De repente, China

A China nos olhos de uma carioca.

Decoding

Tendências dos principais festivais de inovação e criatividade do mundo.

Eventos gratuitos SP por Catho

Guia semanal de eventos gratuitos para curtir em São Paulo

Festivais de música

Os melhores festivais de música do Brasil e do mundo num só lugar.

Fit Happens

Aventura, esporte, alimentação e saúde para quem quer explorar o mundo.

Nomadismo Digital por Treviso

Trabalhando e viajando ao mesmo tempo.

Podcast Jogo do CoP

O podcast Jogo do CoP discute quinzenalmente assuntos aleatórios.

Quinoa or Tofu

Restaurantes, compras, receitas, lugares, curiosidades e cursos. Tudo vegano ou vegetariano.

Rio24hrs

Feito com ❤ no Rio, para o Rio, só com o que há de melhor rolando na cidade.

SP24hrs

Gastronomia, cultura, arte, música, diversão, compras e inspiração na Selva de Pedra. Porque para amar São Paulo, não é preciso firulas. Só é preciso vivê-la.

Valle Nevado

Chicken or Pasta na temporada 2019 do Valle Nevado.

Guia melhores eventos gratuitos de São Paulo: de 23 a 28.04

Quem escreveu

Lalai Persson

Data

23 de April, 2019

Share

Apresentado por

A agenda de eventos gratuitos em São Paulo nesta semana está um capricho só para quem gosta de dançar (e de dança). Festinhas não faltarão!! A pista já abre nesta terça-feira. Para quem ama dança, a agenda está lotada até domingo com 10 espetáculos gratuitos espalhados por diversos lugares da cidade no “Abril para dança”, que inclui estreia de espetáculo do Quasar Cia. de Dança e apresentação do “Sagração da Primavera”, do Balé da Cidade.

Para quem gosta de ver show ao vivo, uma das boas pedidas são a festa de encerramento do festival Red Bull Music Pulso, no domingo; Marcelo D2, no Sesc Itaquera, e My Magical Glowing Lens, no Sesc Interlagos. Tem também um monte de exposições aterrissando na cidade, incluindo duas que abrem no Instituto Moreira Salles no sábado, dos fotógrafos Letizia Battaglia e Sergio Larrain, com visitas guiadas com curadores.

A Av. Paulista novamente será palco de uma agenda cultural no domingo com o Paulista Cultural, evento que promove intercâmbio de atividades com diversos espaços da avenida, como Casa das Rosas, IMS, Japan House, Sesc Avenida Paulista, Itaú Cultural, Centro Cultural Fiesp e o MASP.

Tem também muito bate-papo, oficina e palestras rolando ao longo da semana sobre os mais diversos assuntos: mobilidade, moda, livros escritos por mulheres, arte, urbanismo são alguns deles. É só chegar. :)

Festas

A DJ Ana Flávia é um dos destaques da festa Sintética na Rua. Foto: divulgação artista
A DJ Ana Flávia é um dos destaques da festa Sintética na Rua. Foto: divulgação artista

Celebração do Dia de São Jorge com a brasilidade da festa Pilantragi.
Pilantragi e Bebo Sim. Terça-feira (23.04), das 20 às 4h. Gratuito.
Bebo Sim. Rua Prof. Alfonso Bovero, 1107, Pompeia

Olha que maravilha: tem lugar novo abrindo no centrão da cidade. O Napolino tem pizza, drinks, cerveja e festinhas! Quem estreia por lá é a Garotas no Poder, festa comandada pela Camila Mazzini, que vai tocar as melhores vozes femininas dos últimos tempos. E passa pra dar parabéns, porque o projeto está fazendo 9 anos! Isso mesmo: n-o-v-e a-n-o-s! :)
Garotas no Poder. Quinta-feira (25.04), das 19 às 23h. Gratuito.
Napolino. Rua Duque de Caxias, 447, Campos Elíseos.  

A periferia invade a Void (Centro) com muito funk e rap. É só chegar! A quebradeira é garantida.
Perifa na Void. Sexta-feira (26.04), das 18 às 22h. Gratuito
Void Centro. Rua Dom José Gaspar, 297, República.

O Peixe Voraz, bar queridinho da cena gay alternativa paulistana, acaba de fechar suas portas em seu endereço original, mas o fervo continua. Noite adentro na pista com Glaucia++, Henrique Danieletto, entre outros.
Peixe Voraz. Sexta-feira (26.04), das 20 às 2h. Gratuito.
Peixaria Mitsugi. Rua Galvão Bueno, 364, Liberdade.

A casinha mais charmosa da Artur de Azevedo vai abrir seu jardim pra receber a festa Samambaia. Na pista muita brasilidade com os DJs Paula Z e Rapha Guedes. Dá pra fazer uma dobradinha com o MiniMECA.
Samambaia. Sábado (27.04), das 17 às 23h. Gratuito.
Bang Bang. Rua Artur de Azevedo, 493, Pinheiros.

Festa comandada por três Lúcios: o Morais, o Ribeiro e  o Caramori, todos eles com muito bom gosto musical tocando na pista mais inusitada de São Paulo.
Lucioland. Sábado (27.04), das 23 às 5h. Gratuito.
Peixaria Mitsugi. Rua Galvão Bueno, 364, Liberdade.

Algumas das melhores DJs mulheres de São Paulo animando a rua com música eletrônica das boas.
Sintética na Rua. Domingo (28.04), das 13 às 22h. Gratuito.
Rua Barão de Itapetininga, 263, República.

Festa de soundsystem com algumas das melhores equipes de São Paulo.
Ampli Fyah SP. Domingo (28.04), das 14 às 22h. Gratuito.
CCJ. Av. Deputado Emilio Carlos, 3641, Vila Nova Cachoeirinha (15 minutos do Terminal Barra Funda)

Um dos nossos bares favoritos, o Pratododia, ocupa a Casa das Caldeiras neste domingo com um festão para celebrar o Dia do Vinil. Entre às 15 e 16h vai rolar uma pistinha especial para as crianças comandada pela DJ Carlu.
Tododomingo Musical: Pratododia. Domingo (28.04), das 15 às 23h. Gratuito.
Casa das Caldeiras. Av. Francisco Matarazzo, 2000, Água Branca.

Shows

My Magical Glowing Lens faz show gratuito com big band no Sesc Interlagos
My Magical Glowing Lens por Giovana Rosetti / divulgação.

O Itaú Cultural apresenta três shows gratuitos nesta semana. O samba delícia do Élio Camalle é quem abre alas para a programação lançando o videoclipe Zé da Bronca. Já as cantadeiras urbanas Clarianas investiga a voz da mulher ancestral na música popular brasileira. Por fim, Gui Amabis e Bluebell fazem o show inédito Lua Nova apresentando canções do Nick Drake.
Élio Camalle – lançamento videoclipe Zé da Bronca. Quinta-feira (25.04), às 20h. Gratuito.
Clarianas em Quebrando Quebranto. Sexta-feira (26.04), às 20h. Gratuito.
Lua Rosa – Nick Drake. Sábado (27.04), às 20h e domingo (28.04), às 19h. Gratuito.
Itaú Cultural – Sala Itaú Cultural. Av. Paulista, 149, Bela Vista.

Show para quem gosta de canções de amor.
Léo Pinheiro. Sexta-feira (26.04), das 20 às 21h. Gratuito.
MIS. Av. Europa, 158, Jardim Europa.

O Mercado do Cais é uma feira que promove o trabalho de produtores artesanais. Além das diversas opções de compras, a programação traz uma agenda com shows e discotecagem durante a tarde toda, incluindo VRUUMM, Lucas Motta, AD4CHI e Orquestra Jabaquara.
Mercado do Cais União Fraterna. Sábado, mercado a partir das 10h, shows a partir das 14h30. Gratuito.
União Fraterna. Rua Guaicurus, 27, Pompeia.

O MiniMECA faz sua festa mensal neste sábado com um line-up caprichadíssimo. Tem dois pocket shows com Bia Ferreira e Brenda Band, além de discotecagens bem diferentonas com funk, pop e até, quem sabe, um pagode de rua. A ordem é colocar todo mundo pra rebolar. Dá pra fazer uma dobradinha com a festa Samambaia.
MiniMECA #024. Sábado (27.04), das 14 às 23h59. Gratuito.
MECA. Rua Artur de Azevedo, 499, Pinheiros.

Inspirados em artistas como Ray Charles, Marvin Gaye e Jorge Ben Jor, a banda apresenta show de seu mais novo EP ” New Tanger “. Prometem colocar o público pra dançar!
Vitrolla 70. Sábado (27.04), das 16 às 17h30. Gratuito.
Teatro Flávio Império. Rua Prof. Alves Pedroso, 600, Cangaíba.

Um dos discos mais bonitos de 2018, “Amar é para os Fortes”, será apresentado pelo Marcelo D2 neste domingo num show gratuito. Além do repertório do último álbum, ele apresenta também alguns sucessos da sua carreira incluindo música do Planet Hemp.
Marcelo D2. Domingo (28.04), das 15h30 às 17h. Gratuito – é só chegar.
Sesc Itaquera. Av. Fernando do Espírito Santos Alves de Matto, 1000

Gabriela Deptulski, nome por trás da banda indie My Magical Glowing Lens, se apresentará com uma big band ao ar livre neste domingo. O último álbum “Cosmos” é uma viagem lisérgica cheia de referências com canções em inglês e português. É uma delícia sonora atrás da outra. A multi-instrumentista Malka faz participação especial. Impossível não se render! Pra quem se animar, a Gabriela ministra no sábado uma oficina de produção musical caseira exclusiva para mulheres. Inscrições aqui.
My Magical Glowing Lens. Domingo (28.04), das 16 às 17h. Gratuito.
Sesc Interlagos – Praça Pau Brasil. Av. Manuel Alves Soares, nº 1.100 – Parque Colonial 

Cinco shows encerram o Red Bull Music Pulso promovendo um fim de tarde regado a hip-hop e rap. Tocam Akin Deckard (curador do festival e fundador do coletivo Metanol); Mayra Maldjian (DJ do Rimas & Melodias); Nyack (DJ de rap e R&B); Jéssica Caitano (rapper e repentista pernambucana) e Rappin Hood (um dos nomes do rap brasileiro).
Show encerramento Red Bull Music Pulso. Domingo (28.04), a partir das 17h. Gratuito – inscrições aqui.
Red Bull Station. Praça da Bandeira, 137, Centro.

Cinema, teatro e dança

A Sagração da Primavera / Foto: divulgação
A Sagração da Primavera, Balé da Cidade. Foto: divulgação

Uma programação linda de morrer para quem gosta de dança está rolando até domingo na cidade. São vários espetáculos de companhias consagradas raramente possíveis de serem assistidas gratuitamente. Então aproveita! Os destaques são “Estou em Silêncio”, da Quasar Cia. de Dança; a “Sagração da Primavera”, com o Balé da Cidade; a “Cebola – Casca de um Todo”, da Clarin Cia. de Dança com participação da Tulipa Ruiz; e “Rosas Danst Rosas”, da Dentre Nós Cia. de Dança.
3º Festival Abril para Dança. Até 28 de abril, vários lugares e horários. Conferir a programação completa aqui.

Nessa performance, o pianista Manuel Pêssoa de Lima passa o dia executando música ambiente e interagindo com pessoas por meio de aplicativos de relacionamento cujo perfil lê-se: “sou um pianista e procuro uma pessoa para a qual tocar”. Aos interessados se pedirá que responda por mensagem de áudio dez perguntas sobre amor e relacionamento. A pessoa é convidada a comparecer ao concerto Piano da Luz Vermelha, onde uma composição para lâmpadas vermelhas e piano incorporara as mensagens de áudio enviadas.
Piano da Luz Vermelha. De 23 a 27.04, das 10 às 22h; e 28.04, das 10 às 18h. Gratuito.
Sesc Av. Paulista – Térreo. Av. Paulista, 119, Bela Vista.

Vencedor da Competição Latino-Americana, o filme constrói um retrato do compositor argentino Astor Piazzolla (1921-1992) e da sua revolução no universo do tango, com imagens e áudios inéditos. O material de arquivo é do filho, o também músico Daniel Piazzolla, e permite um olhar pessoal, com histórias de família e lembranças das polêmicas enfrentadas em Buenos Aires. Inclui uma série de conversas gravadas entre o compositor e a filha, Diana, sobre arte e composição musical.
É Tudo Verdade: Piazolla – Os Anos de Tubarão. Terça-feira (23.04), às 19h. Gratuito.
Itaú Cultural. Av. Paulista, 149, Bela Vista.

Com a proposta de unir duas formas de arte, a corporal e a literatura, a Biblioteca Mário de Andrade criou uma programação especial com três espetáculos: o de dança “Colônia Penal”, de Sandro Borelli, inspirado na novela “Na Colônia Penal”, de Franz Kafka; “Tons de Força”, baseado no livro “Mulheres que Correm com os Lobos”, de Pinkola, e no mito de Lilith (primeira mulher de Adão), com música ao vivo e elementos circenses; e o experimento cênico “Livro Vivo #1”, que promove uma leitura expandida entre corpo, imagem e som, apresentado por dois bailarinos treinados em butô, Ricardo Iazzetta e Aya Ohara.
Artes do Corpo na Mário, dias 26 e 28 de abril. Gratuito – ingressos retirados 1h antes.
Colônia Penal. Sexta-feira (26.04), às 19h, no Auditório // Tons de Força. Domingo (28.04), às 17h, no Auditório // Livro Vivo #1. Domingo (28.04), às 18h, na Sala Multiuso.
Biblioteca Mário de Andrade. Rua da Consolação, 94, Centro.

Exposições e passeios

Foto de Sergio Larrain/Magnum Photos. Foto: Reprodução/IMS.
Foto de Sergio Larrain/Magnum Photos. Foto: Reprodução/IMS.

Água, luz e música são os principais elementos que dão vida à Fluidez, nova instalação que ocupa o térreo da Japan House São Paulo a partir deste mês. A exposição inédita é do estúdio japonês de inovação criativa W0W, que possui extensa atuação no campo do design e se apresenta pela primeira vez na América do Sul.
Fluidez. De 23.04 a 04.08, terça a sábado, das 10 às 20h e domingos e feriados, das 10 às 18h. Gratuito.
Japan House. Av. Paulista, 52, Bela Vista.

Abertura da exposição individual “Não pense em crise, trabalhe!”, de Guilherme Peters, criada a partir dos episódios políticos ocorridos no Brasil a partir de 2013 e seus desdobramentos. Serão apresentadas aquarelas, instalações e uma performance no dia da abertura (às 21h).
Guilherme Peters: Não pense em crise, trabalhe! Abertura terça (23.04), das 20 às 23h; a expo fica até 25 de maio. Terça a sexta, das 10 às 19h; sábado, das 11 às 17h. Gratuito.
Vermelho. Rua Minas Gerais, 350, Higienópolis. 

Miguel Bakun, um dos principais artistas modernos do Paraná, ganha uma mostra que traz um recorte de sua produção contextualizada na história da arte brasileira. São três núcleos: o primeiro contempla a paisagem do Sul, sobretudo do Paraná; o segunda dedica-se ao interior do modernismo brasileiro; e o terceiro núcleo traz artistas contemporâneos que, assim como Bakun, têm na paisagem fonte inesgotável de pesquisa. Aproveitando que estará no Tomie Ohtake, não deixe de conferir a expo “Oscar Niemeyer – Territórios da Criação”, que fica em cartaz até 19.05.
Aprendendo com Miguel Bakun: Subtropical. Abertura: Quarta-feira (24.04), às 20h; até 26 de maio, terça a domingo, das 11 às 20h. Gratuito.
Instituto Tomie Ohtake. Rua Coropés, 88, Pinheiros.

O “Museum of Me” mostra num cubo imersivo, revestido com displays de LCD, dados compartilhados por usuários nas mídias sociais. As fotos são acompanhadas de sons, hashtags e leitura de legendas, geradas a partir de inteligência artificial. A cada indivíduo ou grupo de até 4 pessoas, uma nova experiência é construída. É assistir a sua vida compartilhadas nas redes sociais nessa bela instalação.
Museum of Me. De 26 de abril a 20 de maio, segunda a sexta, das 10 às 20h, e sábados, domingos e feriados, das 10 às 18h. Gratuito.
Edifício Banco do Brasil. Av. Paulista, 1230, ao lado do metrô Trianon-Masp

Abertura da exposição “Letizia Battaglia: Palermo” com visita guiada com o curador Paolo Falcone. A mostra apresenta o trabalho da fotógrafa italiana cuja obra está profundamente ligada à cidade de Palermo, na Sicília, onde ela nasceu. Letizia Battaglia registrou a época dos conflitos mais violentos da máfia local, além de documentar o cotidiano da cidade.
Letizia Battaglia: Palermo | Abertura + visita guiada. Sábado (27.04), das 11 às 20h. Gratuito.
IMS Paulista. Av. Paulista, 2424, Consolação

Abertura de “Sergio Larrain: um retângulo na mão” com visita guiada com a curadora Agnès Sire. A exposição apresenta uma retrospectiva do trabalho do fotógrafo chileno do início de sua produção fotografando crianças nas ruas de Santiago, a série de viagens profissionais, o trabalho como correspondente internacional e o trabalho produzido após retornar à sua terra natal. A mostra já rodou o mundo, incluindo passagem pelo Festival de Arles.
Sergio Larrain: um retângulo na mão. Abertura no sábado (27.04), das 12 às 20h; a expo fica até 26.08.19. Gratuito
Terça a domingo e feriados (exceto segundas), das 10 às 20h; quinta (exceto feriados), das 10 às 22h. 

IMS. Av. Paulista, 2424, Consolação.

A Casa Alagada, ateliê/casa pensada para experimentações artísticas, recebe diversos artistas para uma exposição de apenas um dia, a “Represa do Pacaembu”. Nela rola o encontro entre artistas e público através de esculturas, instalações, vídeos, pinturas e performances especialmente adaptadas para o contexto do espaço.
Inauguração Oficial Represa do Pacaembu. Sábado (27.04), das 14 às 21h. Gratuito.
Casa Alagada. Rua Gustavo Teixeira, 230, Pacaembu.

Bate-papos, leituras, oficinas e palestras

Clube do Livro Feminista discute “O conto da Aia”, livro que deu origem a série Handmaid’s Tale

Palestra com D&DEPARTMENT PROJECT – fundado em Tóquio – que apresentará o seu conceito Long Life Design, que não se trata apenas de design, mas da influência que o ambiente, processos produtivos e as formas de venda exercem sobre objetos que são continuamente produzidos. Serão apresentadas algumas das características presentes na exposição Japão 47 Artesãos, em cartaz na Japan House.
Artesanato Contemporâneo do Japão. Terça-feira (23.04), das 19 às 20h. Gratuito com retirada de senha 1h antes.
Japan House. Av. Paulista, 52, Bela Vista.

Palestra “Do Harlem para o mundo: raça, gênero, sexualidade e masculinidade nos escritos de James Baldwin” proferida pelo sociólogo Márcio Macedo, escritor do posfácio da obra “Se a rua Beale falasse” de James Baldwin”.
Do Harlem para o mundo de James Baldwin. Quarta-feira (24.04), das 19 às 23h. Gratuito.
PUC. Rua Monte Alegre, 984, Perdizes.

Bate-papo sobre o livro “Dias de Abandono”, da Elena Ferrante, autora da tetralogia napolitana que tem inicio com “A Amiga Genial”. A conversa será mediada pela poeta, atriz e slammer Luiza Romão.
Ciclo de Leitura: Mulheres de Palavras. Quinta-feira (25.04), das 19 às 21h. Gratuito.
Sesc Bom Retiro – Biblioteca. Alameda Nothmann, 185, Bom Retiro.

Encontro para discutir o livro “O conto da Aia”, de Margaret Atwood, que deu origem a desconfortável série “The Handmaid’s Tale”. A história gira em torno de Offred, uma aia cuja função na sociedade é gerar filhos para mulheres ricas inférteis, sendo continuamente estupradas por seus maridos.
Clube do Livro Feminista: O conto da Aia. Sexta-feira (26.04), das 19h30 às 21h. Gratuito.
Casa das Rosas. Av. Paulista, 37, Bela Vista.

O clube de leitura Leia Mulheres selecionou o livro A Vegetariana, da autora sul-coreana Han Kang. A obra traz a história de uma mulher comum que, pela simples decisão de não comer mais carne, transforma uma vida aparentemente sem atrativos em um pesadelo perturbador e transgressivo. A mediação será com Juliana Leuenroth e Michelle Henriques.
Leia Mulheres SP – Han Kang. Sábado (27.04), das 16 às 18h. Gratuito.
Biblioteca do Centro Cultural São Paulo – ao lado da gibiteca. Rua Vergueiro, 1000

O Brechas Urbanas é um projeto criado pelo Itaú Cultural com o objetivo de repensar a vida nas cidades. Em abril ele acontece em dose dupla. A primeira, no dia 24.04, dialoga com a Ocupação Gregori Warchavchik, em homenagem ao pioneiro da arquitetura moderna brasileira. A conversa será com a doutora em ciências sociais pela Unicamp, Adriana Capuano, e a refugiada política colombiana, Daniela Solano, com o público é sobre as contribuições dos imigrantes na construção das cidades pelo viés da cultura. O segundo encontro acontece no dia 28. O tema do debate passa para a construção arquitetônica da cultura, com enfoque nos espaços destinados à sua fruição. Realizado em co-autoria, ali, os debatedores convidados são os arquitetos Hiroshi Sambuichi, japonês que vem ao Brasil pela primeira vez, e o brasileiro Guilherme Wisnik.
Brechas Urbanas 1: Os outros países nas cidades. Quarta-feira (24), das 20 às 22h. Gratuito – ingressos distribuídos 1h antes. Itaú Cultural – Sala Multiuso. Av. Paulista, 149, Bela Vista.
Brechas Urbanas 2: A vida arquitetônica da cultura. Domingo (28.04), das 16h30 às 18h30. Gratuito – ingressos distribuídos 1h antes. Japan House. Av. Paulista, 52, Bela Vista.

A Bla Bla Car, Uber e Yellow discutem economia compartilhada e a expansão da mobilidade urbana na sociedade.
Espaço de reflexão rumo a um futuro sustentável. Quinta-feira (25.04), das 10 às 13h. Gratuito mediante inscrição.
Unibes Cultural. Rua Oscar Freire, 2500, Sumaré (ao lado do metrô Sumaré).
Festival para discutir a presença feminina na arte. Idealizado e realizado pela artista Tami Lemos, o evento traz painéis sobre música, minas no grafite, empreendedorismo na arte, terapia coletiva, além de feira de exposição, discotecagem e pocket shows. Feito por minas para as minas.
Festival Crie Como Uma Garota. Quinta-feira (25.04), das 14 às 22h. Gratuito – inscrições online encerradas, serão distribuídos 70 convites uma hora antes dos painéis.
MIS. Av. Europa, 158, Jardim Europa.
O produtor musical e empresário João Bôscoli aborda num bate-papo sua experiência e coloca em pauta a importância do fator humano –e as pessoas que fazem a diferença– na produção e na indústria musical brasileira atualmente.
Fator Humano e Produção Musical nos Dias de Hoje. Quinta-feira (25.04), às 20h. Gratuito (100 vagas) – inscrições aqui.
Red Bull Station. Praça da Bandeira, 137, Centro.
Lançamento do livro “Proclamações libertárias para uma militância LGBTQ+”, de Paco Vidarte, que funciona como um manifesto que nos faz refletir acerca de nossas sexualidades e identidades dissidentes, além de fornecer importantes insights teóricos para pensar a atual conjuntura política. O evento conta com um mesa de debate acerca da obra.
Proclamações Libertárias para uma Militância LGBTQ+. Quinta-feira (25.04), das 19 às 22h30. Gratuito.
Cabaret da Cecília. Rua Fortunato, 35, Santa Cecília.

Palestra sobre o cultivo de ervas aromáticas pra você deixar sua horta lindona em casa.
Plantando ervas e temperos em pequeno espaço. Sexta-feira (26.04), das 10 às 11h. Gratuito.
Sabor da Fazenda. Av. Nadir Dias Figueiredo, 395, Vila Maria

Segunda edição da Ilustre Feira dedicada a produção de ilustradores. O evento conta com roda de conversas, oficinas, música e, claro, a feirinha com dezenas de ilustradores independentes.
Ilustre Feira. Sábado (27.04), das 9 às 20h. Às 9h rola a primeira roda de conversa sobre mercado editorial e a feira, às 11h. Gratuito.
Biblioteca Mário de Andrade. Rua da Consolação, 94, Centro.

Seminário sobre  a história do saquê, o processo de fabricação e a influência da bebida na cultura japonesa, além de apresentarem possíveis harmonizações com os ingredientes brasileiros. Imperdível!
O Sabor e a Beleza do Saquê. Sexta (26.04) e sábado (27.04), das 19 às 20h30. Gratuito mediante retirada de senha 1h antes.
Japan House. Av. Paulista, 52, Bela Vista.

Clube de leitura focado nas minorias. A estreia traz leitura e discussão acerca do livro “Tornar-se Negro: as vicissitudes da identidade do negro brasileiro em ascensão”, de Neuza Santos Souza, obra de 1983 que continua super atual. O livro pode ser baixado aqui.
Clube de Leitura Antirracista #1. Domingo (28.04), das 16 às 18h. Gratuito.
Casa das Rosas. Av. Paulista, 37, Bela Vista

Semana SPFW

Desfile de Lucas Leão, no SPFW. Foto: Agência Fotosite / divulgação SPFW
Desfile de Lucas Leão, no SPFW. Foto: Agência Fotosite / divulgação SPFW

Evento criado a partir da curadoria de Moda do CCSP, que estabelece relações com o São Paulo Fashion Week, que acontece no mesmo período. A mostra traz também colaborações das curadorias de Dança e de Cinema. Na programação tem performances, filmes, workshops, etc. Vale conferir a programação completa.
1ª Mostra do Avesso @CCSP. De 23 a 28 de abril, das 10 às 21h. Gratuito (somente o filme custa R$ 2). 
Centro Cultural São Paulo. Rua Vergueiro, 1000, Liberdade.

Começou ontem a Semana Fashion Revolution com uma extensa programação visando aumentar a conscientização sobre o verdadeiro custo da moda e seu impacto ambiental e social. Na programação rolam conversas, oficinas e até troca de roupas. Um dos destaques é o bate-papo da Bel (Hysteria) e Ana Paula Xongani que vão falar sobre a experiência delas com a série “Se Essa Roupa Fosse Minha”, que será exibida no GNT em agosto. O encontro acontece no dia 27.04, às 14h.
Semana Fashion Revolution. Até 28 de abril, das 10 às 22h. Gratuito – inscrições para os talks e oficinas são feitas 1h antes do início.
Diversos locais e horários. Programação completa aqui.

Quem escreveu

Lalai Persson

Data

23 de April, 2019

Share

Apresentado por

Lalai Persson

Lalai prometeu aos 15 anos que aos 40 faria sua sonhada viagem à Europa. Aos 24 conseguiu adiantar tal sonho em 16 anos. Desde então pisou 33 vezes em Paris e não pára de contar. Não é uma exímia planejadora de viagens. Gosta mesmo é de anotar o que é imperdível, a partir daí, prefere se perder nas ruas por onde passa e tirar dicas de locais. Hoje coleciona boas histórias, perrengues e cotonetes.

Ver todos os posts

    Adicionar comentário

    Assine nossa newsletter

    Vivemos em um mundo de opções pasteurizadas, de dualidades. O preto e o branco, o bom e o mau. Não importa se é no avião, ou na Times Square, ou o bar que você vai todo sábado. Queremos ir além. Procuramos tudo o que está no meio. Todos os cinzas. O que você conhece e eu não, e vice-versa. Entre o seu mundo e o meu.