. Jornalistas culturais, gostam de receber amigos em casa e ir ao cinema. Cada vez mais são adeptos de programas ao ar livre - sempre que podem, incluem no passeio Chaplin, esperto vira-lata adotado há um ano.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.