Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

SXSW

Cobertura pré e pós do SXSW 2020 com as melhores dicas: quais são as palestras, ativações, shows e festas imperdíveis no festival.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

As boas do fim de semana no Rio de Janeiro: 14.06

Data

13 de June, 2019

Share

Dor e Glória

As cores de Almodóvar pintam “Dor e glória”, mais recente filme do cineasta espanhol. Dessa vez, contudo, as tintas são mais comedidas, relatam os críticos. Talvez seja o peso de flertar com uma (quase) autobiografia, com tudo que de ficção ela pode explorar. O melodrama masculino saiu de Cannes com a Palma de Ouro de melhor ator, consagrando em solo francês o talento de Antonio Bandeiras, parceiro de longa data de Pedro. Juntos, fizeram “A pele que habito”, “A lei do desejo”, “Ata-me”, entre outros. Agora, cabe a ele interpretar um diretor bem-sucedido em crise. As semelhanças, como se sabe, não são coincidências. Penélope Cruz, outra figura almodoviana, participa da empreitada como a mãe do protagonista. Estreia quinta-feira (13.06). Veja o trailer aqui.

“Dor e glória”. Confira salas e horários, aqui

Antígona

O texto de Sófocles foi escrito há 440 anos antes de Cristo e, não sem surpresa, permanece atual. Coisas do tempo. Há pouco mais de uma década, o saudoso diretor Antunes Filho se debruçou sobre a peça e criou uma marcante versão e, agora, é Amir Haddad quem organiza a cena, dessa vez para uma única atriz: Andrea Beltrão. Não bastasse ser uma das mais instigantes intérpretes da sua geração, Andrea defende o texto em casa, o Teatro Poeira, fundado por ela e por Marieta Severo em 2005. A despeito da crise, do corte de patrocínio, ela nos lembra a força do teatro.  A história é simples: Antígona, que traz em si a desmedida que marca as tragédias gregas, enterra seu irmão, contrariando as ordens de Creonte, rei de Tebas. É o conflito entre indivíduo e estado.

“Antígona”. Quinta-feira a sábado, às 21h. Domingo, às 19h. Ingressos a R$ 70. Em cartaz até 18 de julho.
Teatro Poeira. Rua São João Batista, 104 – Botafogo.

Copa América [lugares para assistir]

O Brasil joga a primeira partida da Copa América na sexta-feira (14.06), às 21h30.  Se quer ver fora de casa e não sabe onde, damos algumas opções por aqui. Como aconteceu na Copa do Mundo, a programação combina jogos + shows. Então, segue a bola, dessa vez sem Neymar.

Arena Nº 1 Brahma volta a ocupar a Praça Mauá. Para o primeiro jogo, show de Xande de Pilares, além de bar e food trucks.
Arena Nº 1 Brahma. Sexta (14.06), a partir das 18h. Grátis. 
Praça Mauá. 

Já a Arena Maravilha instalou seu telão no Morro da Urca. Bar com petiscos e drinques é um dos seis ambientes criados para a festa dos torcedores. Samba de Santa Clara está entre as atrações confirmadas.
Arena Maravilha. Sexta (14.06), a partir das 19h. Ingressos a partir de R$ 100 (quarto lote), aqui.
Morro da Urca. Av. Pasteur, 520 – Urca.

O Bud Basement também entrou na onda, com jogos sendo transmitidos em Santo Cristo. Os blocos Amigos da Onça e Minha Luz é de Led comandam a pista pós-jogo. Mais em Para Dançar (olha lá!).
Bud Basement. Sexta (14.06), às 19h. Ingressos a R$ 30.
Galpão Sacadura 154. Rua Sacadura Cabral, 154 – Santo Cristo. Ingressos a R$ 30.

Peraí, que tem mais

E por falar em futebol… No embalo da Copa América, o CCBB abriga a quinta edição do Cinefoot Extraordinário. O nome já entrega o lance, uma celebração que une o esporte ao cinema. Curtas, médias e longas, documentários e ficções: não falta bola no pé. Vai faltar olhos na tela?
Cinefoot Extraordinário. Confira a programação, com dias, filmes e horários, aqui. Grátis.

Alô, Niterói. O melhor espetáculo de 2018 faz um breve retorno. “Grande sertão: veredas”, baseado no livro homônimo de João Guimarães Rosa, conta a saga do jagunço Riobaldo e seu amor por Diadorim, papéis defendidos por Caio Blat e Luiza Lemmertz. A direção é de Bia Lessa, em cartaz também com “Pi – Panorâmica insana”, na Glória.
“Grande sertão: veredas”. Reestreia sábado (15.06). Em cartaz de sexta a domingo, às 19h. Ingressos a R$ 20. Até 30 de junho.
Teatro Popular Oscar Niemeyer. Avenida Jornalista Rogério Coelho Neto s/nº, Centro.

Outra estreia nos cinemas. Os nomes envolvidos são interessantes, mas estamos incertos sobre o resultado. De qualquer forma, fica a dica: Isabelle Huppert (uma deusa na Terra) e  Chloë Grace Moretz estão no suspense “Obsessão”, dirigido pelo sumido Neil Jordan (de “Traídos pelo desejo”, pelo qual levou o Oscar, e “Fim de caso”). As duas vivem improváveis amigas e a sina é esta: quanto mais íntimas ficam, mais as coisas desandam. O título original, Greta, faz referência à personagem de Huppert. Confira o trailer.
“Obsessão”. Salas e horários, aqui

Claro, claro, a lembrança que não pode faltar: o Festival Varilux segue firme, embora se aproxime dos seus últimos dias. Aproveite o fim de semana: “Quem você pensa que eu sou”, com Juliette Binoche, e “Graças a Deus”, do diretor François Ozon, estão entre as obras destacadas deste ano.
Festival Varilux. Confira a programação aqui.

Data

13 de June, 2019

Share

Filipe Isensee e Gustavo Cunha

Filipe nasceu em Salvador, mudou-se aos 9 anos para Belo Horizonte e, aos vinte e poucos, decidiu encarar o Rio de Janeiro. Há quatro anos conheceu Gustavo, cria da capital fluminense. Jornalistas culturais, gostam de receber amigos em casa e ir ao cinema. Cada vez mais são adeptos de programas ao ar livre - sempre que podem, incluem no passeio Chaplin, esperto vira-lata adotado há um ano.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.