De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital por Treviso

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

As boas do fim de semana no Recife: 01.06

Quem escreveu

Júlio Cavani

Data

30 de May, 2018

Share

Exposição de Nobuyuki Sugihara

O artista japonês Nobuyuki Sugihara elabora barcos feitos com conchas

O cara veio de bem longe para criar no Recife e o resultado será visto a partir desta quinta. O artista japonês Nobuyuki Sugihara passou algumas semanas na galeria Maumau para desenvolver um novo trabalho, que faz parte do projeto O Navio das Conchas: Mito Tecelagem, com a participação de artistas locais reunidos em uma oficina. Como o título sugere literalmente, ele confecciona grandes barcos a partir de cascas de ostras e mexilhões encontrados nos litorais dos lugares por onde passa, entre outros procedimentos de integração entre homem e natureza.

Exposição O Navio das Conchas: Mito Tecelagem. Abertura na quinta (31.05) às 19h. Grátis. Em cartaz até 30.06 (quinta a sábado das 15h às 20h).
Maumau. Rua Nicarágua, 179, Espinheiro.

Peraí que tem mais:

O artista Ramsés Marçal apresenta uma misteriosa exposição com os resultados de um pesado processo de experimentações plásticas e audiovisuais.
Contrapeso. Abertura sábado (02.05) às 17h. Grátis.
Galeria Amparo 60. Rua Artur Muniz, 82, primeiro andar do Edifício Califórnia, Segundo Jardim, Boa Viagem (entrada pelo restaurante Alfaiate).

Quem escreveu

Júlio Cavani

Data

30 de May, 2018

Share

Júlio Cavani

Durante três meses em Nova York em 2010, Júlio não trabalhou e nem estudou. dedicou todos os dias e noites da viagem a shows, exposições e cinemas. Na verdade, a vida dele é assim o ano inteiro, todos os anos, em qualquer cidade onde esteja. Quando trabalha, procura sempre algo relacionado a arte, filmes e música. Quando tem tempo livre, busca as mesmas coisas (ou ambientes com muita natureza). Também desenvolve os próprios projetos artísticos, influenciado por tudo o que vê e ouve. Ele ainda é conhecido por conseguir provar que sempre é possível encontrar coisas legais para fazer no Recife e por estar em vários lugares ao mesmo tempo.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.