Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital por Treviso

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

As boas do fim de semana no Rio de Janeiro: 18.01

Quem escreveu

Luiza Vilela

Data

17 de January, 2019

Share

Dreaming Murakami // 48-hour free Global Streaming Premiere

Dreaming Murakami – Trailer UK subs from Final Cut for Real on Vimeo.

Se desse pra medir nível de ansiedade com um termômetro, o meu pra ver esse filme já tinha explodido. Sou muito fã do escritor Haruki Murakami e sou tradutora, então… Um documentário (dos meus gêneros favoritos de cinema) que junta essas coisas e ainda promete ser beeeem surreal, claro, como é a escrita do Murakami, me deixa assim sem rumo. E aí olha que foda. Vai rolar uma premiére aberta, em streaming, neste finde. No mais, assistam ao trailer se arrepiem aí <3

Dreaming Murakami: 48-hour free Global Streaming Premiere. Sábado e Domingo (19 e 20.01), a partir das 16h (horário de Brasília), e a partir daí por 48 horas.
Via link. Qualquer dúvida é só entrar no evento do facebook. 

Cárcere no CCBB

Não sei vocês, mas eu amo um monólogo. Acho tão potente, tão corajoso ver uma pessoa sozinha dominando um palco. Enfim. Em circulação há cinco anos e com passagem por quinze países,  a peça Cárcere será realizada pela primeira vez no Rio de Janeiro, deste final de semana até 3 de março, no CCBB. O espetáculo, encenado pelo ator e diretor Vinícius Piedade,  trata de uma semana na vida de um pianista que, privado da liberdade e de seu piano, fica refém em uma rebelião iminente. No cárcere, ele vive em contagem regressiva e suas expectativas, impressões, lembranças, reflexões e sensações são expressadas em um diário, que se encerra quando estoura a rebelião. Saulo Lima e Vinícius Piedade assinam o texto, com trilha de Manuel Lima.

Cárcere no CCBB. De 17.01 a 03.03, de quinta a domingo, sempre às 19h30. Ingressos a partir de R$ 15, aqui.
Centro Cultural Banco do Brasil. Rua Primeiro de Março, 66 – Centro. 

Peraí, que tem mais

Para os pais que querem pegar um teatro com os pequenos e se emocionar junto, aviso que reestreou no Rio a premiada “Malala – a menina que queria estudar”, sobre a vida da ativista Malala.
Malala Reestreia. De 19.01 a 03.02, sempre às 16h e às 17h20. Ingressos a partir de R$ 30, aqui.
Oi Casa Grande. Avenida Afranio de Melo Franco, 290 – Leblon. 

O CCJF abre os trabalhos do projeto Música no Museu, que tem como objetivo democratizar o acesso à música clássico no Rio, com a apresentação do grupo “Elas por Elas” , tocando clássicos da música brasileira.
Música no Museu – CCJF. Sexta (18.01) às 18h. Gratuito.
Centro Cultural da Justiça Federal. Avenida Rio Branco, 241 – Centro. 

Quem escreveu

Luiza Vilela

Data

17 de January, 2019

Share

Luiza Vilela

Luiza S. Vilela é paulistana naturalizada capixaba, mas foi parar no Rio pra cursar letras há 12 anos e nunca mais saiu. Fugiu da vida acadêmica pra escrever, produzir conteúdo e, mais recentemente, casar pessoas. Já coordenou a editoria de FVM e Culinária da Revista Capitolina e contribuiu com Matador, Noo, Rio Etc, Modices e tantas outras. Bate um papo reto sobre literatura, claro, mas também sobre moda, culinária, feminismo e esportes. Site: www.luizaescreve.com

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.