Arte & Cultura

Suécia inaugura museu do fracasso

Data

16 de May, 2017

Share

Lembra da Pepsi Cristal? Do Sony Betamax ou do Google Glass? É claro que a grande maioria de produtos lançados fracassam, mas existem alguns que o barulho é tão grande que se tornam exemplos de fracasso. Sabendo disso, Samuel West, que é psicólogo, pesquisador e especialista em produtos fracassados, abre nesse verão o Museum of Failure na Suécia.

Crystal Pepsi
Crystal Pepsi

Apesar de parecer que um museu desse tipo seria a coisa mais deprê do mundo, a ideia de Samuel é exatamente o oposto. Ele quer que as pessoas tenham por lá uma experiência de aprendizado e que entendam que se querem evoluir ou inovar, elas têm que aprender a aceitar o fracasso. A ideia veio quando ele estava visitando outro museu na Croácia, o Museum of Broken Relationships (Museu das relações quebradas). Lá, ele teve o insight para o novo museu e saiu de lá com a missão de criá-lo.

Por enquanto, a exposição terá 60 objetos. Além dos citados acima, tem também um Nokia N-gage, um Apple Newton, a lasanha lançada pela Colgate, ou a Bic for Her, caneta lançada para o mercado feminino (né?). Alguns itens não são claramente um fracasso. Adicione na lista por exemplo a Kodak Digital Camera, que está aqui representando principalmente a demora da empresa em aderir a nova tecnologia – e que por causa disso, deixou a companhia a ver navios. Outro item capaz de causar alguma polêmica é um segway: será que podemos considerar um fracasso, sendo que a companhia continua firme e forte vendendo os carrinhos por aí?

Bic for Her
Bic for Her
Lasagna da Colgate
Lasagna da Colgate

Para quem se interessou: o museu abre no dia 7 de junho, na cidade de Helsingborg, na Suécia. Eles também levam uma versão pop-up do museu para outras cidades. Nos próximos meses passam por Berlim, Amsterdã e Miami. E, para saber mais, veja acesse a página dele.

Nokia N-gage
Nokia N-gage

 

Data

16 de May, 2017

Share

Assine nossa newsletter