Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital por Treviso

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

As boas do fim de semana em São Paulo: 31.05

Quem escreveu

Tava Passando

Data

30 de May, 2019

Share

História da Poesia Visual Brasileira

História da Poesia Visual Brasileira / Arte: Wlademir Dias Pino
História da Poesia Visual Brasileira / Arte: Wlademir Dias Pino

A mostra História da Poesia Visual Brasileira chega ao Sesc Bom Retiro com obras que rompem os limites das palavras, em um recorte panorâmico da rica e diversificada produção da poesia de vanguarda brasileira, com trabalhos focados em estéticas radicais e no cruzamento entre as mais diversas linguagens e suportes tecnológicos. Todos os materiais e obras presentes integram o arquivo do artista multimídia pernambucano Paulo Bruscky, que tem aproximadamente 70 mil itens coletados ao longo de 5 décadas, e é referência internacional para pesquisadores de arte. A exposição é dedicada a duas figuras centrais do experimentalismo nas artes visuais: Vicente do Rego Monteiro, artista e poeta pernambucano de grande importância na poesia visual e experimental, e Wlademir Dias-Pino, poeta, artista visual e gráfico de destaque no grupo Poema/processo no Rio de Janeiro. Além da exposição em si, o Sesc ainda preparou um bate-papo com os curadores neste sábado e uma estação itinerante de arte correio, onde os participantes vão criar cartões postais usando técnicas de carimbo, tipografia e colagem.

História da Poesia Visual Brasileira. A partir de quinta (30.05) às 19h. Até 08.09. Gratuito.
Sesc Bom Retiro. Alameda Nothmann, 185, Bom Retiro

Festival Path 2019

Festival Path / Foto: divulgação
Festival Path / Foto: divulgação

Depois de mais de 5.000 ingressos vendidos, mais de 30.000 participantes, mais de 300 palestras distribuídas em 30 espaços diferentes, mais de 25 shows e 15 documentários, já podemos afirmar que o Festival Path é o maior e mais diverso festival de inovação e criatividade do Brasil. Em 2019 ele vem maior ainda, ocupando diversos espaços nos arredores da Avenida Paulista durante dois dias, e querendo ainda mais estabelecer conexões e diálogos com a cidade, integrando várias comunidades criativas e levando ao público as discussões mais recentes sobre uma infinidade de temas. Tecnologia, educação, cultura, comportamento, feminismo, cinema, games, moda, gastronomia, cultura maker, futuro, relacionamentos – tudo sob o olhar da criatividade e da inovação. E ainda tem feira de negócios, feira de games, shows, filmes, gastronomia, yoga e muito muito muito mais. O Path é daqueles eventos que a gente nem sabe por onde começar, mas avisa logo: tem que ir!
PS: aqui a gente conta mais sobre o Path 2019.

Festival Path 2019. Sábado (01.06) e domingo (02.06) das 8h às 22h. Ingressos: R$ 249.
Vários lugares da Avenida Paulista

A noite não adormecerá jamais nos olhos nossos

A noite não adormecerá jamais nos olhos nossos / Foto: divulgação
A noite não adormecerá jamais nos olhos nossos / Foto: divulgação

“A noite não adormecerá jamais nos olhos nossos” é uma exposição coletiva que reúne um conjunto de pinturas, fotografias, assemblages, site-specific, performances e instalações – algumas inéditas – apenas de mulheres racializadas do Brasil. O evento surge da necessidade de discutir a pluralidade de linguagens, mídias e pesquisas que estão sendo produzidas por estas mulheres – entre elas Aline Motta, Bruna Amaro, Heloisa Hariadne, Lidia Lisboa, Lyz Parayzo, Renata Felinto e Val Souza. A curadoria destaca as temáticas abordadas por cada artista, de espiritualidade a processos de cura, de memória a violências institucionalizadas – e algumas obras serão criadas durante um processo imersivo de 4 semanas na própria galeria.

“A noite não adormecerá jamais nos olhos nossos”. A partir de sábado (01.06) às 14h. Até 20.07. Gratuito.
Baró Galeria. Rua da Consolação, 3417, Cerqueira César

Peraí que tem mais

26 xilogravuras das décadas de 50 e 60 e mais 6 criadas entre 80, 90 e 2000 do artista pernambucano.
Samico. A partir de quarta (29.05). Segunda a sexta, 11h às 19h e sábados, 11h às 15h. Até 13.07.
Galeria Estação. Rua Ferreira de Araújo, 625, Pinheiros

O Museu do Futebol inaugura expo que conta a trajetória feminina no esporte, às vésperas do Mundial de Futebol Feminino.
Contra-Ataque! As Mulheres do Futebol. De quarta (29.05) até 20.10, de terça a domingo das 9h às 17h. Ingressos: R$ 15 e R$ 7,50 (gratuito às terças).
Museu do Futebol – Praça Charlesun Miller, s/nº, Pacaembu

O artista exibe sua pesquisa em locais isolados ou remotos, revelando, em pinturas e esculturas, os fragmentos de uma estética do esvaziamento e do abandono.
David Magila – Frequentes Conclusões Falsas. A partir de quarta (29.05) às 19h. Gratuito.
Janaina Torres Galeria. Rua Joaquim Antunes, 177, sala 11, Pinheiros

O artista de São Paulo aborda os pormenores das relações humanas, bem como questões referentes à infância, memórias e histórias.
Silêncio Por Favor! – Nazareno. Até domingo (02.06). Gratuito.
Sesc Ipiranga. Rua Bom Pastor, 822, Ipiranga

Smartphones, tablets e dispositivos móveis estão revolucionando nossas vidas. Quais serão as tendências para a produção artística e cultural diante desse novo cenário digital?
Fórum de Educação Visual. Quarta (29.05) e quinta (30.05) das 10h às 20h. Gratuito.
Unibes Cultural. Rua Oscar Freire, 2500, Sumaré

No sábado tem oficina de aconselhamento e esclarecimento sobre saúde e direitos e domingo oficinas de make e hair.
Oficinas do Drag Contest. Sábado (01.06) das 16h às 19h e domingo (02.06) das 15h às 18h. Gratuito.
Centro Cultural da Juventude. Avenida Deputado Emílio Carlos, 3641, Vila Nova Cachoeirinha

“Para o povo vivo e livre, legalize”.
Marcha da Maconha 2019. Sábado (01.06) das 14:20 às 21:20. Gratuito.
Em frente ao MASP. Avenida Paulista, 1578, Bela Vista

Durante todo o mês os Espaços de Tecnologias e Artes (ETAs) das unidades do Sesc São Paulo aproximam o público de artistas, técnicos e pesquisadores de tecnologias livres.
Tecnologias e Artes em Rede: Tecnologias Livres. A partir de sábado (01.06) às 21h. Gratuito.
Várias unidades do Sesc

Expo coletiva com obras de Helio Oiticica, Juan Parada, Lais Myrrha, Ricardo Alcaide e Sam Moyer.
Hiato. Segunda a sexta das 10h às 19h, sábado das 10h às 15h. Até 17.07. Gratuito.
Sim Galeria. Rua Sarandi, 113 A, Cerqueira César

Mais de 156 clubes convidados de antigomobilismo.
Históricos de São Paulo – 1º Encontro de Carros Antigos. Domingo (02.06) das 8h às 18h. Gratuito.
Viaduto do Chá, 15, Centro

Quem escreveu

Tava Passando

Data

30 de May, 2019

Share

Tava Passando

Tavapassando e cliquei. Danilo Cabral e Flavia Lacerda registram seu dia a dia e todos os lugares por onde estão passando, em um mini-guia de shows, restaurantes, ruas e pixos no Instagram.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.