De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital por Treviso

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

As boas do fim de semana em São Paulo: 18.01

Quem escreveu

Tava Passando

Data

17 de January, 2019

Share

Noitão – O Encontro de Shyamalan

"Glass" / Foto: divulgação
“Glass” / Foto: divulgação

O diretor M. Night Shyamalan é controverso – tem quem ame, tem quem odeie, tem filmes de grande sucesso como “O Sexto Sentido” e “A Vila” e grandes flops como “O Último Mestre do Ar” – uma carreira cheia de reviravoltas como seus filmes. Depois que descobrimos que dois de seus maiores hits, “Corpo Fechado” de 2000 e “Fragmentado” de 2016, convivem no mesmo universo, e depois que surgiu o boato que um terceiro filme viria por aí, foi grande a expectativa de quem curte o estilo – meio suspense, meio super-herói. E aí que “Vidro” estreia essa semana, prometendo um grande encontro entre os personagens dos filmes anteriores, vividos por Bruce Willis, Samuel L. Jackson e James McAvoy. E quem quer uma experiência completíssima, muito mais do que só ir ao cinema e tentar relembrar os outros dois filmes, pode ir ao super Noitão dessa sexta – que traz os três filmes na sequência em duas salas – com o novo fechando a trinca só no meio da madruga. Para super fãs!

Noitão – O Encontro de Shyamalan. Sexta (18.01) às 23:30. Ingressos: R$ 36 e R$ 18.
Caixa Belas Artes. Rua da Consolação, 2423, Consolação

Arte Western

Boi Neon / Foto: divulgação
Boi Neon / Foto: divulgação

Que mostra legal! O CCSP quer provar como o filme de autor consegue absorver as convenções de qualquer gênero cinematográfico e aplicá-los à sua própria criação. É o caso do western, que como gênero “propriamente dito” quase não existe mais, mas continua vivo em filmes que fazem homenagem (e desconstroem) às tradições do gênero ao mesmo tempo em que levam o famoso “faroeste” para outras paragens. Para entender melhor é só ver a seleção de filmes, que é bem mista e muito legal: de “Alabama Monroe” de Felix Van Groeningen ao lindíssimo nacional “Boi Neon” de Gabriel Mascaro, de “O assassinato de Jesse James pelo covarde Robert Ford” de Andrew Dominik a “Zama” da argentina Lucrecia Martel.

Arte Western. De quinta (17.01) a quarta (23.01), várias sessões. Ingressos: R$ 2.
CCSP. Rua Vergueiro, 1000, Paraíso

Nelson Pereira em Cartaz

Vidas Secas / Foto: divulgação
Vidas Secas / Foto: divulgação

Expoente do cinema novo falecido ano passado, o diretor Nelson Pereira dos Santos é conhecido como “mestre dos mestres” no meio, por ter influenciado gerações e gerações no cinema brasileiro. O IMS Paulista homenageia o diretor com uma mostra retrospectiva, que estreou em novembro do ano passado com seu primeiro filme “Rio, 40 graus”, e vai durar o ano inteiro com dois filmes por mês. Nesse mês a mostra traz o clássico “Vidas Secas”, de 63, baseado no livro de Graciliano Ramos, que narra a jornada de uma família de retirantes entre duas grandes secas que tomaram o sertão durante os anos de 1940 e 1942; e “Mandacaru Vermelho” de 61, em cópia restaurada em 35mm, sobre Augusto e Clara, um vaqueiro e uma órfã, que fogem para se casar e são perseguidos em sua jornada pela caatinga. Passeio pela história do cinema brasileiro.

Nelson Pereira em Cartaz | SP. Sábado (19.01) às 17h e 19h. Ingressos: R$ 8 e R$ 4.
IMS Paulista. Avenida Paulista, 2424, Consolação

Peraí que tem mais

O espetáculo sobre direitos dos animais promove a adoção do cachorro que esteve em cena ao final de cada sessão!
Benjamin. Toda quarta e quinta às 21h, até 28.02. Ingressos: R$ 40 e R$ 20.
Viga Espaço Cênico. Rua Capote Valente, 1323, Pinheiros

Exibição do filme “La danse – O balé da Ópera de Paris”, seguido por debate com os críticos da revista Cinética.
La danse, de Frederick Wiseman | Sessão Cinética no IMS Paulista. Quinta (17.01) às 18:30. Ingressos: R$ 8 e R$ 4.
IMS Paulista. Avenida Paulista, 2424, Consolação

Espetáculo de improvisação em teatro/dança, focada no palhaço, com criação em tempo real frente ao público.
Idiotxs Magníficxs. Quinta (17.01) a sábado (19.01) às 21h, domingo (20.01) às 18h. Ingressos: a partir de R$ 9.
Sesc Pompeia. Rua Clélia, 93, Pompeia

A partir de textos de Wislawa Szymborska, Maureen Lipman e Laurie Anderson, a diretora e atriz Ester Laccava explora o patético e o inconfessável no cotidiano de cinco mulheres.
Ossada. Sexta (18.01) e sábado (19.01) às 21:30, domingo (20.01) às 18:30. Até 03.02. Ingressos: a partir de R$ 6.
Sesc Pompeia. Rua Clélia, 93, Pompeia

O texto clássico de Plínio Marcos retrata aspectos da recessão e desemprego, temas atemporais, e ganha montagem com direção de Augusto Zacchi.
Quando as Máquinas Param. Sexta (18.01) e sábado (19.01) às 21h, domingo (20.01) às 19:30. Até 24.02. Ingressos: R$ 30 e R$15.
Teatro Aliança Francesa. Rua General Jardim 182, Vila Buarque

Lançamento do curta-metragem com produção coletiva realizada pelo Núcleo Experimental de Cinema do MIS.
Nervo – Núcleo Experimental de Cinema do MIS. Sexta (18.01) às 20h. Gratuito.
MIS SP. Avenida Europa, 158, Jardim Europa

A primeira sessão dupla do ano tem tema “De salto alto”, com “Quanto mais quente melhor” e “The Rocky Horror Picture Show”.
Cine Doppelgänger: 2° Temporada. Sábado (19.01) às 14h. Gratuito.
Sala Cinematographos. Rua Cardoso de Almeida, 1943, Sumarezinho

O pianista Tony Berchmans improvisa a trilha do filme mudo “O Homem Mosca”, de 1923.
Cinematographo – O Homem Mosca. Domingo (20.01) às 15h. Ingressos: R$ 12 e R$ 6.
MIS SP. Avenida Europa, 158, Jardim Europa

Quem escreveu

Tava Passando

Data

17 de January, 2019

Share

Tava Passando

Tavapassando e cliquei. Danilo Cabral e Flavia Lacerda registram seu dia a dia e todos os lugares por onde estão passando, em um mini-guia de shows, restaurantes, ruas e pixos no Instagram.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.